Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Uber cobra 18 mil dólares por uma corrida de 20 minutos no Canadá

O trecho percorrido tem custo que varia entre 16 dólares canadenses (41 reais) e 25 dólares canadenses (64 reais)

Por Da redação - Atualizado em 13 dez 2017, 19h27 - Publicado em 13 dez 2017, 12h56

Um passageiro da Uber recebeu uma cobrança de 18.518,50 dólares canadenses (cerca de 46.000 reais) por uma corrida de 20 minutos em Toronto, no Canadá. O trecho percorrido tem pouco mais de 5 quilômetros e preço que varia entre 16 dólares canadenses (41 reais) e 25 dólares canadenses (64 reais).

O caso ganhou repercussão quando Emily Kennard, amiga do passageiro, divulgou em sua conta no Twitter um print com o recibo da corrida. O valor cobrado é 540 vezes  maior- diferença contestável mesmo com o uso da tarifa dinâmica, que sobe o preço quando há aumento de demanda.

Segundo a canadense, a Uber recusou-se a fazer o reembolso do valor. “Ele [passageiro] contestou, mas eles não estão recuando”, contou Emily a um de seus seguidores.

Com a repercussão, a Uber decidiu posicionar-se e devolver o valor ao passageiro. Em nota, a empresa informou que houve um erro. “Vamos providenciar um reembolso total. Nós pedimos sinceras desculpas a esse passageiro pela experiência”.

Publicidade