Blogs e Colunistas

01/05/2012

às 20:24

Jornalista Fábio Pannunzio demole a farsa dos subjornalistas da “BESTA” em um texto exemplar

Já escrevi aqui algumas vezes que os defensores da liberdade de imprensa e da liberdade de expressão formam, sim, um grupo: são unidos pela diversidade. Seu prazer maior está na divergência. Só podem ser considerados um grupo por isto: não querem estado ou partido controlando o pensamento. Não formam uma ordem unida. O resto é pura divergência.

Abaixo, reproduzirei um post publicado em seu blog pelo jornalista Fábio Pannunzio. Temos amigos em comum, sim, mas nunca nos falamos. Não tenho nem sequer seu telefone. Leio sua página com frequência. Já discordei de muita coisa. Concordei com outras. O reino dos homens livres é assim. O que sei a seu respeito? Que ele escreve o que pensa. Para agradar a quem? À sua consciência! Isso é o que me interessa. Leria, se os houvesse, até blogueiros de esquerda que eventualmente não estivessem ocupados em justificar crimes “em nome do povo” ou que não estivessem agarrados às tetas do governo. Mas não os há.

Publicarei um texto de Pannunzio. Isso me impede de discordar dele em outro assunto qualquer amanhã ou depois? Não!!! As pessoas livres são assim. De resto, dá gosto republicar um post como o que segue porque ele escreve bem — coisa cada vez mais rara hoje em dia, com o triunfo do analfabetismo militante e supostamente bem-intencionado que invadiu o jornalismo.

Chamo aquela gente asquerosa, financiada por dinheiro publico, de JEG (Jornalismo da Esgotosfera Governista). Pannunzio crava um outro nome excelente: BESTA (Blogosfera Estatal). Leiam.

*

As penas alugadas ao petismo e a máquina de demolir reputações

O leitor que se quer bem-informado deve estar atônito com a lama que escorre no entorno da CPI do Cachoeira. A imprensa brasileira – aí compreendidas todas as publicações, nos veículos formais e também na internet – parece ter sido tomada por escribas ora a serviço da quadrilha do bicheiro Cachoeira, ora a serviço da quadrilha do mensaleiro Zé Dirceu.  A disputa nas várias mídias parece ser em torno de quem representa melhor os interesses espúrios das hordas de bandidos que se acercaram do Poder.

O grande esforço da BESTA (Blogosfera Estatal), neste momento, é para comprovar que a Revista Veja, na pessoa de seu editor Policarpo Jr., estava a serviço do submundo da espionagem e à disposição da interface parlamentar da organização, capitaneada pelo ainda senador Demóstenes Torres.

Do outro lado, jornalistas de grandes veículos e blogues a eles vinculados (chamados de PIG pela BESTA) tentam desmontar o jogo de manipulação de colegas regiamente pagos – e isso é inquestionável – pelo dinheiro público para mover uma campanha de desmonte da “velha mídia”, ou do jornalismo formal, como queiram.

Em meio a essa confusão, surgem outros atores, que passam a duelar publicamente, difundindo informações que põe em xeque a lisura das apurações e das intenções de seus contendores. Na contradita, os injuriados do outro lado apresentam argumentos de que seus novos desafetos estão igualmente comprometidos com uma ou outra vertente derivada do problema. E isso faz com que todos os jornalistas pareçam iguais aos olhos do público, o que não é verdade.

Vou tratar aqui do caso Policarpo. Há cerca de um mês o editor de Veja em Brasília está sob fogo cerrado. Primeiro, falava-se que ele tinha trocado cerca de 200 telefonemas com os arapongas de Carlinhos Cachoeira. Se não serviu para condená-lo definitivamente, a quantidade de conversas apresentadas o incriminava de maneira contundente. Nada, além de suposições perniciosas, demonstrava que havia algo errado na relação entre o jornalista e suas fontes.

