Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Teto da renda das famílias cai para 5 mínimos, diz IBGE

Por Alessandra Saraiva

Rio de Janeiro (AE) – O teto de renda mensal das famílias pesquisadas pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) diminuiu de seis para cinco salários mínimos mensais, segundo informou a coordenadora de índices de preços do IBGE, Eulina Nunes dos Santos. A mudança é decorrente da atualização de pesos de produtos de serviços dentro do índice, tendo como base os novos hábitos de consumo apurados pela Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) de 2008-2009.

A técnica explicou que a redução reflete a intenção do instituto de utilizar o INPC para pesquisar as famílias nas camadas mais baixas de renda. Ela lembrou que o salário mínimo mostrou aumentos significativos de preço com o passar dos anos. Isso, na prática, faz com que o instituto diminua o teto de salários mínimos neste índice, para que ele possa mensurar o impacto de preços percebido entre famílias mais pobres. “Houve um tempo em que o teto era de até oito salários mínimos mensais”, acrescentou.