Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Criação de emprego nos EUA acelera e taxa de desemprego cai a 5,5%

Em fevereiro, foram criadas 295 mil vagas de trabalho, após 239 mil em janeiro, o que pode encorajar Fed a elevar juros em junho

Por Da Redação 6 mar 2015, 13h46

A criação de empregos nos Estados Unidos acelerou em fevereiro e a taxa de desemprego caiu para 5,5%, sinais que podem encorajar o Federal Reserve, banco central do país, a considerar elevar a taxa de juros em junho. No mês passado foram criadas 295 mil vagas após 239 mil em janeiro, em dado revisado para baixo, informou o Departamento do Trabalho nesta sexta-feira. A taxa de desemprego em janeiro era de 5,7%, nível mais baixo desde maio de 2008.

Economistas consultados pela Reuters estimavam criação de 240 mil vagas em fevereiro. Eles previam também que a taxa de desemprego caísse em 0,1 ponto percentual, para 5,6%.

Leia mais:

Criação de vagas nos EUA é a menor em oito meses

Fed pode elevar taxa de juros antes do previsto, diz Yellen

Continua após a publicidade

Economia norte-americana cresce 4,2% no 2º trimestre

Os dados sugerem que o mercado de trabalho dos EUA continua a se fortalecer, embora a queda da taxa de desemprego reflita em grande parte pessoas que deixaram a força de trabalho.

Autoridades do Fed estão monitorando de perto os indicadores econômicos para ajudar a determinar quando será o momento adequado para um amento de juros, com o objetivo de evitar um superaquecimento da economia.

O relatório de emprego foi divulgado pouco mais de uma semana antes da reunião de política monetária do banco central dos EUA em 17 e 18 de março. Muitos economistas esperam que o Fed possa sinalizar sua abertura a uma alta dos juros em junho ao retirar uma promessa de ser “paciente” ao avaliar um possível aumento.

(Com agência Reuters)

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)