Blog Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

sobre

Reinaldo Azevedo, jornalista, escreve este blog desde 2006. É autor dos livros “Contra o Consenso” (Barracuda), “O País dos Petralhas I e II”, “Máximas de Um País Mínimo — os três pela Editora Record — e “Objeções de um Rottweiler Amoroso” (Três Estrelas).

OS TERRORISTAS JÁ ESTÃO ENTRE NÓS. CADÊ A LEI?

Por: Reinaldo Azevedo

Afirmei no post das 21h38 de anteontem que a Polícia Federal estava convicta e dispunha de elementos que ligavam o tal libanês “K”, que ficou 21 dias detido no Brasil, à rede terrorista Al Qaeda. A canalha rosnou: “Oh, que barriga!” Reportagem de hoje da Folha, de Lucas Ferraz, traz a mesma informação:

Investigações da Polícia Federal sobre a atividade do libanês K. chegaram à conclusão de que ele tem ligações com a organização terrorista Al Qaeda.
K., acredita-se, é o responsável mundial pelo “Jihad Media Battalion”, uma organização virtual que é usada como uma espécie de relações públicas on-line da Al Qaeda, propagando pela internet, em árabe, ideais extremistas e incitando o povo muçulmano a combater países como os EUA e Israel. Para a PF, K. não é membro da alta hierarquia da Al Qaeda.
De São Paulo, sempre segundo a avaliação da cúpula da PF, o libanês mantinha contato com pessoas ligadas à organização terrorista em pelo menos quatro países, um deles da Ásia.
Sua função não estava ligada ao braço armado da organização, mas a PF suspeita de que ele tenha tratado, em discussões pelo fórum, de alvos potenciais de atentados, chegando a distribuir tarefas a outros membros da organização. (assinante lê mais aqui).

É grave? É claro que é. Se K. é mesmo o responsável mundial pelo “Jihad Media Battalion”, o nome do que pratica é TERRORISMO. Bem, ele até poderia escolher a “Saída Dilma Rousseff” e dizer que não matou ninguém, que só cometeu “crime de organização”, não é mesmo?

A situação é bastante séria porque a Constituição Brasileira diz que o crime de terrorismo é imprescritível, mas simplesmente inexiste uma lei que especifique, afinal de contas, o que é “terrorismo”. E as razões por que ela não existe são de lascar. Já chego lá. Antes, quero chamar a atenção de vocês para o festival de desinformação e cinismo que cercou e ainda cerca essa história.

Na terça-feira, o inefável Tarso Genro tratou o terrorismo como uma variante de “corrente de opinião”. Ontem, sustentou que o país realmente não precisa tipificar esse tipo de crime porque a legislação comum dá conta do recado — o que é conversa mole por definição: crimes específicos pedem leis específicas, ou bastaria uma única lei. Lula acusou a interferência de estrangeiros no Brasil, e o Ministério Público se encarregou de divulgar uma nota um tanto rebarbativa e precipitada, que falava na “ausência de provas”. Bem, não é o que pensa quem é especializado em investigação: a Polícia Federal. E posso lhes assegurar que não se trata de algum araponga de Protógenes perdido lá na instituição. É gente séria. Ninguém precisa pertencer ao núcleo da Al Qaeda, em algum buraco no Afeganistão ou no Paquistão, para integrar a rede terrorista. Aliás, a sua característica mais marcante é justamente a descentralização. Existem “Al Qaedas”.

Por que tanta reticência em admitir isso? Porque o terrorismo já descobriu o Brasil. Encontra aqui um vasto território sem lei que trate da questão. A Tríplice Fronteira está no mapa como área infiltrada pelo terror islâmico — no caso, o Hezbollah. De novo, tenho de escrever: não é assim porque eu quero. É porque é.

Por que não tem?

E por que ninguém se ocupa de estabelecer uma lei específica para os crimes de terrorismo? Porque isso criaria dificuldades internas e externas. Sim, senhores! No dia em que uma lei criar punição específica, o primeiro grupo a ser enquadrado é o MST. Mais: quando o Brasil tiver tal texto, terá de parar de flertar com terroristas latino-americanos ou do Oriente Médio, como faz hoje em dia.

