Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Fazenda autoriza empréstimos a Fortaleza e Roraima

Caixa Econômica irá emprestar R$ 141,7 milhões à cidade de Fortaleza e outros R$ 344 milhões ao estado de Roraima

Por Da Redação
12 jul 2013, 10h15

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, autorizou nesta sexta-feira que a União avalize dois empréstimos feitos pela Caixa Econômica Federal – um para a cidade de Fortaleza (CE) e outro para o estado de Roraima. As autorizações estão publicadas em despachos no Diário Oficial da União. Com as decisões, o município de Fortaleza poderá obter crédito de 141,7 milhões de reais da Caixa. O valor será aplicado à execução de empreendimentos do Programa Pró-Transporte Copa 2014.

Já o estado de Roraima está autorizado a contratar 344 milhões de reais da Caixa para usar como aporte de capital e pagamento de obrigações à Companhia Energética de Roraima S.A (CERR). As duas operações contarão com a interveniência do Banco do Brasil.

Leia mais:

Patrimônio do BNDES recua 38% em dois anos

Volume de crédito liberado pelo BNDES sobe 67% de janeiro a maio

Continua após a publicidade

Nesta semana, diversos empréstimos a estados foram aprovados e avalizados pela União. Na segunda-feira, foi publicado no DOU despacho autorizando, em caráter excepcional, garantia da União para contrato entre o estado de Santa Catarina e o Banco do Brasil (BB), um financiamentono valor de 1,056 bilhão de reais para os Projetos Caminhos Estratégicos da Produção e Prevenção de Desastres Naturais do Estado. No mesmo dia também foi autorizada garantia da União a empréstimo de 733,5 milhões de reais que o estado de Mato Grosso do Sul contratará junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Nesta terça a Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado autorizou empréstimos de organismos internacionais a três estados do país: Sergipe, São Paulo e Pernambuco. Uma dessas operações foi o empréstimo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para o Sergipe no valor de até 5,788 milhões de dólares para o financiamento do Projeto de Modernização Fazendária do Estado de Sergipe (Promofaz). O estado também pediu autorização para outro empréstimo, do Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola (Fida), no valor até 10,312 milhões de direitos especiais de saques (uma espécie de moeda internacional), para financiar o Desenvolvimento de Negócios Rurais para Pequenos Produtores (Projeto Dom Távora).

No caso de São Paulo, o Senado aprovou que fosse tomado emprestado até 200 milhões de dólares da Corporação Andina de Fomento (CAF). O objetivo é financiar o Programa de Transporte, Logística e Meio Ambiente. Por fim, o empréstimo do BID para Pernambuco, de até 550 milhões de dólares, terá como destino o financiamento do Programa de Desenvolvimento das Políticas Públicas do Estado de Pernambuco 2.

Leia também:

Senado quer ouvir Augustin sobre empréstimos a estados

Banco Mundial aprova empréstimo de US$ 150 milhões ao estado de Sergipe

São Paulo

Sergipe

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.