‘Encontro com Vingadores está próximo’ diz diretor de ‘Guardiões’

Conversamos com James Gunn, diretor da franquia interestelar da Marvel, que nos adianta um pouco do futuro do universo

Guardiões da Galáxia Vol.2 ainda não estreou, coisa que faz nesta quinta-feira no país, mas muitas teorias tratam de especular o futuro da saga para além do filme. O grupo de heróis “diferentões” liderado pelo Star Lord é peça fundamental do universo audiovisual da Marvel, que culminará no longa Os Vingadores: Guerra Infinita, partes I e II. James Gunn, diretor da saga interestelar de Stan Lee, adiantou a VEJA que o encontro entre a equipe de Nick Fury e Peter Quill não tardará a acontecer, seja para que travem uma luta contra um inimigo comum ou mesmo entre si, como aconteceu em Capitão América: Guerra Civil. “Em futuro não tão distante, alguns guardiões irão se encontrar com os Vingadores”, diz Gunn.

Confira abaixo a breve entrevista exclusiva de James Gunn a VEJA:

 

Muita coisa aconteceu no universo cinematográfico da Marvel desde o primeiro Guardiões da Galáxia, de 2014. Houve uma Guerra Civil e entraram em cena dois novos heróis, Homem Formiga e Doutor Estranho. Como o seu filme vai interagir com os acontecimentos dos outros longas? Guardiões da Galáxia 2 se passa apenas dois meses depois do final do primeiro filme, então, na verdade, todos os acontecimentos de Era de Ultron ou Guerra Civil ainda não terão acontecido. 

Os filmes da Marvel são sucesso de crítica e bilheteria, algo que outros longas de super-heróis ainda tentam ser. Qual o segredo, na sua opinião? A resposta é muito simples: as pessoas por trás da Marvel. Kevin Feige, Louis D’Esposito (Marvel Studios), Axel Alonso (Marvel Comics). Todos se preocupam muito com os personagens, e principalmente com os fãs. Kevin, em particular, sabe levar exatamente o que o público ama em cada personagem para o cinema. Também, ele é excelente em escolher os diretores que trarão algo único para cada adaptação, eu com os Guardiões, Joss Wheadon em Os Vingadores, ou os irmãos Russo… Acredito que agora temos o melhor time que já existiu.

A trilha sonora de Guardiões da Galáxia Vol.1 também teve êxito. Você ajudou a escolher as músicas da Awesome Mixtape? Como foi essa curadoria? Sim, eu escolhi todas as músicas. A Awesome Mixtape é 100% James Gunn (risos). As músicas foram incluídas na história desde o roteiro, enquanto eu escrevia o roteiro, fui anotando o nome das canções que entrariam. Acho que a trilha sonora de Guardiões da Galáxia conta por si parte do enredo, como a relação do Peter Quill com a mãe.

Seu irmão, Sean Gunn, é famoso no Brasil pelo Kirk de Gilmore Girls, série em que ele “se aventura” como diretor. Como seria Guardiões da Galáxia dirigido pelo Kirk? Kirk seria um terrível diretor para Guardiões da Galáxia. Acho que ele filmaria todas as tomadas com a câmera no chão, ou de fora da casa. Kirk é um péssimo diretor, não sei se você viu os filmes dele, ele não é muito bom (risos). Mas o Sean Gunn é uma das estrelas de Guardiões da Galáxia 2, ele interpreta o Kraglin, um personagem muito importante para a sequência. Meu irmão abraçou o papel e fez dele a performance de sua vida, ele é ótimo.

Steven Tyler pediu um papel em Guardiões da Galáxia. Que tipo de personagem você acha que ele poderia interpretar? Eu nunca vi o Steven atuando, então não tenho ideia. Mas eu o conheço, é uma pessoa incrivelmente afetuosa e doce, e na maioria das vezes os afetuosos e doces dão os melhores vilões. Então, ele provavelmente seria um ótimo vilão.

Você tem planos de fazer um crossover entre Guardiões da Galáxia e os outros filmes da Marvel? Em futuro não tão distante, alguns guardiões irão se encontrar com os Vingadores, sim.

Você pode nos contar mais? Ainda temos que ver como isso irá acontecer!

Guardiões da Galáxia Vol.2 estreia nos cinemas brasileiros nesta quinta-feira, 27 de abril.