Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Média diária de exportação de carne cai 19% após operação

Nos 19 primeiros dias de março, a média diária de embarques do produto foi de 62,2 milhões de dólares; montante caiu para 50,5 milhões de dólares

As exportações de carne caíram após a Polícia Federal deflagrar a Operação Carne Fraca, no último dia 17. Números do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) mostram que a média diária de exportação do grupo carnes (incluindo bovina, suína, frango e outras) caiu 19% na quarta semana de março (dias 20 a 26), na comparação com o acumulado do mês até a terceira semana.

Nos 19 primeiros dias de março, a média diária de embarques do produto foi de 62,2 milhões de dólares. Já na semana passada, após a Operação Carne Fraca, a média por dia de vendas externas foi de 50,5 milhões de dólares.

Ainda assim, a média diária de exportações total do Brasil na quarta semana foi de 890,6 milhões de dólares, 0,4% superior à média de 886,9 milhões de dólares verificada em março até a terceira semana do mês.

Já a chega a 31 o número de mercados que adotaram algum tipo de restrição ao produto nacional ou solicitaram informações adicionais ao país após a Operação Carne Fraca. Nesta semana, entraram para lista Peru, que fez a suspensão temporária de dois frigoríficos, além do Bahrein, Marrocos, Zimbábue, Santa Lúcia e Irã.

O Ministério da Agricultura tenta derrubar as barreiras ao produto brasileiro. Representantes da União Europeia se reúnem nesta terça-feira com autoridades brasileiras para discutir o assunto.

(Com Estadão Conteúdo)