Clique e assine a partir de 9,90/mês

BC: juro do cheque especial tem maior nível em 12 anos

Por Da Redação - 24 ago 2011, 12h33

Por Fernando Nakagawa e Fabio Graner

Brasília – O juro do cheque especial subiu 3,3 pontos porcentuais em julho e atingiu 188% ao ano no fim do mês passado. O patamar é o mais elevado em mais de 12 anos, desde abril de 1999, quando o crédito disponível na conta custava 193,6% ao ano aos clientes.

“A taxa tem mostrado esse comportamento de alta há alguns meses e reflete o perfil do tomador de crédito. Essa é uma operação que oferece taxas diferenciadas dentro de uma mesma modalidade, conforme o tomador”, disse o chefe do departamento econômico do Banco Central (BC), Túlio Maciel, ao explicar que a entrada de novos clientes no sistema bancário com perfil de risco mais elevado faz com que os bancos cobrem mais dos clientes.

Maciel afirma que, como essa linha de crédito cobra taxas de juros mais elevadas que as praticadas em outras operações – como o crédito pessoal ou consignado -, é recomendável que se evite a operação e o cliente opte por alternativas mais baratas.

Publicidade