Odebrecht pagou por vinte anos pedágio às Farc

Empreiteira destinou um valor mensal de até 100 000 dólares aos narcoguerrilheiros colombianos para tocar obras em áreas dominadas por eles

Desde que jogou a toalha e desistiu de negar as acusações da Lava-Jato, a Odebrecht, maior empreiteira do Brasil, confessou crimes de arrepiar. Na toada de ilegalidades, acabou aceitando até embrenhar-se, literalmente, na selva do crime. A empreiteira deu dinheiro às Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) durante os últimos vinte anos em troca de “permissão” para atuar nos territórios dominados por elas. Os pagamentos, que começaram a ser efetuados nos anos 1990 e variavam de 50.000 a 100.000 dólares por mês, foram informados à Procuradoria-Geral da República. Não é uma ilegalidade semelhante ao pagamento feito a políticos, mas também não se trata de uma atividade limpa.

Para ler a reportagem na íntegra, compre a edição desta semana de VEJA no iOS, Android ou nas bancas. E aproveite: todas as edições de VEJA Digital por 1 mês grátis no Go Read.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. rogerio machado

    Lendo as aberracoes do Aloisio B. Entendemos pq o Brasil está nesta situacao critica, perdemos a referencia do certo e do errado, Ele (Aloisio) entende que corrupcao ocorre apenas quando uma entidade privada (empresa, pessoa fisica) da $$$ a uma entidade publica (orgao ou funcionario publico em geral), ou seja, uma visao absolutamente deturpada seja por conveniencia ou conivencia, para resumir uma empresa realmente seria, so aceitaria obras em locais onde o poder publico deste País pudesse garantir a Lei e a Ordem, simples assim, o resto é buscar justificativas para o injustificavel!!!

    Curtir

  2. Henrique Rosa Rodrigues

    Os amiguinhos das Esquerdas.

    Curtir

  3. Claudio Stainer

    A propina rapinada do Erário dos brasileiros enriqueceu as FARCS.

    Curtir

  4. Isso é o fim do mundo. Esses caras devem ser fuzilados, não presos. Olha o que estão declarando. Fomentaram guerrilhas, mataram gente inocentes. Inacreditável. Roubaram dinheiro do povo brasileiro, para financiar o crime organizado. Sem noção.

    Curtir

  5. Fernando Gaspar

    Essa Odebrecht fazia a festa com a grana publica do BNDES e da Petrobras, era só “passar o cartão” do c* do Lula que a grana saia. kkkkkkkkkkk

    Curtir