Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Massacrado por Federer, Nadal afirma: ‘Não tive o que fazer’

Londres, 22 nov (EFE).- Derrotado por 2 sets a 0 pelo suíço Roger Federer nesta terça-feira, com direito a um ‘pneu’ no segundo set, o espanhol Rafael Nadal reconheceu a superioridade do adversário no confronto válido pela segunda rodada do grupo B das Finais da ATP, disputadas na O2 Arena, em Londres.

‘O resultado é real, o placar não foi enganoso. Ele (Federer) foi perfeito, esteve brilhante o tempo todo, e eu não tive o que fazer. Quando ele joga neste nível, nesta superfície, se torna o melhor’, disse o atual número dois do ranking mundial.

O espanhol evitou colocar a culpa pela derrota nos problemas físicos que teve na estreia, no último domingo, em que derrotou o americano Mardy Fish por 2 a 0, e garantiu que está 100% fisicamente.

‘¿Cansado? Estou cansado agora, antes de começar o jogo, não. Não vou mentir, joguei o melhor que pude, mas não foi suficiente nesta noite’, declarou Nadal, que, no entanto, destacou que vem em uma longa sequência de jogos.

‘Este é meu sétimo ano sendo o número um ou o dois, e sou o que tem mais partidas nas costas. E ainda me resta a final da Copa Davis antes de começar a me preparar para a próxima temporada’, ressaltou.

Na próxima quinta-feira, o tenista de 25 anos terá pela frente o francês Jo-Wilfried Tsonga, em um confronto direto pela segunda vaga da chave nas semifinais.

‘Estou tranquilo, sei que estou fazendo as coisas bem. Hoje não me senti especialmente mal na quadra, foi o adversário que esteve muito bem. Não é o momento de ficar me lamentando por um resultado. A temporada é boa, e continuará sendo mesmo se no próximo dia eu voltar a perder por 6-3 e 6-0’, finalizou. EFE