Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Manifestação contra as reformas de Temer fecha a Avenida Paulista

Protesto de centrais sindicais e movimentos de esquerda ataca propostas do presidente para Previdência e legislação trabalhista e convoca greve para abril

Manifestantes contrários à reforma da Previdência e ao projeto de terceirização ampla aprovado pela Câmara e que deve ser sancionado pelo presidente Michel Temer (PMDB) fecharam a Avenida Paulista no final da tarde desta sexta-feira, nos dois sentidos da via, desceram a rua da Consolação e chegaram à Praça da República, onde se encontraram com professores estaduais, que faziam assembleia.

Os organizadores estimaram em 50 mil o número de manifestantes presentes. A Polícia Militar não divulgou estimativa. O ato foi organizado por movimentos sociais, como a Central de Movimentos Populares (CMP) e o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) e entidades sindicais como a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e frentes de esquerda como a Povo sem Medo e Frente Brasil Popular.

A concentração de manifestantes era menor que a do dia 15 de março, que tinha o mesmo mote (contra as reformas) e contou com a presença do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Os organizadores tratam a manifestação como um “esquenta” para uma greve geral agendada para o dia 28 de abril, também contra as reformas.

O presidente da CUT, Vagner Freitas,  diz que a central irá atrás de cada um dos deputados que votarem a favor das reformas. “Nós iremos até onde eles moram, até onde eles trabalham, até os aeroportos. Vamos colocar o nome deles na internet e nos postes de todo o Brasil. Vamos transformar a vida deles em um inferno. Nenhum deles será eleito em 2018”, disse.

 

 

Protesto contra reformas do governo Temer

Na Avenida Paulista, manifestante segura cartaz durante protesto contra a terceirização e as reformas da previdência e trabalhista – 31/03/2017 (Luiz Cláudio Barbosa/Folhapress)

Vaias a Doria

Além dos tradicionais gritos de “Fora Temer”, os manifestantes vaiaram o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB). Uma liderança do movimento perguntou ironicamente para um grupo de garis se o tucano estava entre eles. E ele mesmo respondeu que o prefeito só se vestiu como funcionário de limpeza por “15 minutos”, pediu vaias ao prefeito e foi atendido.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Antonio Junior De Araujo Alexandre

    Que frustrante para a Esquerda!

    Curtir

  2. Um Presidente sem Legitimidade não pode proceder a Reformas de Tamanha Envergadura. Na verdade, somente uma Constituinte, já que foi uma Constituinte Anterior, a de 88, que definiu que deveria ser do jeito que é hoje, então, somente uma Nova Assembleia Nacional Constituinte pra fazer Reformas de Tanta Envegadura.

    Curtir

  3. Um Presidente sem Legitimidade não pode proceder a Reformas de Tamanha Envergadura. Na verdade, somente uma Constituinte, já que foi uma Constituinte Anterior, a de 88, que definiu que deveria ser do jeito que é hoje, então, somente uma Nova Assembleia Nacional Constituinte pra fazer Reformas de Tanta Envegadura.

    Mais, a Reforma da Previdência deve acontecer, mas não é essa Reforma, e sim uma baseada em dados reais, sem mentiras, sem propagandas do governo, sem interesses da Previdência Privada tão descaradamente enfiados na “Reforma”.

    Curtir

  4. Temer e um fraco!!! Fraco!!!! Fraco!!! Fraco!!! Porque não cobra a dívida previdenciária das grandes empresas? Porque não exige dos políticos 49 anos de contribuição? Porque não leva a classe política a abrir māos de direitos? Porque protege a ladrōes com manipulações políticas? Porque antes de falar em reformas não inicia verdadeiras reforma políticas? Porque não propõe leis mais duras para punir corruptos? Porque não tem corage de criar lei tributárias justas? Sabe porque??? Porque os fracos tentam serem fortes punindo o povo que não pode se defender!!! Sim o Temer e fraco por não ter coragem de fazer o que é correto!!! E fraco por seguir os passos de todos outros antes dele!!!! E mais fraco ainda porque nunca houve um momento tão oportuno de se mudar o País de verdade, mas ele não tem caráter nem força moral para ser um líder de verdade!!! Por isso eu o chamei de fraco diversas vezes!!!!

    Curtir