Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Aníbal: aumento de Serra em pesquisa reflete exposição

São Paulo – O secretário de Energia de São Paulo e pré-candidato do PSDB à disputa eleitoral para a Prefeitura de São Paulo, José Aníbal, sugeriu hoje que o avanço do também pré-candidato José Serra em pesquisa realizada pelo Datafolha na semana passada é reflexo apenas da recente exposição na mídia do ex-candidato tucano à Presidência da República. “Pesquisa Datafolha é apenas recall (tradução meio torta, recordação). Exposição intensa de um candidato, qualquer um, durante dias, cresce”, afirmou Aníbal em mensagem publicada no Twitter.

Na tentativa de minimizar a importância da pesquisa, que apontou uma expansão de nove pontos porcentuais na preferência de votos em Serra desde o final de janeiro, Aníbal lembrou que o primeiro turno das eleições municipais ocorrerá apenas em outubro. O pré-candidato também aproveitou o microblog para informar sobre o cronograma de reuniões com membros do PSDB e destacar que Serra participou de “todas as eleições” nos últimos 16 anos. “No caso do Serra, faz 16 anos que, em todas eleições, ele é candidato a prefeito (3 X), governador (1 X) e presidente (2 X)”, afirmou Aníbal em outra mensagem.

O atual secretário de Energia de São Paulo e o deputado Ricardo Tripoli (PSDB-SP) são os nomes cotados para disputar com Serra as prévias do partido, marcada para o próximo dia 25. Ambos os pré-candidatos têm comentado sobre a presença de Serra nos últimos dias, desde que o ex-candidato à Presidência anunciou a intenção de concorrer ao cargo de prefeito de São Paulo. “Serra vai ter que se explicar. Tudo o que vão falar para cima dele é se vai sair ou não (da Prefeitura para disputar a Presidência)”, disse Tripoli em evento realizado na quinta-feira passada, em referência a um dos temas que devem ser centrais na próxima disputa à Prefeitura paulistana, caso Serra seja escolhido.

Ontem, também via Twitter, Aníbal havia criticado Serra. “Com o passar dos dias o último candidato inscrito nada fala de debates sobre a cidade mas já ensaia falar como indicado”, afirmou, sem citar o nome de Serra. Horas antes, o secretário de Energia havia criticado outros envolvidos no processo de elaboração das prévias do partido. “Incrível ver personagens tucanas defenderem prévias e trabalharem para que não se realizem ou para tirar a integridade da liberdade de escolha”, aponta outro texto publicado por Aníbal ontem. (André Magnabosco)