E não que o país já não tenha sido ou não seja permanentemente confrontado com situações que pedem essa definição: os atos do PCC, em São Paulo, em 2006 são considerados terroristas em eu qualquer país civilizado do mundo. O mesmo se diga dos narcotraficantes do Rio, que, freqüentemente, usam a população civil como escudo. Assim, Tarso está obviamente errado. Como sempre.

Essa é, diga-se, mais uma bandeira que as oposições poderiam e deveriam assumir. Até em benefício do combate ao crime organizado. Não ignoro todo o debate sobre a eficiência ou não da tal “Lei dos Crimes Hediondos”, que tanto divide juristas. Nem entro no mérito agora. O país precisa de uma legislação excepcional — como fazem, reitero, outras democracias — que puna, também com rigor excepcional, aqueles que expõem coletividades em risco (ou que “organizam” tais ações) para alcançar seus objetivos. E a excepcionalidade não deve estar apenas numa pena mais longa ou na imprescritibilidade do crime. Terroristas não podem ter os mesmos direitos de presos comuns.

E a tarefa é urgente. E não só para conter os terroristas nativos. Também para poder enfrentar os que vêm de fora. Porque, efetivamente, eles já estão ente nós. Como bem sabem a Polícia Federal e o FBI.

Voltar para a home
TAGs:

  1. […] maio de 2009, quando circularam informações sobre Khaled Hussein Ali, que foi, então, identificado na […]

  2. […] maio de 2009, quando circularam informações sobre Khaled Hussein Ali, que foi, então, identificado na […]

  3. […] Em  maio de 2009, quando circularam informações sobre Khaled Hussein Ali, que foi, então, identificado na imprensa brasileira como o “libanês K”, eu contei aqui por que não: […]

  4. […] que o defina. Por quê? No dia 28 de maio do ano passado, publiquei aqui o texto “ OS TERRORISTAS JÁ ESTÃO ENTRE NÓS. CADÊ A LEI?“. Explicava por que os petistas não querem a lei — e, ficamos sabendo agora, segundo o […]

  5. free trial

    Very good sharing this.

  6. wholesale slippers

    Thanks for making my morning a little bit better with this great article!!

  7. Rodrigo Lopes

    Os atos de violência dos grupos terroristas, sejam muçulmanos, sejam do IRA, sejam da Var-Palmares, acontecem em um momento de ebulição. São a explosão de muita energia acumulada. Não saem da cartola como coelhos brancos. São previsíveis. Portanto, evitáveis.

    O presidente Lula precisa ficar atento a isso. Ele pensa que o Brasil faz parte de um mundo moderno e civilizado que, na verdade, nem existe. Não existe civilidade onde se vive com medo e sem esperança. Quando não se pode sair as ruas com liberdade.

    “Tudo é inútil quando não se pode abrir a porta.” Aldo Moro

    O presidente Lula precisa acordar. Já!

  8. rocket

    Os terroristas estão entre nós desde o dia em que foi promulgada a Lei da Anistia. Organizaram-se em partidos políticos usando o sindicalismo clepto-pelego, treinaram e orientaram bandidos comuns nas cadeias que dividiram nos tempos da ditadura militar e tomaram o poder de assalto, praticando o maior espetáculo de crescimento da corrupção jamais visto neste país. Hoje, querem rever as Leis, de acordo com as suas orientações ideológicas. Como se já não bastasse nossos bandidos tupiniquins, somos o abrigo seguro para terroristas, ladrões e sequestradores de todos os cantos do planêta.

