O pé esquerdo

Uma de duas: Raquel Dodge ou caiu numa armadilha ou participou deliberadamente de uma farsa.

A doutora Raquel Dodge definitivamente não estreou bem em suas andanças antes mesmo de tomar posse, daqui a 40 dias, como procuradora-geral da República. Iniciou a caminhada com o pé esquerdo ao aceitar um encontro noturno fora da agenda no Palácio do Jaburu o presidente Michel Temer, em cenário semelhante ao diálogo gravado entre Temer e Joesley Batista que sustentou a denúncia da PGR rejeitada pela Câmara, mas mantida como cadáver insepulto a ser ressuscitado ao fim do mandato presidencial.

De duas, uma: ou a futura chefe do Ministério Público caiu numa armadilha montada pelos artífices palacianos para conferir, por comparação, naturalidade ao encontro com Joesley ou participou deliberadamente de uma cena cujo caráter de farsa fica exposto na própria justificativa oficial para a reunião, a de que presidente e procuradora precisavam cuidar dos detalhes da cerimônia de posse.

Nenhuma das duas hipóteses fala a favor dos protagonistas. A Dodge faltou a cerimônia e o respeito indispensáveis ao cargo para o qual foi nomeada. A Temer assolou carência de senso do ridículo no preparo do ardil e criatividade na montagem da versão.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Luiz Chevelle

    O motor da Dodge está queimando óleo.

    Curtir