Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bovespa tem melhor desempenho trimestral desde 2009

O Ibovespa fechou a sexta-feira em alta de 0,99%, a 74.293 pontos, acumulando perda de 1,45% na semana

O principal índice da bolsa paulista fechou em alta nesta sexta-feira, após uma sequência de seis quedas abrir espaço para ajustes. Com isso, a Bolsa fechou setembro com a terceira alta mensal seguida e o melhor desempenho trimestral em oito anos.

O Ibovespa fechou em alta de 0,99%, a 74.293 pontos, acumulando perda de 1,45% na semana. No mês, o índice subiu 4,88%, no trimestre, a alta foi de 18,11%, o maior ganho desde o terceiro trimestre de 2009 (19,53%).

O giro financeiro deste pregão somou 9,07 bilhões de reais, um pouco abaixo da média diária verificada no mês até a véspera, de 10,01 bilhões de reais.

Após uma série de altas que levou o Ibovespa a fechar nos 76 mil pontos pela primeira vez na história na semana passada, o índice engatou um movimento de realização e acumulou queda de 3,21% em seis pregões, interrompendo as perdas nesta sessão que teve ainda o respaldo de uma diminuição da aversão a risco no exterior.

“A tendência para a bolsa ainda é de alta, mas não dá para dizer que o movimento de realização acabou”, disse o analista de investimentos Pedro Galdi da corretora Magliano, que vê o Ibovespa em torno de 82 mil pontos ao final do ano.

 

O cenário político local permanece como motivo de cautela diante de receios de que a mais recente denúncia contra o presidente Michel Temer atrase as reformas, incluindo a da Previdência. No entanto, o peso da política tem sido contrabalançado por dados que vêm corroborando uma expectativa de melhora da economia, como a desaceleração da inflação e os juros em queda.

Nesta manhã, essa visão ganhou respaldo após dados mostrando a diminuição do desemprego no país nos três meses até agosto, para uma taxa de 12,6%, ante 12,8% no trimestre até julho.

(Com Reuters)