Clique e assine com até 92% de desconto

Ações de bancos puxam altas na Europa

Por Da Redação 22 dez 2011, 06h57

Por Clarissa Mangueira

Londres – As bolsas europeias operam em alta, conduzidas pelas ações de bancos e empresas de recursos naturais. A operação de refinanciamento realizada ontem pelo Banco Central Europeu (BCE) ainda está sendo analisada pelos investidores, mas um trader disse que vê a alta como um pouco mais de “um rali de Natal” antes da parada do feriado.

Às 7h40 (de Brasília), a Bolsa de Londres (+0,93%), Frankfurt (+1,34%), Paris (+1,29%), Madri (+0,96%), Lisboa (+1,02%) e Milão (+1,47%).

Entre os bancos, as ações do Deutsche Bank (+2,85%), Commerzbank (+1,36%), BNP Paribas (+3,08%), Société Générale (+1,80%), Crédit Agricole (+0.97%), Barclays (+2,09%), Royal Bank of Scotland Group (+2,17%). As ações da petroleira Total avançavam 1,06%, enquanto as da Xstrata (+0,77%).

Ainda hoje, o primeiro-ministro da Itália, Mario Monti, enfrenta um voto de confiança no Senado para assegurar a aprovação de um pacote de aumentos de impostos e cortes de gastos. Monti pediu o voto após a Câmara apoiar esmagadoramente o seu plano de austeridade na semana passada.

Entre as ações em destaques, as da companhia aérea Deutsche Lufthansa subiam 1,19%, após analistas acreditarem que a companhia fez um bom negócio pela BMI, que foi vendida à IAG. Os papéis da IAG tinham alta de 1,17%.

Os investidores também deverão centrar foco em dados econômicos que serão divulgados nos EUA nesta quinta-feira. Às 11h30 (de Brasília), serão divulgados a revisão final do PIB do terceiro trimestre e os dados dos pedidos de auxílio-desemprego. Às 12h55 (de Brasília), será anunciado o índice de sentimento do consumidor da Universidade de Michigan. As informações são da Dow Jones.

Continua após a publicidade
Publicidade