Bancos

Lucro do Itaú Unibanco em 2010 é o maior da história, segundo Economatica

Banco encerrou o ano passado com lucro líquido de 13,3 bilhões de reais

Itau Unibanco

Itaú Unibanco: lucro 32,3% maior que em 2009 (Germano Luders/VEJA)

Apesar de ter apresentado o maior lucro da história, o Itaú Unibanco continua em segundo lugar, atrás do BB, no ranking dos maiores bancos brasileiros

O Itaú Unibanco anunciou nesta terça-feira um lucro líquido de 13,3 bilhões de reais em 2010, o que indica uma alta de 32,3% na comparação com o ano anterior. O resultado foi o maior da história dos bancos brasileiros segundo a consultoria Economatica, ultrapassando o do Banco do Brasil, que havia anunciado, na semana passada, um ganho de  11,7 bilhões de reais.

O lucro líquido recorrente do Itaú Unibanco foi de 13 bilhões de reais, o que representa um aumento de 24,1%. A instituição financeira encerrou o ano passado com ativos totais de 755,1 bilhões de reais, com expansão de 24,1% em 12 meses. O patrimônio líquido atingiu 60,9 bilhões de reais, um valor 20,1% maior que o registrado em 2009.

A carteira de crédito total do Itaú Unibanco fechou 2010 com 335,5 bilhões de reais, com elevação de 20,5% ante os 278,4 bilhões de reais do fim do ano anterior. Já a rentabilidade sobre o patrimônio líquido médio terminou o ano de 2010 em 24,1%, ante 21,4% no fim de 2009.

Apesar de ter apresentado o maior lucro da história, o Itaú Unibanco continua em segundo lugar no ranking dos maiores bancos brasileiros, com ativos totais de 755 bilhões de reais. O BB segue na liderança com ativos de 811,2 bilhões de reais.

Os recursos próprios livres, captados e administrados atingiram o saldo de 1 trilhão de reais em dezembro. Na comparação com o mesmo mês do ano anterior, houve expansão de 18,3%. Este total inclui 317,7 bilhões de reais de depósitos e captações com clientes, 363,8 bilhões de reais de fundos de investimentos e carteiras administradas e 329,7 bilhões de reais em recursos de previdência, operações compromissadas, capital de giro próprio e outras captações.

(com Agência Estado)

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados