Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cantor Sam Smith faz acordo por plágio em ‘Stay with me’

O cantor pop britânico Sam Smith, que recebeu cinco indicações ao Grammy deste ano, foi forçado a pagar royalties ao americano Tom Petty pelo single Stay with me. A música teria semelhanças com o clássico I Won’t Back Down, de 1969. As informações são do jornal britânico The Sun.

Leia também:

Sam Smith vai assinar música-tema de novo ‘007’, diz jornal

Ainda de acordo com a publicação britânica, Smith e Petty chegaram a um acordo extrajudicial em outubro — nele, 12,5% dos créditos da composição passam a ser de Petty e do cantor e compositor Jeff Lyne, que também assina a música original.

Segundo a revista britânica NME, uma fonte próxima ao caso disse que quando a faixa de Sam foi divulgada ficou claro para diversos músicos que havia semelhanças notáveis entre as canções. Stay with me vendeu quatro milhões de cópias em todo o mundo e concorre em duas categorias do Grammy 2015 — melhor performance pop e gravação do ano.