Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Unesp divulga lista de aprovados para a 2ª fase do vestibular

Provas serão realizadas nos dias 14 e 15 de dezembro. Mais de 100 mil se inscreveram para a 1ª fase do vestibular

A Universidade Estadual Paulista (Unesp) divulgou nesta quarta-feira, dia 3, a lista de aprovados para a segunda fase do vestibular 2015. A lista pode ser acessada no site da Unesp.

O curso de medicina, em Botucatu, é o mais concorrido no vestibular, com 222,4 candidatos por vaga. Para a segunda fase, os candidatos deveriam acertar no mínimo 76 questões. Além de medicina, os cursos com maior concorrência são direito matutino, em Franca (66,4 candidatos por vaga); arquitetura e urbanismo, em Bauru (53,4); engenharia química, em Araraquara (47,9) e engenharia civil, em Bauru (44,1).

Leia também:

Unicamp lança livro com melhores redações do vestibular

Enem 2014: como fazer uma redação nota 1.000

Teste vocacional: descubra as carreiras que têm mais a ver com você

Para o ano letivo de 2015, a Unesp oferece 7.260 vagas em 174 cursos gratuitos de ensino superior, distribuídas em unidades localizadas em 23 cidades. A segunda fase do vestibular tem provas de conhecimentos específicos. No domingo, dia 14, serão 24 questões discursivas, sendo 12 de ciências humanas e 12 de ciências da natureza e matemática. Já na segunda-feira, dia 15, são 12 questões discursivas de língua portuguesa e literatura, língua estrangeira (inglês), educação física e artes e uma redação em gênero dissertativo.

Os participantes devem levar um documento oficial com foto e caneta esferográfica azul ou preta. Não será permitido o uso de celulares ou relógios, assim como qualquer aparelho eletrônico, durante a prova. Bonés, gorros, chapéus e óculos de sol também estão proibidos.

No vestibular 2015, o Sistema de Reserva de Vagas para a Educação Básica Pública (SRVEBP) garante um mínimo de 25% das vagas de cada curso para alunos que tenham feito todo o ensino médio em escola pública. De acordo com a Unesp, a medida deve ampliar a proporção destes alunos na universidade. Em 2014, a proporção de matriculados egressos de escolas públicas foi de 40,7%.