Após atentado, Perillo cancela agenda e retorna a Goiás

Governador estava em viagem oficial nos Estados Unidos. Ataque nesta quarta feriu o vice-governador, José Eliton, e matou candidato a prefeito de Itumbiara

O governador de Goiás, Marconi Perillo, cancelou a agenda nos Estados Unidos e vai voltar ao Brasil nesta quinta-feira, por causa do atentado contra o vice-governador, José Eliton (PSDB). O ataque matou o candidato à prefeitura de Itumbiara José Gomes da Rocha (PTB), líder nas pesquisas, nesta quinta-feira.

Leia também:
Vice-governador de Goiás respira sem ajuda de aparelhos
MP fala em crime político e busca mandante de atentado em Goiás

Perillo cumpria, desde o último dia 19, uma missão comercial para o Estado, que incluía as cidades de Montreal e Toronto, no Canadá, e Washington e Los Angeles, nos Estados Unidos. Oficialmente, o governador deveria retornar a Goiás apenas no sábado.

Nas redes sociais, Perillo disse estar “profundamente abalado” com o atentado e que determinou “o envolvimento de todas as forças de segurança e investigação para elucidar a origem e responsabilidade desta barbárie”. “Este ato de covardia e intolerância revela o nível de agressividade vivenciado hoje pela política brasileira e goiana”, completou o governador. “Violência, vingança, rancor e ódio não podem ferir ou matar a democracia”, terminou Perillo.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Lindomar Castro

    Infelizmente o povo tá revoltado e inseguro com esse políticos que nada fazem pra favorecer o povo, e lamentável isso que aconteceu em Goiás.

    Curtir

  2. Fábio Luís Inaimo

    E quem atirou? Foi o povo por acaso?? Quem gosta de bang bang é bandido, o povo não tem nada a ver com isso!

    Curtir