Blog Reinaldo Azevedo

Reinaldo Azevedo

Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

sobre

Reinaldo Azevedo, jornalista, escreve este blog desde 2006. É autor dos livros “Contra o Consenso” (Barracuda), “O País dos Petralhas I e II”, “Máximas de Um País Mínimo — os três pela Editora Record — e “Objeções de um Rottweiler Amoroso” (Três Estrelas).

Mensalão: Alguns absurdos do novo procurador-geral da República. Ou: Assim não, companheiro Janot! Ou ainda: E Lula? Por que ele não é réu do mensalão?

Por: Reinaldo Azevedo

Rodrigo Janot: que o procurador-geral se atenha aos fatos, sem ficar olhando para “o lado” e o “outro lado”

Rodrigo Janot, novo procurador-geral da República, pode apenas ter se expressado mal. Mais: pode não ter se dado conta das implicações lógicas de uma afirmação que fez e da aberração histórica — e, em certo sentido, processual — de outra. Em suma, o companheiro Janot talvez tenha se atrapalhado um pouco. Mas sempre há o risco — e, em dias estranhos, cumpre ficar atento — de que, mais do que distraído, ele seja metódico. Aí as coisas se complicam bem.

Janot concedeu uma entrevista a Felipe Recondo e Andreza Matais, do Estadão. A resposta à primeira pergunta que lhe foi dirigida (ou que foi publicada) chega a ser escandalosa. Vamos a elas (em vermelho).
O processo do mensalão está acabando. O senhor vai acelerar o processo do mensalão mineiro?
Pau que dá em Chico dá em Francisco. O que posso dizer é que, aqui na minha mão, todos os processos, de natureza penal ou não, vão ter tratamento isonômico e profissional. Procuradores, membros do Ministério Público e juízes não têm processo da vida deles. Quem tem processo da vida é advogado. Para qualquer juiz e para o Ministério Público todo processo é importante.

Como é que é, doutor?

Péssima resposta! Pau que dá em Chico dá em Francisco? Em que livro de direito doutor Janot aprendeu essa máxima? A que corrente do pensamento jurídico pertence essa maravilha? Há várias questões aí, doutor, e nenhuma delas é boa.

Em primeiro lugar, as condenações do mensalão não constituíram “pau no Chico” coisa nenhuma, mas exercício da lei. Ou Janot discorda?

Em segundo lugar, o fato de réus de uma ação penal terem sido condenados não implica que os de outra também devam sê-lo, tenha esta o nome que for. NÃO, AO MENOS, COMO PRINCÍPIO. Se forem culpados, que paguem. Ou doutor Janot defende que um processo se deixe contaminar pelo outro? Ou doutor Janot defende que os autos de um sirvam para instruir os do outro?

Em terceiro lugar, espera-se que a Procuradoria-Geral da República não faça o seu trabalho pensando em “dar pau no Francisco” já que seus antecessores deram “pau no Chico”, ou não estará empenhado em fazer justiça, mas em fazer política.

Em quarto lugar, sua afirmação sugere que o trabalho da Procuradoria-Geral da República é, agora, pedir a punição de tucanos, já que os que o antecederam pediram a punição de petistas.

Em quinto lugar, deve-se inferir de seu clichê bem pouco jurídico que, caso não se tivesse dado “pau no Chico”, ele, agora, não se empenharia a “dar pau no Francisco”, uma vez que qualquer ser lógico sabe que a tolice a que recorreu pode ser lida em sentido inverso, mantendo a equivalência, a saber: “Pau que não dá no Chico também não dá no Francisco”.

Em sexto lugar, um procurador-geral da República tem de ser isento não porque trate igualmente todos os partidos, independentemente de suas respectivas culpas, mas porque trata os partidos segundo as suas respectivas culpas. Acho que fui claro, não é, doutor Janot?

