Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Produção industrial da China sobe 10,4% em agosto

Número veio acima das expectativas de mercado e anima investidores sobre uma aceleração mais rápida da segunda maior economia do mundo

A produção industrial da China teve crescimento de 10,4% em agosto na comparação com o mesmo período do ano passado. Em julho, a expansão havia sido de 9,7% em relação a 2012, segundo dados do Escritório Nacional de Estatísticas. Trata-se do maior crescimento em 17 meses para o país – o que aumenta a confiança de que, após uma desaceleração, a segunda maior economia do mundo retome o ímpeto. O avanço de agosto superou as estimativas dos analistas, que esperavam alta de 9,9%.

Ainda segundo as autoridades chinesas, a produção industrial aumentou 0,93% em agosto ante o mês anterior. Em julho, a produção havia subido 0,88% na comparação com junho. “Os números melhores do que o esperado mostraram que o ímpeto da recuperação da economia da China é mais forte do que as expectativas do mercado”, disse Li Huiyong, economista do Shenyin & Wanguo Securities.

Leia também:

Exportações chinesas continuam em recuperação

Yuan entra para o ranking das 10 moedas mais negociadas

Apesar da aceleração, o governo chinês deixa claro que pode aceitar um crescimento mais lento, conforme tenta diminuir a dependência da economia do investimento e das exportações em favor do consumo doméstico. O governo determinou uma meta de crescimento econômico para 2013 de 7,5%, o que seria o resultado mais fraco em mais de duas décadas.

As autoridades chinesas também divulgaram que as vendas no varejo subiram para 13,4% em agosto na comparação anual, com o ritmo anual de investimentos em estoques acelerando ligeiramente para 20,3% nos primeiros oito meses de 2013.

Dados do banco central chinês também mostraram nesta terça que os novos empréstimos bancários chegaram ae 711,3 bilhões de yuan (116,2 bilhões de dólares) em agosto, acima da expectativa de 700 bilhões de yuan.

(Com Reuters e Estadão Conteúdo)