Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Governo quer tornar os gargalos logísticos uma coisa do passado, diz ministra

Segundo Gleisi Hoffmann, depois de concessões rodoviárias e ferroviárias, agora governo prepara privatização de portos e aeroportos

A ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, disse nesta terça-feira que o objetivo do governo Dilma Rousseff é “tornar os gargalos (logísticos) uma coisa do passado”. Segundo ela, depois de anunciadas concessões de rodovias e ferrovias, agora o governo vai focar em abertura à iniciativa privada de portos e aeroportos. Ela participa do 10º Congresso Internacional Brasil Competitivo, que está sendo realizado em Brasília.

Segundo Gleisi, o Ministério dos Transportes vem estudando, também, a questão das hidrovias. Porém, o tema não deve fazer parte do pacote de concessão de portos e aeroportos que será anunciado nas próximas semanas. A ministra também negou que o governo esteja preparando uma lei de greve para o setor público e disse que esse assunto está com o Congresso Nacional, responsável por debater a questão.

Leia mais:

Com PAC das Concessões, Dilma retoma as privatizações

Com um olho no PIB e outro no mensalão, Dilma prepara mês dos pacotes

Pacotes – Além das concessões no setor de infraestrutura e transportes, Dilma e sua equipe estão preparando outros pacotes visando diminuir o custo Brasil, aumentar a competitividade brasileira e estimular a economia. Uma das propostas é a mudança nas regras tributárias de PIS e Confins.

Segundo o empresário Jorge Gerdau, presidente da Câmara de Gestão do governo federal, disse nesta terça-feira, esta proposta já está em fase final. Segundo ele, não há como unificar tributos em uma espécie de Imposto sobre Valor Agregado (IVA) neste momento e defende o slogan “cumulatividade zero”. Ele também participa do evento em Brasília.

(Com Agência Estado)