Em sétimo lugar — e agora vem o mais importante: os dois casos não são diferentes apenas por suas respectivas particularidades (volto ao assunto em outra hora). Eles são diferentes, doutor, porque, no mensalão petista, o “pau não bateu em Chico”, mas, no mensalão mineiro, pretende-se “bater no Francisco”. Explico: Eduardo Azeredo, então candidato à reeleição ao governo de Minas quando se deram os eventos batizados de “mensalão mineiro”, é réu no processo. A suposição é que os fatos apontados, que fundamentaram a denúncia da Procuradoria-Geral da República, o tinham como beneficiário último. É? E quem era o beneficiário último do mensalão petista? Não terá sido, por acaso, Lula? E por que ele não se tornou um dos réus?

Mas ainda há tempo. Eu confio na isenção do Gabinete do Doutor Janot. Eu confio na sua divisa de “pau em Chico e no Francisco”. Já que o “Francisco” do PSDB é réu, o novo procurador-geral certamente dará um jeito de fazer o pau acertar o “Chico do PT”.

Aberração histórica
Talvez o substituto de Roberto Gurgel não tenha tido tempo de ler o calhamaço. Quem sabe não tenha prestado atenção aos votos de alguns ministros do Supremo. Por que digo isso? Leiam mais um trecho da entrevista:
O senhor comunga da ideia de que [o mensalão petista] foi o maior escândalo da história do País?
O que é maior? Receber um volume de dinheiro de uma vez só ou fazer uma sangria de dinheiro da saúde, por exemplo. São igualmente graves, mas eu não consigo quantificar isso. Não sei o que é pior. Não sei se este é o maior caso de corrupção, não. Toda corrupção é ruim.
Talvez pelo envolvimento da cúpula de um governo.
E a (corrupção) difusa? Envolve também muita gente. Dinheiro que sai na corrupção falta para o atendimento básico de saúde, educação e segurança pública. Toda corrupção é ruim.

Comento
Hein? O doutor está a fim de debater, sei lá, o sentido profundo das palavras, o ser-mesmo das coisas, ontologia? Qualquer um que tenha acompanhado o julgamento do mensalão sabe que “o maior escândalo” da história republicana” não tem como referência os valores movimentados (R$ 170 milhões) — até porque, nesse particular, o mais provável é que não se tenha arranhado nem a superfície do caixa. Só a falcatrua recentemente descoberta no Ministério do Trabalho é estimada em R$ 400 milhões. O “maior escândalo” sempre quis dizer “o mais grave”. Afinal, não se tratou apenas de desviar dinheiro público em benefício desse ou daquele, mas também de montar uma máquina criminosa para tomar de assalto o estado, para tornar irrelevantes os Poderes da República; para fazer com que o país fosse governado por uma república paralela, das sombras. Os “marginais do poder”, como definiu o antigo Celso de Mello, estavam tentando aplicar um golpe.

Ao dar essa resposta mixuruca, doutor Janot repete, diga-se, o ministro Roberto Barroso, o “novato” do Supremo, e acaba minimizando a gravidade do mensalão. De resto, que jeito é esse de lidar com as palavras? Afirmar que um escândalo é “o maior”, por acaso, exclui a evidência de que “toda corrupção é ruim”?

A biruta do doutor Janot está desajustada. Espero também dele que não ceda ao “clamor das multidões”, que tanto horroriza Celso de Mello e Roberto Barroso. Mas igualmente espero que ele não ceda ao “cochichos dos corredores”. Costumam ser bem menos legítimos.

Voltar para a home
TAGs:

Comentários

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

*

  1. Cacaamorim

    Pessoal, dá prá mudar tudo, a gente muda é na urna. Fora com esse PT, fora com esses malucos que só sabem dar esmolas. Tínhamos que praticar o VOTO CALOURO… só votar em novato, demitir o resto todo. Temos que incorporar a verdade, de que nós somos os chefes deles. Reinaldo, você arrasou com esse pau mandado, parabéns!!!!!

  2. Márcio

    ReinaldoXXXXXXX na cascuda!

  3. Maria Monteiro

    Hummm…achei tudo muito erótico, nem vou comentar, inspirador….

  4. Juliano

    A equivalência lógica está errada. Se “p” então “q” é equivalente a ‘não q” então “não p”, portanto, “se pau que bate em Chico dá em Francisco”, a negação equivalente é “pau que não bate em Francisco não dá em Chico”.

