De acordo com levantamento divulgado pela Unesco, o Brasil possui a oitava maior população de adultos analfabetos. São cerca de 14 milhões de pessoas.

A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), com dados coletados em 2012, mostra que a taxa de analfabetismo da população com 15 anos ou mais teve alta entre 2011 e 2012, passando de 8,6% para 8,7%.

Leia mais: Unesco: 38% dos analfabetos latino-americanos são brasileiros

Fonte: Unesco: Education for All Global Monitoring Report

Tags:

141 Comentários

  • Eu também sou analfabeto e NÃO tenho vergonha de admitir isto, porém, já deixei de crescer profissionalmente por conta disso!
    PS: Mandei minha mãe escrever

  • se existe a consciência negra deverá forçosamente existir a consciência indígena uma vez que eles sofreram juntos com os negros na dominância de povos mais adiantados, uma vêz que até a lingua tupi-guarani foi escluido , assim também o dia 19 de abril, o indio perdeu tudo as américas é discrimina

  • Cid Gomes é o nosso ministro da Educação. “Pobre diabo é o que sou”

  • Lacilda Alexandsre Tosta

    Ontem dia 26/01/2015, assistindo um debate na TV Senado com professores da UNB, dizendo que, no Brasil há mais 40.000.000,00 de analfabeto entre crianças e adultos. Será mesmo que procede, achei demais, e assustador. Em pleno século XXI, mudanças tecnológicas são tão veloz, é mesmo um paradoxo.

  • Acredito que seja até mais que isso. Os governos brasileiros criaram escolas que não ensinam. Cursos técnicos que não formam e Universidades que são verdadeiros negócios lucrativos. Sou professor e vejo essa realidade na minha frente. More no Brasil 3 meses e o conhecerá realmente.

  • Cleiton Sousa Lima

    Você acha que o governo está preocupado com a educação?
    Você é que tem que correr atrás….
    Não esperar por ele.

  • João Ferreira da Silva Neto

    Esses 14 milhões de analfabetos espalhados pelo país servem para mostrar ao nosso governo que a educação brasileira precisa urgentemente de reformas. Precisamos de um método de ensino mais moderno,interativo,menos enfadonho, com professores capacitados e que estimulem os alunos a aprenderem mais.

  • Jorge Luis dos Santos

    O CONCEITO DE “ANALFABETO” É UM DOS MAIS CONTROVERSOS. O NÚMERO DE CERTO FORA SUBESTIMADO. PROPONHO, EM CONTRAPONTO, O ÍNDICE DE IRRACIONALIDADE SOCIAL, OU SEJA, UM ÍNDICE QUE PREVERIA OS EFEITOS DESSA FORMAÇÃO EDUCACIONAL NA COLETIVIDADE NA PRÁTICA (CRIMINALIDADE, SAÚDE, SEGURANÇA…).

    • Habría que agregar a tu certero comentario el avance del estelionato religioso y número de pastores, bispos, salvadores, milagreros que en el Brasil, masacran a los desposeídos y a los que buscan un milagro para que los salve de su pobreza.

  • to achodo q o pais nao vai mudar pois o governo estao gasdanto o noso dineros srs

  • Essa pesquisa não é boa, primeiro porque não leva em consideração percentual de população, segundo porque o problema nem é mais analfabetismo, mas o semi-analfabetismo e o nível da educação. Boas pesquisas usam o ENEM/ENADE, e o Brasil fica BEM PIOR dai.

    • Que essa pesquisa não é boa está na cara, Alex. Na cara e em todas as estatística sobre educação que colocam o Brasil lá no final de todos os rankings. Vamos deixar de utopia e cair na real?…

  • Gostaria que para ser considerada alfabetizada as pessoas soubessem ler e escrever bem e não apenas escrever o seu nome, o que muitas vezes nem o próprio dono consegue ler o que escreveu.

