Samsung já prepara o sucessor do ‘celular explosivo’

Recursos como reconhecimento de íris e câmera dupla, presentes no problemático Galaxy Note 7, devem ser aproveitados no Galaxy S8

A Samsung deve reaproveitar tecnologias do fracassado modelo Galaxy Note 7, que teve a produção e as vendas suspensas, em seu próximo lançamento, o Galaxy S8. Entre os recursos está o leitor de íris, que permite desbloquear o telefone quando o aparelho foca os olhos do usuário, e a câmera com lentes duplas.

A informação foi dada, anonimamente, por um fornecedor da companhia ao jornal sul-coreano Korea Herald. O Galaxy S8 é esperado para fevereiro de 2017 e terá a missão de tentar recuperar a reputação – e as vendas – da companhia.

O fracasso do modelo topo de linha da Samsung, oficialmente tirado do mercado por diversos relatos de explosão, mesmo após uma tentativa de recall, teve impacto nas ações e na previsão de lucro da empresa. Com as atenções voltadas antes do tempo para o sucessor do Galaxy S7 Edge, a companhia sul-coreana enviou uma mensagem aos seus funcionários pedindo para que não divulgassem nenhuma informação relativa ao S8.