Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

A disputa pela distribuição de combustível no aeroporto de Guarulhos

Atualmente, grupo formado por três empresas controla abastecimento de querosene de aviação no maior terminal da América Latina

Por Laísa Dall'Agnol Atualizado em 26 Maio 2022, 19h16 - Publicado em 26 Maio 2022, 17h30

A disputa pela distribuição de querosene de aviação no aeroporto de Guarulhos — o maior da América Latina — ganhou mais um capítulo nesta semana.

O conselheiro do Cade — Conselho Administrativo de Defesa Econômica — Luis Henrique Braido publicou um despacho determinando que as empresas que atualmente controlam a Central de Combustíveis do terminal — Raízen, Vibra Energia e Air BP — prestem informações sobre os custos da prestação de serviços, como gastos com caminhões, tanques e hidrantes, bem como o valor total investido na operação.

A ausência, até agora, de informações prestadas pelas três distribuidoras é considerada por concorrentes que tentam abocanhar uma fatia das operações como um dos vários entraves à entrada de novos players no aeroporto.

A decisão do Cade é mais um desdobramento do processo aberto em 2014 diante de ação movida pela Gran Petro — e que está em fase de julgamento pelo Tribunal da autarquia — a respeito de “abuso de posição dominante” e “imposições de barreiras artificiais” de entrada no mercado de distribuição de querosene de aviação.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)