  • Esse número é muito maior, isto é baseado em dados de formandos, como a educação no brasil tornou-se subjetiva hoje vemos cidadãos com diploma de graduação semi analfabetos, o que na prática é a mesma coisa que analfabeto. Enquanto os valores de esquerda estiverem enraizados no brasil vai ser isto..

  • Isso é MANIPULAÇÃO!
    Claro que devemos melhorar nossa educação
    PORÉM:
    Somos o 5° PAÍS MAIS POPULOSO
    Se estivéssemos na média mundial,
    seríamos o 5° país com mais analfabetos
    Ou o 5° maior número de carros, 5° PIB… etc
    Então, ser o 8° em analfabetos
    É MELHOR QUE A MÉDIA MUNDIAL

  • A continuar o desvio de recursos da educação, logo, logo chegaremos ao pódium.

  • Culpar governos é o que impera nos últimos anos e a situação do Brasil ainda está muito crítica. Não seria a hora de cada um de nós, direcionar as críticas ao entorno, manifestar-se de forma explícita, numa situação singular, no “aqui e agora”, encontrando seus pares para fazer a diferença?

    • É verdade, Eugênia Braga, se gasta tanto tempo nas críticas aos sistema atual, mas lá na escola é difícil encontrar alguém que conheça a conjuntura brasileira e que se disponha a avaliar, e propor inovações com toda a tecnologia, as verbas, materiais pedagógicos que estamos recebendo.

    • Bem vindo ao #poderpopular
      É o que o PCB propõe, maior atividade política por parte da população, se você usa o tempo para a sociedade, ele teria de ponderar com outros fatores, como lazer e trabalho, e também esportes e educação ou aprendizado, como bem quiser. Pesquise Presidente Mauro Luis Iasi.

  • Todos os países do mundo possuem analfabetos adultos. A educação universal é tem alguns décadas somente. Países europeus possuem adultos analfabetos do pós guerra. Os adultos no Brasil, na infância não tiveram acesso à nenhuma escola, grande desafio oferecer a esses alguma escolaridade.

    • Não diz besteira. Meus avós vieram do Japão, sem falar português e expressam-se mil vezes melhor que a Dilma. Quem quer estudar, estuda. Um ex-presidente se vangloriava de não estudar, quer o que? Lógico, estudar pra que se depois as pessoas vão invadir terremos particulares, terão cotas, bolsa etc

  • Isto sem incluir na estatística os analfabetos funcionais que também são milhões.

  • Luiz Moreira de Lima

    O analfabetismo é apenas o reflexo dos politicos que infelixmente nos governam.Se consideramos que estes raramente tem o ensino fundamental e que seus eleitores vivem no mesmo patamar, não é de se esperar que haja interesse destes em permitir que o povo venha a se instruir e votar com entendimento.

  • E sobre o analfabetismo infantil? Neste quesito estamos bem né? Esses analfabetos adultos são o reflexo do descaso com a educação em 20 anos de regime militar!

  • Nem tudo que é lido deve ser considerado sem ser analisado! Será que em uma pesquisa relativa, e não absoluta, estaríamos tão ruim assim? Porque, logicamente, o Brasil deveria ter mais analfabetos do que o Congo, por exemplo. Porém, se for em percentual, aí sim nós temos que ficar preocupados.

  • Só paises lixo na lista…

  • Continha camarada para o Brasil… Só 14 milhões? Auditoria nesses dados já.

  • Se os analfabetos estivessem distribuídos por faixas etárias poderíamos ver como o número veio evoluindo. Se o Programa Bolsa Família tivesse sido implantado como corresponde (com indicadores em várias etapas do programa) também seria possível apreciar o seu impacto nesta área. Quem vai rever isso?

  • A revista tem razão com relação à população do Congo.Existe a República do Congo (com 4,574 milhões de habitantes) e a República Democrática do Congo(com 75,507 milhões de habitantes), segundo o site CIA – The World Factbook .Daí a possível confusão.

