Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Kroton pede abertura de capital da holding Saber

Medida tem como objetivo emitir dívida no mercado de capitais para financiar a aquisição da Somos Educação

Por Reuters 14 jun 2018, 10h22

A Kroton Educacional pediu à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) a abertura de capital da Saber Serviços Educacionais, com o objetivo de emitir dívida no mercado de capitais para financiar a aquisição da Somos Educação, disse a empresa em comunicado ao mercado nesta quinta-feira, 14.

A Kroton pediu o registro de emissor de valores mobiliários categoria B da Saber, holding criada para consolidar todas as operações de educação básica da companhia, incluindo as operações decorrentes da aquisição da Somos Educação.

  • “O processo de abertura de capital da Saber se insere em um contexto de estruturação e sofisticação de governança corporativa para futura captação de dívida no mercado de capitais, os quais serão utilizados para financiar e concluir a mencionada aquisição do controle acionário da Somos, dentre outras”, disse a Kroton, sem mencionar o valor da futura captação.

    De acordo com reportagem publicada no jornal Valor Econômico, a Kroton pretende captar 5,5 bilhões de reais com a emissão de debêntures pela Saber.

    A Kroton anunciou em abril a compra da Somos Educação por meio da holding Saber por 4,6 bilhões de reais. A operação ainda está sujeita a aprovação pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade).

    Continua após a publicidade
    Publicidade