  9. LIXO AUTORITÁRIO

    CARO REI… VOLTO A CHAMAR A ATENÇÃO: NÃO SERÁ SURPRESA SE A MILITÂNCIA PETISTA APARECER ENVOLVIDA COM O TERRORISTA. QUALQUER INVESTIGAÇÃAO SE INICIA PELOS INDÍCIOS E ESTES ESTÃO AÍ, ALGUNS LEVANTADOS POR VOCÊ. E MAIS. A ALQAEDA MANTEM LIGAÇÕES COM AS FARC, AS FARC CONVIVE COM O PT NO ÂMBITO DO FORO DE SÃO PAULO, VAI DAÍ… BASTA FUÇAR NESTA LAMA. QUANTO AO FATO DA OPOSIÇÃO AINDA NÃO TER TOCADO NO ASSUNTO, SABE-SE QUE ALGUNS FUNDADORES DO PSDB (INCLUSIVE O JOSÉ SERRA) PERTENCERAM À AÇÃO POPULAR (AP), ORGANIZAÇÃO TERRORISTA A QUEM HOJE SE ATRIBUI O ATENTADO AO AEROPORTO DE QUARARAPES, EM 1996, ATO DO QUAL ERA ACUSADO O EX-DEPUTADO PRICARDO ZARATTINI. É LÓGICO:NÃO VÃO DAR UM PIO!

  10. marcelo

    Reinaldo, gostaria que você comentasse sobre o escandalo da ONU que abafou e escondeu as informações e o numero de mortos do massacre do povo tamil perpetrado pelo governo do Sri-lanka. 20 mil pessoas foram assassinadas e não 7 mil como tinha sido divulgado. A ONU está totalmente desacreditada, ela acoberta os piores crimes cometidos pelas ditaduras ao redor do mundo. Este massacre teve 15 vezes mais mortos que o conflito de janeiro em Gaza e portanto não vimos manifestações do PT nem o ministro Celso Amorim não viajou para este país para tentar convencer o governo de parar este massacre. Como vemos a sensibilidade dos humanistas do PT, assim como da esquerda em todo mundo é seletiva.

  11. Miler

    O que tem de dispositivo constitucional que não é auto-aplicável e aguarda há vinte anos para ser regulamentado por lei complementar não está no gibi!

    Isso mesmo em relação a questões singelas.
    O que dizer em relação à definição de terrorismo, juridicamente das mais complexas (recordo de uma reportagem da Veja que fala sobre tal dificuldade).

    Aliás, vá a Brasília perguntar aos deputados o que significa um artigo constitucional ser auto-aplicável. Metade não tem a menor idéia!

  12. Sandro Santiago/AP

    lula eo PT dão guarita para terroristas? não há nenhuma novidade nisso, pois essa gente sem escrupulos simpatiza com o que de mais imundo há no planeta..terroristas, esquerdistas, anti-democraticos, ditaduras…..o MST é um bom exemplo de como essa corja tolera o crime…o PT é asqueroso

  13. NORATO

    REZEMOS PARA QUE OS MILITARES AMERICANOS INVADAM O BRASIL.
    DOS MALES, O MENOR

  14. Iguinho

    Você dá muita bola pra oposição. Oposição são só burocratas vagabundos que não conseguem ser governo. Nenhum político quer criar lei específica contra crimes de terrorismo. Nenhum político quer acabar com o escândalo da maioridade penal aos 18 anos. Nenhum político quer privatizar a Petrobras, que tem o PIB da Nova Zelândia e a corrupção da Nigéria. Político, governista ou não, só quer saber de cargos, comissões, mordomias, fraudes em licitação, superfaturamento de obras…

  15. Vera L.

    Reinaldo eu conheci a Tríplice Fronteira antes dos turcos chegarem como diria Lula,mas realmente, ali pode sim ter terroristas infiltrados,o convívio com os “turcos” é pacifico, um lugar fértil pra terrorista passar disfarçado vim pra “Sum Paulo” e ficar mais escondido ainda.
    Faz tempo já, dá pra notar que o Brasil virou terra de ninguém, com Lula no poder isso só piorou, se antes havia tráfico de drogas, com essa moleza que esse governo trata o índio de araque isso só se intensificou,com terroristas também,desde que o terrorista das Farc travestido de padre de araque virou financiador de campanhas petistas os terroristas, mafiosos, falsários, encontraram o paraíso no “País dos Petralhas.