  • Parece ser um problema sem solução.Me lembro do Mobral, acho que anos 70, mas a situação só piorou.Não há interesse político por parte do governo.Triste a nossa educação pública, de uma forma geral.E mais triste por ser o Brasil um “país emergente”.Chamo isso de vergonha.

  • Como é a que os fanáticos pelo pt (do qual já fiz parte e me arrependo) ainda conseguem, ao invés de olhar o que deveria estar sendo feito agora e no passado recente e não foi, ficam tentando achar quem é o culpado? A “ditadura” (maldita), ao menos, teve o Mobral. Que se fez na era Lula?

    • Cotas, jovem, só isso…

    • É engraçado como as pessoas criticam o governo pelo analfabetismo; se esquecem que os pais sao fundamentais nessa área. O governo tem investido na educação nesses ultimos tempos. cabe os pais, fazer o seu papel, incentivar seus filhos a estudarem, ficarem atentos a presença dos seus filhos na escola

  • O adulto analfabeto de hoje, era criança nos governos anteriores ao PT, inclusive o do sociólogo.

  • O Brasil, com 201 milhões de habitantes, é o quinto pais do mundo em termos de população. De modo que ser o oitavo em número absoluto de analfabetos, Não é surpreendentemente ruim. O interessante seria ver a posição do Brasil em termos relativos (% de analfabetos).

    • Claudio Lindemberg

      O Brasil está na posição 95 na lista de países por alfabetização, com 14 milhões de adultos analfabetos representando 38% de analfabetos na miserável América do Sul. Espero que alguém responsável considere tais dados como “surpreendentemente ruím”.

  • 8º lugar em analfabetismo e o governo do estado informatizou alguns serviços como a carteirinha de passe escolar.O cara não sabe ler direito,não tem computador e se não tem grana para pagar alguém pra preencher o formulário….tá na roça.A SP TRANS só assiste a bagunça.Eu faço parte da estatística..

  • Alguns destes analfabetos conseguiram furar o bloqueio e invadir este espaço.

  • Um recado pra Andrea C.: Só Cuba tem diplomadas universitárias trabalhando como prostitutas. É pra lá que o PT está levando o Brasil, com tanta universidade de porcaria. Graças a Deus já me arranquei deste país, livrando minhas filhas desse risco! Aceite que a situação no Brasil só vem piorando.

  • Oitavo país do mundo e o primeiro na presidência de um país.

  • A educação, assim como outros setores, só terão jeito um dia no Brasil quando for adotado um projeto de lei que se faça OBRIGATÓRIO pessoas públicas (prefeitos, deputados, senadores, presidente etc) e seus familiares utilizarem exclusivamente serviços públicos, nos quais administram.

  • Passa os dados agora em porcentagem…

  • Estamos em plena era da mediocridade, onde se faz apologia da ignorância. Acredito que se somarmos os analfabetos funcionais o número se aproxima de 100 milhões. E o futuro, como fica?

  • desculpe o desconhecimento, mas, como o congo pode ter 12,4 milhões de analfabetos com 4 milhões de habitantes?
    seria bom também, catar os analfabetos funcionais, que deve ser bem mais da metade do brasil.

  • O Brasil tem a 8ª colocação entre esses países. Se fossem países como Inglaterra, Estados Unidos, Austrália e outros desenvolvidos, com certeza o Brasil estaria na 1ª colocação.

  • De acordo com a classificação de cada país, a classificação do Brasil quem possuir 4 anos ensino fundamental já não considera Analfabeto, a classificação da China quem não completou o segundo grau do ensino médio, é considerado analfabeto.

  • carlos de oliveira ribeiro

    Êste um número absoluto que não traduz a realidade de cada país.Tem de se levar em consideraçãoos valôres relativos,ou seja,o numero de analfabetos pelo total da população de cada país e aí sim,comparar.

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado

*

Você ainda tem caracteres.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais(e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluidos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.