  5. Seta

    Nas Páginas Amarelas da Veja, Janot afirma que Dilma lhe pediu apenas duas coisas:firmeza e diálogo. Só? O que leva uma “presidenta” a fazer “pedidos” a um Procurador Geral da República? Depois das nomeações no SpTF e da “mellada” do Decano…e eu que pensava já ter visto de tudo!

  6. fernando

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  7. Coisa das antigas...


    Reinaldo, pelo que entendi, o Janot quis dizer o seguinte:
    1) tudos são iguais perante a lei. Ficaria melhor para um advogado e agora procurador…

    2) não haverá distinção… nãofaço distinção, não vejo diferença, etc etal… ou seja,

  8. marcos

    A intensão é mostrar para todos que o pt pode fazer e,falar oque bem entende ,que não existe mais justiça que os atinge,isso se chama comunismo ,que ataca e, destrói qualquer um que tenta se colocar contra eles,por isso que o barbosa ja garantiu sua casinha nos USA ,porque ele sabe que vai ter que fugir dos comunistas,que ele tentou colocar na cadeia ,mesmo sabendo que não tinha nenhuma chance de isso acontecer,o brasil ja não pertence mais ao povo,os comunistas ja tomaram o país,daqui pra frente é só desgraça,ja somos escravos do comunismo,perdemos todos os nossos direitos de cidadão,perdemos o direito de ter direito,mas somos obrigados ha pagar muitos impostos,me sinto uma pessoa suja e,sem futuro,por ser obrigado ha viver em um país comandado por comunistas.O nosso futuro é negro na terra de ninguem que o lula criou…..

  9. Moacir Pereira Oliveira

    Acho que estamos mal.”Deus seja louvado”.

  10. José Domério

    Reinaldo, sou advogado com registro ativo na OAB-SP. Estranha-me o comentário do digno procurador Janot: “Quem tem processo da vida é advogado”.

    Na escola das Arcadas, me ensinaram que o promotor ou o Ministério Público é ADVOGADO ACUSADOR (AUTOR DA AÇÃO PENAL). Portanto, é advogado. Mais, que o MP pode pedir a absolvição do réu, desde que convencido e comprovando que o réu é inocente. Não li, na notícia do afirmado pelo digno procurador federal (Janot) que ele tenha pedido, fundamentando-a juridicamente, a absolvição dos condenados do mensalão. Mas, me causou enorme mal-estar a sua assertiva de que quem tem processo da vida é advogado. Da mesma forma e com igual intensidade, me causa mal-estar o dito corrente de que bons advogados sempre conseguem livrar os facínoras (não me detenho na forma como isso se faz, ainda que sob a hipótese de ser verdade que bons advogados sempre livram os facínoras). Quem diz o direito, segundo a Constituição, é a Magistratura. E esta está adstrita aos termos da lei, na forma e no conteúdo (a despeito de aquela no mais das vezes prevalecer sobre este).

    Hoje, as coisas estão esquisitas. O membros do Judiciário acabam vestindo a beca (assumindo papel do advogado, do autor ou do réu) e despindo-se da toga (julgar em conformidade com a lei).

    Fica aqui meu protesto contra os dizeres do digno procurador porque tanto quanto me ensinaram o MP é advogado acusador, embora com a prerrogativa de pedir a absolvição, fundamentadamente nos fatos, do acusado. Ainda não vi tal pedido com relação aos mensaleiros. Mas, ainda que venha a fazê-lo, o será na condição de advogado acusador dos condenados. Tal seria o processo de sua vida!

  11. Luiz Sergio Cardoso

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  12. Paulo Cesar Souzza

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  13. CASTANHOLOBO

    Janot??…………..Dilma, nomeação..kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk……….pizza

  14. Merwin

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  15. Angèlìka

    PERGUNTO:
    E precisa SABER de alguma coisa sobre o cargo que ocupa?…sobre Leis? e Constituição?
    NÃO! SÓ PRECISA SABER QUAL “SENHOR” servir.
    Simples, muito simples assim.
    E mais…não espero por mais nada de ninguém.
    Está tudo muito claro.
    O que acontece é que o “ocidental” não crê em maldade. quando aparece um ser mau/má já tratam de dizer: noooosa, fulana(o) precisa se tratar.
    E FOI assim entramos pelo cano e caímos no esgoto. Até quando? Até fulano(a) receber alta do tratamento; ou seja, até o dia em que saia do poder, ou se aposente ou morra de morte natural.