  16. Fullanus

    Corrijo a informação que dei à 01:05h. O Decreto é 4.394 de 26 de setembro de 2002. Seu texto está em:
    http://search.live.com/results.aspx?q=%22Conven%C3%A7%C3%A3o+Internacional+sobre+a+Supress%C3%A3o%22&src=IE-SearchBox

  17. Sandro Martins

    A imagem ora pitoresca ora repulsiva que os povos civilizados têm da Banânia vem sendo ratificada com rara competência por esse arremedo de governo. Estamos sempre ou atrasados ou na contramão de seus avanços. Num passado recente, uma ditadura “progressista”. No presente, uma democracia cleptomaníaca. Nos tornamos, além de craques dos gramados, experts em acoitar terroristas. Somos igualmente imbatíveis na exportação de prostitutas e no tráfico de drogas, além de paraíso turístico de pedófilos e outros pervertidos. Apoiamos ditaduras sanguinárias com o mesmo empenho que atacamos os “brancos de olhos azuis” que rapinam a economia mundial.
    O Brasil -sob Lula e sua turma- faz por merecer, mais que nunca, o título de Disneylândia da escória planetária.

  18. Gino/SP+

    Estamos no mesmo caminho de Getulho Vargas flertando com os nazistas na 2ª Guerra, com a diferença que nos EUA temos um governo exitante que está sendo testado pelas forças do mal mundial.

    Quando Obama for obrigado pelos americanos e pelo mundo responsável, a tomar uma posição luLLário e sua corja terão que enfiar o rabinho no meio das pernas e fazer o que tem que ser feito, ou vcs acham que a esquerdalha vai trocar toda grana, poder e prestigio que conseguiu por uma cruzada ideológica furada.

  19. Sandro Martins

    A imagem ora pitoresca ora repulsiva que os povos civilizados têm da Banânia vem sendo ratificada com rara competência por esse arremedo de governo. Estamos sempre ou atrasados ou na contramão de seus avanços. Num passado recente, uma ditadura “progressista”. No presente, uma democracia cleptomaníaca. Nos tornamos, além de craques dos gramados, experts em acoitar terroristas. Somos igualmente imbatíveis na exportação de prostitutas e no tráfico de drogas, além de paraíso turístico de pedófilos e outros pervertidos. Apoiamos ditaduras sanguinárias com o mesmo empenho que atacamos os “brancos de olhos azuis” que rapinam a economia mundial.
    O Brasil -sob Lula e sua turma- faz por merecer, mais que nunca, o título de Disneylândia da escória planetária.

  20. Marisa

    Lula já se posicionou a respeito deste assunto com aquela arenga de soberania aloprada.Soberania que ele nunca alega quando seu cumpanhero Chaves fala bobagens ou dá palpite sobre o Brasil.
    Não devemos esquecer que,no 11 de setembro muita gente aqui no Brasil,recebeu contas de telefone com ligações para países do oriente médio;ligações que estas pessoas jamais tinham feito.
    A tríplice fronteira está sendo monitorada desde há muito devido à sua colonia arabe,vi uma matéria na tv já faz tempo sobre o fato de Osama Bin Laden ter andado por lá.
    Certamente os terroristas estão aqui sim!!Só não percebe quem não quer,ou quem gosta da companhia deles,como parece ser o caso de nosso governo.

  21. Leopoldo Dogher

    O terrorista libanês vai ficar no Brasil, não há dúvida.
    Daqui a pouco, essa gente vai criar formalmente um clube dos terroristas estrangeiros abrigados pelo Tarso Genro. Tem o italiano, o padre colombiano, o libanês… o Brasil vai provar para o mundo que é, de fato, um país miscigenado.

  22. Daniel Vaz

    Lula recebe mais um ditadorzinho, saiu na BBC brasil:

    “O presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebe, nesta quinta-feira, em Brasília, o presidente do Uzbequistão, Islam Abdiganivevich Karimov, cujo governo tem sido frequentemente acusado de práticas antidemocráticas e desrespeito aos direitos humanos.”

