Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Natura anuncia a compra da Avon

Com aquisição, grupo afirma que será o 4º maior no setor de beleza do mundo; juntas, empresas têm valor estimado em US$ 11 bilhões, cerca de R$ 48,8 bilhões

Por Da redação
Atualizado em 22 Maio 2019, 19h43 - Publicado em 22 Maio 2019, 18h51

A Natura, empresa fabricante de cosméticos, anunciou nesta quarta-feira, 22, a aquisição da Avon em uma operação de troca de ações. De acordo com a companhia, a operação cria o quarto maior grupo exclusivo de beleza do mundo.

A partir da transação, será criada uma nova holding brasileira, Natura Holding. Os atuais acionistas da Natura ficarão com 76% da nova companhia, enquanto os atuais detentores da Avon terão os demais cerca de 24%.

No negócio, o valor da Avon é estimado em 3,7 bilhões de dólares (aproximadamente 14 bilhões de reais), e o da nova companhia combinada em 11 bilhões de dólares (48,4 bilhões de reais). Os papéis da Natura Holding serão listados na B3, a bolsa brasileira, e terão certificados de ações (ADRs) negociados na bolsa de valores de Nova York (NYSE).

Em comunicado, a Natura disse que com a aquisição da Avon, o grupo conta agora com 6,3 milhões de Representantes e Consultoras, presença geográfica global, com 3,2 mil lojas. “Com a Avon, a Natura &Co terá faturamento bruto anual superior a 10 bilhões de dólares, mais de 40 mil colaboradores e presença em cem países”, afirma a companhia.

Continua após a publicidade

A Natura afirma ainda que a transação permanece “sujeita às condições finais habituais, incluindo a aprovação tanto pelos acionistas da Natura quanto da Avon, assim como das autoridades antitruste do Brasil e outras jurisdições”. A conclusão da operação é esperada para o início de 2020.

O presidente do conselho da Avon, Chan Galbato, afirma que “o Conselho da Avon está confiante que a Natura será uma parceira poderosa para a marca, ao mesmo tempo em que oferece mais escala, operações e oportunidades ampliadas para colaboradores e Representantes, além de tremendo potencial de ganho para acionistas de ambas as empresas”.

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.