Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bovespa e dólar fecham em alta após afastamento de Dilma

Principal índice da bolsa subiu 1,1% e moeda americana avançou quase 0,8%, cotada a 3,47 reais

A Bovespa fechou com o seu principal índice em alta nesta quinta-feira, após o Senado aprovar abertura de processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff e afastá-la do cargo. Com a decisão, o vice-presidente Michel Temer assumiu interinamente o comando do país.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa subiu 1,1%, a 53.346 pontos, com bancos privados entre os principais suportes de alta. Na mínima do dia, pela manhã, o índice recuou 0,65%.

Já a moeda americana subiu nesta quinta-feira, mas ainda continuou abaixo de 3,50 reais, com nova intervenção do Banco Central no mercado e após afastamento de Dilma. A mudança era esperada e, em grande parte, já estava embutida nos preços dos ativos. O dólar avançou 0,79%, a 3,47 reais na venda, após atingir 3,50 reais na máxima e 3,43 reais na mínima desta sessão.

O pregão foi marcado por noticiário corporativo intenso, com as ações do Banco do Brasil recuando após resultado trimestral fraco e os papéis da JBS disparando por anúncio de reestruturação societária.

O cenário externo também influenciou a direção do Ibovespa, particularmente o movimento de Wall Street e do petróleo. O volume financeiro somava 8,15 bilhões de reais.

Leia também:

Economist: Temer tem ideias melhores que Dilma, mas sucesso não está garantido

Crise em torno do balanço da Eletrobras é problema imediato para Temer

(Com agência Reuters)