  23. Zero Zero Sete

    Brasileiros que colaboram com as FARC, logom com o terrorismo-3
    Fonte- Revista Cambio

    -Pietro Lora -professor da PUC-SP
    -Milton Temer-PSOL-RJ
    -un diputado estadual em Florianópolis (Afranio Bopré?)
    -Dalmo de Abreu Dalari-PT
    -presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal (em 23 de fevereiro de 2007)
    -Comissão Brasileira de Justiça e Paz, ligada à CNBB
    -Raimundo, Pedro Enrique e Celso Brand
    http://www.cambio.com.co/portadacambio/787/ARTICULO-WEB-NOTA_INTERIOR_CAMBIO-4418592.html

  24. Zero Zero Sete

    Brasileiros que colaboram com as FARC, logo, com o terrorismo-2.
    Fonte- Revista Cambio
    -Breno Altman-jornalista
    -Plinio Arruda Sampaio-PSOL
    -“vocero” de Brasil (em 12 de junho de 2005)
    -Paulo Tadeu-PT-DF- doou US$ 833,33 às FARC
    -Solene Bomtempo- doou US$ 250,00 às FARC
    -Leopoldo Paulino- doou US$ 433,33 às FARC
    -Albertão-vereador-PT Guarulhos
    -Pietro Lora -professor da PUC-SP
    (cont)
    http://www.cambio.com.co/portadacambio/787/ARTICULO-WEB-NOTA_INTERIOR_CAMBIO-4418592.html

  25. JOCA FODY

    Reinaldo uma pequena pergunta, o crime de terrorismo não prescreve não é? Então os terroristas da Ditadura que compõe o governo, serão processados?Não, receberão INDENIZAÇÃO COMO RECEBERAM DOS COFRES DA UNIÃO, PAGOS PELO POVO BRASILEIRO.Este é o BRASIS LULESCO, o resto é farra, pois estão com o dinheiro na mão e o resto que se exploda.è por tal que não tem lei que coiba e processe tais indivíduos, a lei para os inimigos e o beneficio da lei para OS AMIGOS DO BOBO DA CORTE.

  26. Leo

    Rei na pagina oficial do governo da Coréia do Norte http://www.korea-dpr.com/ na seção shop você pode comprar em euros souvenirs comunistas, camisetas,bonés,etc. É mole? E tem gente que consome esses produtos.

  27. Pablo

    Se eu fosse terrorista, escolheria me esconder em um país cuja lei não punisse este tipo de crime. Ou seja, me esconderia no Brasil. Tarso Genro está brincando com fogo, terrorismo é coisa séria e logo logo iremos nos arrepender.

    Não sei se existe pessoa ou organização brasileira que possa ser alvo se ataque terrorista, mas uma ação contra alvo estrangeiro pode ser planejada ou desfechada a partir daqui. Isso se já não estiver em curso. E o caso Battisti prova que aqui é lugar seguro para essa gente.

    Deus nos livre!

  28. paulo araújo

    Caro

    Excelente a sequência posts sobre o assunto.

    O que precisa de resposta: 1. A PF continua a investigação sobre os indícios da vinculação, em que pese a irritação do executivo federal? 2. Considerando o histórico de vazamentos à imprensa pela PF, o atual não teria uma origem nacional, ao contrário do que disse Lula?

  29. Manoel-Rj

    2º com maior número de processos (ao todo são cinco), o deputado federal Jackson Barreto (PMDB-SE). Esse pulha responde por “crimes contra a administração pública, peculato e desvio de verbas”.
    As denúncias já foram aceitas e, portanto, são réus.
    É esse tipo de gente que defende a quadrilha.
    Será por que Rei?

  30. sempre preocupado

    Mesmo que se faça lei específica para esse tipo de crime, de que adianta? Se vem um ministro ou o presidente e faz o que bem quer com a lei. Não há oposição, imprensa ou povo que proteste. Somo minoria e por hora temos liberdade de dizer o que pensamos. Quando isso não for mais possível, nós, minoria, seremos calados. E a maioria nem perceberá.

