Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

De olho no Boca, Neymar vê roteiro de 1963 na atual edição da Libertadores

São Paulo, 25 mai (EFE).- O atacante Neymar afirmou nesta quinta-feira que a atual Taça Libertadores está seguindo o roteiro da edição de 1963, quando o Santos de Pelé conquistou a competição continental batendo o Boca Juniors.

‘Posso estar viajando, mas vejo a história se repetindo. Ano passado fomos campeões contra o Peñarol. Esse ano temos tudo para sermos campeões novamente. Em 62, o Santos foi campeão em cima do Peñarol. Em 63, contra o Boca Juniors. Respeitando o Corinthians, seria muito bom enfrentar o Boca e reviver a história’, em entrevista coletiva.

Este ano, se passar do rival paulista, o time argentino pode ser o adversário da decisão, caso supere a Universidad de Chile. Em 1963, as equipe se enfrentaram em duas partidas, com duas vitórias do ‘Peixe’.

No jogo ida, no Maracanã, o Santos ganhou por 3 a 2. No jogo de volta, em La Bombonera, o 2 a 1 garantiu o bicampeonato da Libertadores.

Para Neymar, a final contra o Boca Juniors seria um sonho, por ser mais uma oportunidade para reeditar as conquistas da era Pelé, mas também para ‘devolver a derrota de Robinho’, em alusão a decisão da competição em 2004, vencida pelos argentinos. EFE