Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Smiles tem lucro de R$ 29,8 milhões no primeiro trimestre

Resultado é o primeiro divulgado após entrada da empresa de planos de fidelidade na bolsa de valores

A empresa de planos de fidelidade Smiles encerrou o primeiro trimestre deste ano com lucro líquido de 29,8 milhões de reais. O resultado foi informado pela companhia na noite da última segunda-feira.

A receita líquida da Smiles nos três primeiros meses deste ano foi de 116,6 milhões de reais. A empresa não divulgou números comparativos sobre os três primeiros meses do ano passado.

O Smiles foi criado em 1994, como o programa de milhagens da extinta Varig. Doze anos depois, a companhia faliu e foi incorporada pela Gol, que também absorveu o Smiles. No ano passado, o programa foi ampliado e se tornou um plano de fidelidade, que permite o acúmulo de pontos por meio de vários parceiros, assim como a troca desses pontos por produtos, e não apenas passagens aéreas.

Em dezembro de 2012, a Gol decidiu transformar o Smiles em uma empresa, que administraria o plano de forma independente. Em abril deste ano, a Smiles realizou uma oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) que levantou 1,132 bilhão de reais.

Gol no vermelho – Ao contrário da Smiles, a Gol teve prejuízo no primeiro trimestre. O saldo negativo da companhia aérea foi de 75,29 milhões de reais no período. A perda foi 81,8% maior que a registrada no ano passado, quando a Gol teve prejuízo de 41,4 milhões de reais.

A dívida líquida da Gol também cresceu no trimestre, alcançando 3,727 bilhões de reais, 37,2% acima dos 2,717 bilhões de reais ao final de março de 2012 e 3,4% superior aos 3,606 bilhões de reais observados no encerramento do ano passado.

Leia também:

BB Seguridade e Smiles abrem período de IPOs no Brasil

Prejuízo da Gol aumenta 81,8% no 1º trimestre

Gol vai reestruturar Smiles antes de ir à Bolsa

Gol amplia programa de fidelidade e cria Smiles Shopping

(com agência Reuters)