  31. Cidadão

    Prezado General Azevedo, boa tarde,

    Já que os rufiões, patifes e sócios da esquerda não estão nem aí para terroristas árabas ou latino-americanos, pois o governo do Brasil é formado por terroristas, ex-torturadores e ladrões, por que não divulgar o seguinte documento?

    http://www.averdadesufocada.com/images/orvil/orvil_completo.pdf

    As ratazanas vão roer os dentes de ódio, sabia? Tá tudo aí, meu general!!!!!

    É disso que o Brasil precisa: verdade, legalidade e cadeia para os criminosos que protegem o criminoso maior: o presidente do Brasil.

    Abração,

  32. Robes Mendes

    Era de se esperar.

    Os terroristas dos anos 60/70, com sua idéias do século 19, estão no poder em Banânia.Têm até uma candidata dentro do projeto de sucessão de um apedeuta por uma terrorista.

    Os terroristas se entendem. Os terroristas não estão chegando: eles já estão confortavelmente intalados e mamando nas tetas do Estado.

    Talvez até venham a criar uma Central Internacional dos Terroristas , ou um Movimento dos Terroristas Sem-Pátria.Ou uma ONG, ou…Enfim, qualquer coisa que mame nas tetas

  33. Paulo Henrique

    LIGAÇÕES DO GOVERNO PETISTA COM AS FARC

    De acordo mensagem publicada pela revista colombiana, não só o procurador teve contatos com as Farc, mas também um desembargador do Rio Grande do Sul. Ele é citado em mensagem escrita durante o processo de paz da Colômbia entre 1998 e 2002 em San Vicente del Caguán. Segundo a revista, “envolvem um prestigioso juiz e um alto ex-oficial das Forças Armadas brasileiras”.

    Em mensagem de e-mail de 19 de abril de 2001, um homem chamado Mauricio Malverde informa Reyes: “O juiz Rui Portanova, nosso amigo, nos explicou que queria ir aos acampamentos, receber lições e conhecer a vida das Farc. Ele paga a viagem”. Portonova é desembargador do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul.
    Entre os nomes de autoridades citados pela revista colombiana estão o do ex-ministro-chefe da Casa Civil José Dirceu, o chefe de gabinete da Presidência da República Gilberto Carvalho, o ministro de Relações Exteriores Celso Amorim, o assessor especial de Assuntos Internacionais da Presidência Marco Aurélio Garcia, o secretário de Direitos Humanos Paulo Vannuchi, entre outros.

    Segundo as mensagens transcritas pela revista colombiana, o intermediário entre o então ministro José Dirceu e o porta-voz das Farc era o jornalista Breno Altman. “Breno Altman (dirigente do PT) me disse que vinha da parte do ministro José Dirceu e que, por motivos de segurança, eles tinham combinado que as relações não passarão mais pela Secretaria de Relações Internacionais, mas que serão feitas diretamente através do ministro com a representação de Breno”, diz um dos e-mails do padre Medina.

    Antes de intermediar as relações do ex-guerrilheiro com o governo petista, Breno Altman já tivera seus 15 minutos de fama revolucionária como porta-voz de uma campanha para libertar os canadenses David Spencer e Christine Lamont e um grupo de companheiros chilenos e argentino, presos no Brasil pelo seqüestro do empresário Abílio Diniz em 1989.

    Outro fato que indica relações do ex-padre com o governo Lula é a nomeação da mulher de Medina para um cargo no Ministério da Pesca, cujo titular é Altemir Gregolin. Segundo revelou recentemente o colunista Diogo Mainardi, da Veja, em 29 de dezembro de 2006 Angela Maria Slongo foi nomeada para o cargo de oficial de gabinete II. Quando Angela foi nomeada pelo Palácio do Planalto, Medina estava preso em Brasília.

