Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

PF com pinta de Robocop é herança do 1º governo Lula: caso Daslu

Eliana foi surpreendida, ainda de camisola, ao raiar do dia, em sua casa, com luzes, câmera e ação na sua cara. Os robocops estavam armados até os dentes

Ora, ora…

Leio na Folha que integrantes da Carne Fraca defendem a operação e que ainda há provas sob sigilo.

Bem, é claro que são pessoas sem nome, não é?, que só aceitam falar em off. E vêm com a cascata de que “o tempo dirá”. Como é? Um ato destrambelhado corre o risco de fazer o país mergulhar numa crise sem precedentes num setor vital, e o que se diz é que o tempo vai esclarecer? Quem essa gente pensa que é?

Ademais, ainda que se comprovassem centenas de fraudes aqui e ali, qual é o papel do órgão investigador? Criar uma comoção no setor? Paralisar uma cadeia produtiva que, ademais, diz respeito a milhares de produtores e de trabalhadores?

“Então não se faz nada em nome da economia do Brasil e dos empregos, Reinaldo Azevedo?” Ora, que bobagem! É claro que sim. Mas que se façam as coisas com decência e método. Sim, há “offs” para todo lado. Há profissionais de ponta da PF que estão furiosos com o amadorismo da turma.

Mas é preciso compreender a coisa no seu contexto. É preciso que fique claro que estamos diante de uma cultura, que não é recente.

Essa Polícia Federal midiática, que se paramenta de negro e sai por aí como Robocop, arregaçando com tudo, tem história. Começou no primeiro governo Lula, quando o ministro da Justiça era Márcio Thomas Bastos.

Eu me lembro bem da prisão da empresária Eliana Tranchesi, que morreu em 2012. Era julho de 2005. Eu estava ainda no site e na revista Primeira Leitura. A VEJA só passou a hospedar meu blog em junho de 2006.

Pois bem: desde o primeiro momento, não tive a menor dúvida de que, com efeito, a Daslu de então recorria a artifícios criminosos para sonegar impostos. Isso ficou comprovado depois. Não há dúvida sobre o que aconteceu por lá. E eu aplaudi a PF e a Receita Federal pela operação.

Mas eu também censurei vivamente o espetáculo dado pela Polícia Federal. Eliana foi surpreendida, ainda de camisola, ao raiar do dia, em sua casa, com luzes, câmera e ação na sua cara. Os Robocops estavam armados até os dentes. Quem visse a coisa iria pensar que a mulher dispunha de um exército de mercenários para defendê-la.

E eu me lembro de Lula a usar Eliana como exemplo. Disse algo assim: “Rico ou pobre, que todo mundo ande na linha, porque acabou esse negócio de só prender pobre, preto e puta no Brasil”. Pode não ter sido com tais palavras, mas esse era o sentido.

Lembro-me da reação rancorosa do petismo ainda dos primeiros anos de governo e de certo alarido que foi criado. Porque a Daslu havia sonegado? Não! Porque, afinal, via-se uma ricaça, que só vendia roupas para a Dona Zelite, ser conduzida coercitivamente à polícia e, depois, presa. Em 2008, já mais adiante, o ex-prefeito Celso Pitta foi preso em casa, de pijama, também numa grande operação, para a qual a imprensa havia sido previamente chamada.

Os trouxas que agora afirmam que mudei de posição sobre isso e aquilo deveriam procurar nos arquivos o que escrevi em todas essas circunstâncias. Apoiava, obviamente, as investigações e o rigor máximo, como faço com a Lava Jato, mas não os arreganhos autoritários porque, afinal, FULANO E FULANA são ricos e têm mais é de ser humilhados.

Essa paixão da PF pelo espalhafato vem desse tempo; de um tempo em que o órgão serviu como uma espécie de Polícia Política do PT, como ficou evidente com a Operação Satiagraha, conduzida pelo notório delegado Protógenes, que depois se elegeu deputado federal pelo… PCdoB!!!

Até onde sei, os alinhamentos partidários por lá andam esmaecidos. Tomou corpo o sentimento de onipotência; de que tudo lhes convém e lhes é permitido, como não recomendava São Paulo, o Apóstolo, porque, afinal, junto com o Ministério Público, sua função seria depurar a política.

