Depois do mensalão, o PT fundou a única torcida do mundo que não sabe ganhar

PUBLICADO EM 12 DE NOVEMBRO DE 2010 Em vez de festejar a própria vitória, eles preferem celebrar a derrota dos outros. Em vez de confraternizar com os que cumpriram a ordem do chefe da seita e votaram em Dilma Rousseff, preferem errar pela internet à caça dos que optaram pelo adversário, para condená-los à danação […]

PUBLICADO EM 12 DE NOVEMBRO DE 2010

Em vez de festejar a própria vitória, eles preferem celebrar a derrota dos outros. Em vez de confraternizar com os que cumpriram a ordem do chefe da seita e votaram em Dilma Rousseff, preferem errar pela internet à caça dos que optaram pelo adversário, para condená-los à danação eterna sob uma chuva de insultos. Em vez de festejar nos blogs estatizados, onde se sentem em casa, preferem bater à porta  ─ e ser escorraçados ─ dos que não estão à venda. Em vez de dormir sonhando com os oito anos de Lula, preferem seguir insones com os dois mandatos de Fernando Henrique Cardoso.

Eles não sorriem, não se divertem, repetem milhares de vezes a histérica gargalhada eletrônica, nunca ficam alegres, simplesmente alegres. Reféns voluntários do ressentimento, portadores do rancor que proíbe o convívio dos contrários, são incapazes de expressar-se com serenidade: berram, urram, uivam, rosnam. Prisioneiros do pensamento único, não raciocinam, não refletem: recitam o que ouvem dos celebrantes de missas negras, fazem o que os comandantes ordenam, torturam o idioma e a lógica com o desembaraço dos que se dispensam de perder tempo com dúvidas. Sobretudo, não compreendem a ironia fina, uma forma superior de inteligência.

Porque só sabem viver possessos, os devotos da seita companheira  jamais serão felizes. Foi assim antes da eleição deste outubro. E assim será até o fim dos tempos (ou do partido). Como tantas, a torcida fundada pelo PT depois do mensalão nunca soube perder. A novidade é que se tornou a única do mundo que também não sabe ganhar.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Onix

    Eu não me preocupo com quem faz apologia ao crime de corrupção, então falo o que penso em qualquer lugar. Quem não gostar coma menos, quem gostar coma mais e grite: Fora PT, fora corrupção. Falo no UOL, Globo.com e em todos que defendem essa pouca vergonha e querem que engulamos uma mudança de democracia para “roubologia” comunista.

    Curtir

  2. Comentado por:

    dorismara f moura

    tudo e muito triste povo que votou foi na bolça familia

    Curtir

  3. Comentado por:

    Onix

    Eu não sou tucano, não sou vermelho, não sou bolsista, não sou político, não amigo de petistas, não sou e nunca serei petista, mas sou BRASILEIRO e não concordo com um governo e um partido que enlameou o Brasil pós ditadura. Vergonha na cara não é não ter comida pra comer, mas sim ter cara pra cobra dos corruptos, de pedir cadeia para todos, seja quem for e gritar: Fora PT, fora corrupção.

    Curtir