Andrea Bocelli canta com detentos de presídio em Guarulhos

O tenor cantou a música "Con te Partirò" com o grupo, formado para auxiliar a reinserção social dos presos

O tenor italiano Andrea Bocelli visitou o Presídio Adriano Marrey, em Guarulhos, na tarde deste domingo (16) e conheceu de perto o projeto cultural que funciona dentro do local. O coral Próximo Encontro, formado por detentos, se apresentou e emocionou a todos. O próprio Bocelli foi cantar com eles o seu sucesso “Con te Partirò”.

A iniciativa de trazer Bocelli, que está em turnê pelo país e é conhecido pelo seu trabalho social, partiu do Instituto PDR/Humanitas 360, que acompanha o trabalho dos presos no Adriano Marrey. O tenor logo aceitou o convite e quis conhecer o trabalho desenvolvido com os presos.

“O principal objetivo é mostrar que é possível fazer um trabalho de humanização do cárcere e de reinserção social por meio dessas iniciativas”, disse a vice-presidente do instituto, Patrícia Villela Marino.

O presos apresentaram um show acústico para os presentes, com músicas do Rappa, Skank e Kid Abelha, e foram elogiados. Durante a canção “Con te Partirò”, Bocelli foi até o grupo e cantou junto com eles. Os presos se emocionaram e, no final, todos foram aplaudidos de pé.

“Foi tudo muito intenso e me deu vontade de cantar com eles. Esse grupo é muito bom”, disse o tenor, que estava acompanhado da esposa e de um intérprete. No final, Bocelli cumprimentou todos os integrantes e os agentes de segurança que iniciaram o projeto dentro do presídio, em 2010.

(Com Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. heitor zanini

    Isso que é classe e humildade. Muito distante de certos “artistas” brasileiros, arrogantes e cheios de sí.

    Curtir