McCartney se emociona com documentário sobre Beatles

Filme ‘Eight Days a Week: The Touring Years’ acompanha trajetória da banda pelo olhar do cineasta Ron Howard

Paul McCartney assistiu nesta quinta-feira, em Londres, a apresentação do documentário sobre os Beatles Eight Days a Week: The Touring Years, com imagens de arquivo que qualificou de “muito emocionantes”. O filme, realizado por Ron Howard (de Apolo 13 e O Código Da Vinci), mostra a jornada do grupo durante quatro anos, de 1962 a 1966, incluindo as turnês nos Estados Unidos e o auge da Beatlemania.

“Isto me lembra grandes momentos, evidentemente, quando tocávamos com John (Lennon) e George (Harrison)”, ambos mortos, declarou McCartney, 74. “É muito emocionante e especial voltar a ver isto tudo”. Ringo Starr, 76, Yoko Ono e Olivia Harrison, as viúvas de Lennon e Harrison, também assistiram ao documentário, além de outras celebridades, entre elas Madonna.

LEIA TAMBÉM:
‘Beatlemania Experience’ recria universo do quarteto de Liverpool
Paul McCartney caiu em depressão com o fim dos Beatles
Relançado disco dos Beatles com material ao vivo gravado nos EUA

Meio século após o último concerto importante dos Beatles, em São Francisco, Ringo Starr considerou “magnífica” a persistente popularidade do grupo. “As pessoas ainda amam os Beatles”.

O documentário inclui imagens das fãs assediando os Fab Four quando eram “mais populares que Jesus”, uma declaração de Lennon que provocou a ira dos conservadores americanos.

“Começamos como quatro companheiros em uma banda pequena e continuamos tocando e tocando e tudo isso aconteceu”, disse McCartney. “Éramos um bom grupinho”, avalia com modéstia o músico.

(Agência France-Presse)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Não eram só mais populares que jesus cristos, eles eram reais, de carne e osso.

    Curtir

  2. Cristina Costa

    Jamais existirá uma banda como Beatles. Eles são, simplesmente, a Lenda. Amo!

    Curtir

  3. Papai Sabetudo

    Depois de “Os Beatles”, o mundo nunca mais foi o mesmo! Meus filhos fizeram melhor do que eu, que sou seu contemporâneo: foram a Liverpool, conheceram “Cavern Club” e tiraram fotos ao lado da estátua de Eleanor Rigby. E, em Londres, tiraram fotos na faixa de pedestres da “Abbey Road”! Ah, que inveja!

    Curtir

  4. Oscar Torales

    Eram um “bom grupinho”…o melhor da história da musica!

    Curtir