    Um e-mail de 17 de janeiro de 2007, de Medina para Raul Reyes, revelado agora pela revista Cambio, confirma o mimo do governo petista à mulher do padre: “Na segunda-feira, 15, ‘a Mona’ começou em seu emprego novo, e para assegurá-lo e fechar a passagem da direita que em algum momento resolva molestá-la, colocaram-na na Secretaria de Pesca, trabalhando no que aqui chamam um cargo de confiança ligado à Presidência da República”.

    http://www.conjur.com.br/2008-jul-31/revista_confirma_ligacao_luiz_francisco_farc

  34. Rodrigo

    O Brasil caminha rumo ao abismo… Não à toa Casseta & Planeta já havia, profeticamente, previsto que o Cafofo do Osama era nas bandas e cá…

  35. simplesmente maria

    Não tem lei específica, mas tem aquela lei que o menino do Ministério Público disse ser apenas ‘um papel’. Está lá, no artigo 4º, VIII, da Constituição Federal, como princípio fundamental a reger as relações internacionais do país, o “repúdio ao terrorismo”.

  36. Paulo

    Mas o MST não derruba prédio, só derruba cerca, diz Lula após O BANANÃO se tornar sinônimo de O CARA.

  37. SelSil

    …e na Venezuela…

    Noticiero Digital.- Poco después de las 11 de la mañana de este jueves, inició el programa “Aló, Presidente” que se transmitirá desde hoy hasta el próximo domingo con motivo de la conmemoración de sus 10 años. Hace unos días, el presidente Hugo Chávez había descrito este especial como “una telenovela de cuatro días”.

  38. Pascal

    Mais explicitamente

    Reinaldo , o leitor das 8:16 escreveu isto:

    Olavo não fez referência à origem remota , algo que remonta a três ou quatro séculos. O uso da “liberdade como serva da tirania” não é coisa tão nova como parece.

    Porém,o mesmo leitor poderia ser mais claro. Dizer, por exemplo, que os “iluminados ” Iluministas do século XVIII inseriram na mentalidade do Ocidente uma auto-suficiência, uma arrogância que, crescendo ao longo destes últimos séculos, acabaria dando nisso a que vimos assistindo. Mas, falar hoje em “tempos apocalípticos” provoca risinhos dos telúricos pragmáticos.

    Um abraço solidário –

    Pascal

  39. Guilherme Frederico Lamb

    Vamos divulgar o nome do “individuo”: Khaled Hussein Ali

    http://veja.abril.com.br/agencias/ae/brasil/detail/2009-05-27-400477.shtml

  40. Cris

    Pessoal,

    Seja lá como for, uma coisa é certa: NÃO PODEMOS CONTAR COM NOSSOS DEPUTADOS E SENADORES!
    O PSDB, pela molenguice de Arthur Virgílio, logo entra em acordo em MAIS ESSA, da Petrobrás. O DEM parece estar com medo…
    Se falar em terrorismo, então…ih, a nossa “oposicinha” é capaz de borrar-se toda! É melhor fingir que não acontece o que acontece! Mesmo porque, gente, TERRORISTA VOTA! Os do MST, os do PCC, tooooooodos votam! E a oposicinha MORRE DE MEDO de ficar mal na foto com essa gente.
    Estamos por nossa conta e risco!

  41. Cris

    Rei,

    Está lá, no G1 e na Globonews: mais um livro de conteúdo “impróprio” foi entregue nas escolas. Desta vez, são poesias e, se lidas fora do contexto, algumas frases são inadequadas, mesmo. Pena não contarem que o texto em questão fala no que NÃO fazer.
    Que seja.
    Fato é que soa estranhíssimo o fato de S.Paulo estar distribuindo livros com teor evidentemente inadequado ou errado. Sabe o que parece, né? Pois é. Aposto o que você quiser que sei ao quê os tais professores que fizeram a escolha das obras são. Divinha!

  42. Zero Zero Sete

    Do computador de Raul Reyes:

    APOYO FINANCIERO
    6 de julio de 2005
    De: ‘Cura Camilo’
    A: ‘Raúl Reyes’

    “Solidaridad recibida durante el primer semestre de 2005: diputado Paulo Tadeu US$ 833,33. Sindicato de la Empresa de Energía de Brasilia US$ 666,66. Corriente Comunista Luis Carlos Prestes US$766,66. Señora Solene Bomtempo US$ 250,00. Concejal Leopoldo Paulino US$ 433,33. Sindicato de la Empresa de Acueducto de Brasilia US$ 33,33″.

