Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Europa recua após leilão italiano com yield histórico

Por Gabriel Bueno

Londres – Os principais índices das bolsas europeias operavam em território negativo, enquanto investidores digeriam a notícia sobre um leilão ruim de bônus da Itália. Além disso, a falta de qualquer promessa sobre mais afrouxamento quantitativo pelo Federal Reserve em seu último encontro e a contínua oposição da Alemanha a se aumentar o tamanho do fundo de ajuda da Europa pesam sobre as bolsas.

Às 11h21 (de Brasília), o índice FTSE 100, da Bolsa de Londres, recuava 0,94%. O DAX, da Bolsa de Frankfurt, caía 0,87%, enquanto o índice CAC 40, da Bolsa de Paris, perdia 1,36%.

A Itália vendeu hoje o máximo pretendido de 3 bilhões de euros em bônus de 5 anos, mas pagou o yield (retorno ao investidor) mais alto da era do euro, de 6,47%.

Ontem, os membros do Federal Reserve, banco central norte-americano, não tomaram qualquer ação imediata para preparar uma terceira rodada de afrouxamento quantitativo (QE3) para impulsionar a economia. Além disso, o BC dos EUA ainda alertou para “riscos significativos” para a economia.

Os investidores também ficaram descontentes com o fato de a chanceler alemã, Angela Merkel, reiterar sua oposição ao aumento no poder de fogo do fundo permanente da União Europeia, o Mecanismo de Estabilidade Europeia. As informações são da Dow Jones.