  16. Wagner Maia

    Mais um a serviço do (des)governo??? LASTIMÁVEL!!!

  17. Marcelo

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  18. Pedro Rocha

    Santo Deus! – A rede está se fechando. Começo a achar que essa quadrilha não sai do poleiro, pelas vias constitucionais.

  19. Matosão

    Caro Reinaldo, infelizmente está tudo dominado! O problema não é somente no Brasil,a América Latina está virando comunista. Pouquíssimos países Da AL escapam disse praga do inferno. Tirar o PT do poder agora só um milagre de Deus ou uma revolução ao contrario.

  20. Marcilon

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  21. Alex Wie

    Bom , voltamos ao aparalhemento sem precedentes de todas as esferas e empresas do governo.
    No momento ainda não sei como o país vai como sair deste buraco negro.
    E o pior o Pão e circo com copa/eleição/mensalaõ o ano que vem esta por vir.

  22. Bruno Brant

    Saudações meu caro Reinaldo, boa tarde!
    Que coisa… 431 comentários e nada menos que 40 cascudas!! O que você deve ter falado de tão “profundo” que atiçou os brios da petralhada?
    Aposto nesse trecho aqui:
    “Mas ainda há tempo. Eu confio na isenção do Gabinete do Doutor Janot. Eu confio na sua divisa de “pau em Chico e no Francisco”. Já que o “Francisco” do PSDB é réu, o novo procurador-geral certamente dará um jeito de fazer o pau acertar o “Chico do PT”.”
    Que o seu pau continue acertando essa gentalha, sempre!!
    Abraços a você e aos seus estimados leitores.

  23. Carlos Olimpio Alves

    Uma coisa não se pode negar: a dilma anda escolhendo muito bem o pessoal pra justiça. Primeiro o barroso e o teori pro SUSPEITO Tribunal Federal. Agora, esse janota pra PGR.

  24. Beatriz

    ReinaldoXXXXXX na cascuda!

  25. Moacyr

    Meu caro Reinaldo, será que o dotou Janot não é mais um nomeado pela presidente Dilma/Lula para minimizar o mensalão? Concordo com o que você escreveu.

  26. "Zelite"

    Aiaiaiai Renaldo… às vezes, dá vontade de jogar a toalha e partir para a alienação total! A mediocridade, a estupidez, a ignorância e a roubalheira institucionaliza tomaram conta de Banânia e acho que levará algumas encarnações para a libertação desse mal acontecer!

  27. Fernanda

    Hoje, o jornalista Alexandre Garcia comentou sobre o Foro de São Paulo na Rádio Itatiaia, em MG. Muito bom alguém falar abertamente e claro sobre isto. Outro assunto, Reinaldo, tenho notado que na sua página e na do seu vizinho de Veja (Rodrigo Constantino) estão brotando petralhas aos montes. Será o calor que fez as baratas saírem do bueiro?

  28. Valdemagno Silva Torres

    ReinaldoXXXXXX na cascuda!

  29. Ana SP

    Excelente texto, Reinaldo! Muito bom você escrever a respeito, pois, li a entrevista dele nas páginas amarelas da Veja desta semana e não gostei nada da fala dele. Parece que agora até o MPF está na mão do (DES)governo.

  30. Senta a Pua

    Toninho malvadeza, estamos perdidos. Além do que vc alinhou, há a considerar o “torpor” do povo. Ninguém se preocupa com a gravidade da coisa. Para os “artistas de esquerda” o roubo dos mensaleiros a mando de seu chefe supremo não é nada. Há artista que até diz que “mexer com ele é arrumar briga comigo”. Essa corja hipnotizou todo mundo.
    Estamos perdidos!

  31. Jacinto Armando Boccanella - PE

    Caramba! Mais um a serviço do PT. Adeus às ilusões. Só não vou embora daqui, porque não tenho dupla cidadania, como a mulher oficial do Lula. Agora entendo o que disse a Marisa I, a Muda:”ninguém sabe o futuro”. Acrescento: nem o presente!