    Revista Cambio – Colômbia
    Domingo 2 de noviembre de 2008.
    (Página 4 de 4)
    http://www.cambio.com.co/portadacambio/787/4418592-pag-4_4.html

  43. Lapida

    Precisamos de um choque conservador liberal moderado, que defenda valores cristãos perdidos, educação meritocrática e voltada para cidadania e desenvolvimento político, social e capitalista do país. Valores da disciplina e respeito a hierarquias. Uma reforma cultural, aliada a ações firmes contra o tráfico, a bandidagem e a corrupção em geral. Parece abstrato o que digo, mas já existe exemplos na prática, a Colômbia está fazendo isso, e muito bem.

    Abraços!!!

  44. André Henrique

    O que o Brasil precisa Reinaldo, é de um choque conservador moderado, moderado no sentido de não beirar o fundamentalismo do lado de cá. Se é que me faço entender. A sociedade civil está mais para sociedade incivil, os marcos de autoridade familair e social estão sendo pulverizados pela malandragem e pela cultura do hedonismo irresponsável. Aliado a isso, a democracia brasileira, leia-se, o Estado de direito não consegue dar a resposta necessária a bandidos do crime organizado, a marajás corruptos e para piorar, o governo que ai está, dá o braço para movimentos terroristas internos, como MST e e via Campesina, um “apêndicite” do primeiro.

  45. Fullanus

    Se quiserem outra lei, aqui vai: Decreto nr. 4388, de 25 de setembro de 2002. Essa lei qualifica e prevê punições para atentados terrorista por bombas (artefatos explosivos ou incendiários de qualquer natureza, inclusive químico, biológico ou radioativo e semelhantes). A tentativa de cometer tais delitos também está prevista, assim como a cumplicidade: “Contribuir de qualquer outra forma na perpetração de um ou mais dos delitos enunciados (…) por um grupo de pessoas que atue com um propósito comum; essa contribuição deverá ser intencional (…)” Se Tarso Genro quiser mais, tem!

  46. Polarbärchen Humpelich

    Caro Reinaldo,

    Os terroristas do facismo islamico acabarao por se unir ao MST, aos narcogerrilheiros, à mafia russa, à mafia italiana e à chinesa – todos bem representados no brasil. Nao creio que o odor incomode ao PT e à base aliada. De Boa Intencao e Carteira-Voadora, eles guardam a cátedra.

    Doutor Humpelich

  47. Mario

    Reinaldo,

    Por que os terroristas criariam leis para enquadrá-los?

  48. Eleitor de Jair Bolsonaro

    Presidência da República
    Casa Civil
    Subchefia para Assuntos Jurídicos

    LEI Nº 7.170, DE 14 DE DEZEMBRO DE 1983.

    Define os crimes contra a segurança nacional, a ordem política e social, estabelece seu processo e julgamento e dá outras providências.

    Art. 15 – Praticar sabotagem contra instalações militares, meios de comunicações, meios e vias de transporte, estaleiros, portos, aeroportos, fábricas, usinas, barragem, depósitos e outras instalações congêneres.

    Pena: reclusão, de 3 a 10 anos.

    § 1º – Se do fato resulta:

    a) lesão corporal grave, a pena aumenta-se até a metade;

    b) dano, destruição ou neutralização de meios de defesa ou de segurança; paralisação, total ou

  49. Fullanus

    Cadê a lei? Que tal o Decreto 3018, de 6 de abril de 1999? Serve para prevenir (note-se: PREVENIR) e punir os atos de terrorismo configurados em delitos contra pessoas e extorsão conexa, quando tiverem eles transcendência internacional. Se o tal “K” estava tratando de “alvos potenciais de atentados” no interesse da Al Qaeda, aí está a lei. O Brasil está, pela Convenção, obrigado a extraditá-lo. Tarso Genro precisa do quê mais?

  50. Marcelo

    Temos a lei 7170/83.
    Sugiro a leitura dos arts. 15, 20 e 24.
    Não entendo porque ninguém a conhece.

Comentários fechados.