Se tiverem de quebrar o país para que isso aconteça, por que não?

Afinal, este há de ser um país em que os ricos também choram. Poderíamos tentar eliminar os motivos que fazem chorar os pobres. Mas isso daria muito trabalho…

 

 


Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Reinaldo. Está na minha memória a imagem do delegado com um topetinho tipo jogador de futebol jovem dando a entrevista que, por seus exageros, ensejará prejuizos de bilhões ao Brasil.

    Curtir

  2. “Afinal, este há de ser um país em que os ricos também choram. Poderíamos tentar eliminar os motivos que fazem chorar os pobres. Mas isso daria muito trabalho”
    Perfeito.
    Infelizmente, parece que o MP e a PF estão disputando protagonismo. Isso é muito perigoso.

    Curtir

  3. Alexandre D'Atri Justamante

    “Afinal, este há de ser um país em que os ricos também choram. Poderíamos tentar eliminar os motivos que fazem chorar os pobres. Mas isso daria muito trabalho…” BRILHANTE! A quem interessa, nessa altura do campeonato, derrubar um setor inteiro da economia, logo após uma semana em que se noticiaram coisas positivas sobre criação de empregos e grau de investimento? Ao chefe da ORCRIM (ocupadíssimo em fazer campanha antecipada junto com a impichada)? Será possível que os denodados PF e MPF ainda não tenham motivos para prender Lula? Sei não…tem coisas estranhas fazendo barulho nos porões…

    Curtir

  4. Marcia de Oliveira Almeida

    Belíssima matéria Reinaldo! De uma consciência incrível, coisa que anda rara atualmente.

    Curtir

  5. Exagerado, impropriado. A “palavra” é muito importante, e precisa ser dita, por aqueles investidos de autoridade, com muito zelo, e principalmente, razão e coração equilibrados. O todo e o país é afetado, quando não deveria. Prestou um desserviço a nação, face a juventude desmedida. Paladinos da justiça são importantes, e creio que sejam, mas com a razão e coração equilibrados.

    Curtir

  6. Tô com Reinaldo!

    Curtir

  7. aparecido furlaneto

    Reinaldo desde o inicio sempre achei que persequiram a Daslu porque a Eliana era amiga pessoal da familia do Alckmim, adversário do Lula em 2006….e Alckmin,numa covardia sem limites, não deu um pio para defender a sua amiga…Eliana morreu de desgosto… A sua familia ainda vai receber indenização do estado quando for feita uma investigação séria do estado policial que o PT implantou no Brasil

    Curtir

  8. Os trouxas no caso são os leigos como em Harry Potter, acertei? Segue. O trabalho atrapalhado da PF pode custar muito caro ao Brasil (e duvido muito que não custará). A grande pergunta é: quem são os culpados dessa zorra toda que vivemos hoje em dia? Coloque na conta dos políticos bandidos, das autoridades despreparadas e das empresas mesquinhas. É importante frisar que queremos sim um país limpinho, e que isso vai custar caro. Muito caro. Tão caro quanto o tamanho da nossa negligência. É. É isso mesmo. Minha, dos outros comentaristas aqui, e sobretudo da grande mídia (e porque não da pequena também). E sim, às vezes até sua também. Tem muita coisa que concordamos, outras que discordamos, mas acho salutar que baixe o tom. Não acompanhe seus haters que gritam, gritam e gritam, sejam eles direita xucra ou a petralhada. Não se combate gritaria com gritaria. Agora a merda tá feita. E a grande mídia, em sua pequenez, está já fazendo estardalhaço demais. Não precisamos de mais gente gritando. O Brasil está precisando de mais pessoas que façam menos barulho e trabalhem mais. É por isso que o SNI funcionava melhor que o que temos hoje em nível de inteligência. E que comecem as pedradas!

    Curtir

  9. Sergio Martins

    Caro Reinaldo! O tempo está provando quem tem razão!
    Cedo ou tarde isso iria acontecer, afinal pescadores de aguas turvas os há de monte nesse paiseco!”

    Curtir

  10. jose roberto

    O povo brasileiro e os países sérios, agradecem o “amadorismo da turma”.

    Curtir