  32. Madson Wesley Pereira

    ReinaldoXXXXXX na cascuda!

  33. João

    O PT aparelhou cada instituição. Em breve será virtualmente impossível condenar qualquer petista seja lá pelo que for. Se é que já não é.

  34. sergio

    reinaldo, o que eles querem fazer do Brasil? uma ditadura? acorda Brasil. parabens pelo seu texto.

  35. Lu

    Temos ai mais um advogado do PT.

  36. C.R.

    Era o que estava faltando, um PGR parte da tropa vermelha. Fico imaginando quando assumirão a ditadura bolivariana. Só falta oficializar. Li a entrevista nas páginas amarelas de Veja e torci o nariz. Passei o sábado como se estivera com depressão. Tantas notícias dando conta que nosso país acabou, que nada mais nos resta de esperança que só faltaria sabermos que temos a milícia do MST, treinada pelas FACR e os exércitos venezuelanos e bolivianos, invadindo o STF. Cuba é aqui. A Venezuela é aqui e os bandidos estão soltos. Os bandidos ocupam o poder. O povo os colocou lá. Triste dos que não poderão sair daqui, assim como eu.

  37. Ana Paula

    Não vejo luz no fim do túnel. Está TUDO dominado. Infelizmente, o “gigante” só esboçou uns gemidos e depois voltou a relaxar em berço esplêndido.

  38. Mario

    Nossa. Quanto “Cascuda”…kkkkk. O que aconteceu?

  39. Carlos

    ReinaldoXXXXXX na cascuda!

  40. Carivaldo

    Este senhor é o Procurador de quem mesmo?

  41. André

    ReinaldoXXXXXX na cascuda!

  42. toninho malvadeza

    STF tomado,CGU à serviço sabe-se lá de quem,PROCURADOR GERAL alinhado…

  43. Pedro Cindio

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  44. Marcelo

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  45. Bruno Assunção

    O Mensalão foi o maior escândalo de corrupção. Teve tanto características de “corrupção difusa”, pois o dinheiro desviado era público, ou seja, faltou na educação, transporte, saúde, segurança, etc., quanto elementos que lhe foram específicos: a tentativa de se criar uma proto-ditadura dentro do regime democrático, que lhe serviria de hospedeiro, como o Alien.

  46. marcelo aranha de sousa pinto

    Somos o país do “minto, logo, existo”

  47. Sebastião P.A

    Ser contra o PT está ficando perigoso, a perseguição é muito forte pela internet e nos meios de comunicação.
    Existem muitas pessoas(de expressão nacional) que querem manifestar (sobre o mensalão) mas estão com medo de perseguição dos cumpanheiros e de represália da máquina Federal.. Mensaleiros na cadeia jà.. Acorda Brasil, 2014 neles!!

  48. Observador

    Será que só hoje você se deu conta de que Lula não estar entre os réus do mensalão é tão absurdo como nenhum meio de comunicação informar que o Brasil está submetido às ordens do Foro de São Paulo e do bandido comunista Fidel Castro. Num país desenvolvido Lula jamais escaparia da prisão e tenho estranhado muito que você Reinaldo não tenha denunciado essa fraude mais vezes. A participação de Lula como chefe e principal beneficiário dos atos criminosos é tão evidente que uma vez provado que os crimes existiram nem o mais fanático comunista acreditaria sinceramente que ele não participou. Como é possível nenhum analista sério ter constatado o óbvio? Lula é com larga vantagem o político mais corrupto do Brasil.

  49. FRANCISCO JOSÉ BRAGA NUNES

    ReinaldoXXXXXXXX na cascuda!

  50. JLK

    Prezado Reinaldo tenho que discordar de você. A biruta do “companheiro” Janot esta ajustada!
    Ajustada a canalha petista, e claro A PGR esta dominada também!
    Comprovado ficou que o sistema de nomeação dos juízes do STF e do PGR pela indicação do PR e uma arguição proforme do Legislativo jamais teremos homens isentos pois o caráter na política, com a chegada do PT, acabou!