Quando a íntegra do inquérito contra Demóstenes vazou, uma vez mais não havia ali qualquer indício de anomalia nessas relações. O que ficou comprovado, então, foi que Policarpo recebeu informações dos arapongas de cachoeira e as utilizou em benefício do interesse público. Foi assim com a cena da propina paga a um dirigente dos Correios que despertou a fúria de Roberto Jefferson, e que serviu para desbaratar a quadrilha dos mensaleiros arregimentada por José Dirceu. Foi assim mais tarde, quando se descobriu que o “chefe da quadrilha” havia transformado a suíte de um hotel de Brasília em gabinete do governo paralelo que, sob Lula, o mesmo Dirceu continuava comandando.

A esta altura, sabe-se que os arapongas de Cachoeira comentavam em suas conversas pornográficas os resultados que esperavam advir da publicação do material que haviam fornecido ao jornalista. Isso, nem de longe, leva a qualquer indício de atrelamento entre o repórter e o esquema que os inimigos da liberdade de imprensa pretendem implodir. Apesar disso, a BESTA continua tentando colecionar elementos que possam referendar sua teoria conspiratória com recortes das gravações vazadas do inquérito da PF.

Ao mesmo tempo, o que se pode comprovar é que o time que ataca o jornalismo formal – ele mesmo composto por jornalistas que perderam espaço da grande imprensa e ocupam hoje posições terciárias em veículos aparelhados pelo pior do petismo – está claramente comprometido com um lado do problema.

E os interesses podem ser vistos a olhos nus, sem a necessidade de lentes ideológicas ou doutrinárias. É o caso notório do chefe da claque da BESTA na internet, Paulo Henrique Amorim, cujo discurso paranoico é financiado por empresas estatais como o Banco do Brasil, a CEF e a PETROBRAS. A respeito disso, o Blog do Pannunzio descobriu que, só em contratos  firmados com a CEF, o governo Tarso Genro e os Correios, Paulo Henrique Amorim se transformou num gênio financeiro da “nova mídia”, com faturamento de quase R$ 1 milhão desde o ano passado. As informações foram confirmadas por fontes oficiais e não houve nenhuma contestação ou desmentido.

O trabalho a que se propõem os arautos do fim do jornalismo, no entanto, não se limita ao ataque institucional. Para demolir a Imprensa, é preciso dinamitar reputações. É a isso que se dedicam com muito afinco os atores secundários do esquema da BESTA nesse dias de conturbação absoluta.

A investida não constitui propriamente uma novidade. O método é o mesmo de 2009, quando a organização que chamo de BESTA criou seu know-how de injuriar em série. A estratégica consiste em repercutir ao máximo “informações reveladoras” que um dos militantes “descobre” invariavelmente na internet, em investigações pífias e cheias de problemas éticos, até que o assunto “denunciado”se transforme em “verdade absoluta” e, em seguida, em fato político. É sempre assim, não importando se o objeto da denúncia é ou não verdadeiro – ou quiçá verossímil.

Uma das primeiras vítimas do esquema dos detratores profissionais da BESTA foi o jornalista Heraldo Pereira. Em maio de 2009, ele ocupou a posição em que hoje está Policarpo Jr. A história vem sendo contada por este blog desde então. Sinteticamente, Heraldo foi acusado de trabalhar para o então presidente do STF, Gilmar Mendes, que era a quem se pretendia atingir. As “provas”contra ele foram coletadas pelo site Cloaca News, organizadas em formato de reportagem por Luis Carlos Azenha e, na sequência, passaram a servir como munição para Paulo Henrique Amorim atacá-lo até a insanidade das injúrias raciais, que já lhe custaram uma indenização de R$ 30 mil e um recalcitrante pedido de desculpas publicado em dois grandes jornais brasileiros.

Para construir a série de injúrias, a BESTA ignorou pressupostos elementares do Código de Ética dos jornalistas, como ouvir o outro lado. Isso apesar de Heraldo ter sido muito próximo de um de seus detratores – foi ele quem indicou Azenha para a Rede Manchete,  onde consolidou sua carreira. A história é contada pelo próprio Azenha, em julho de 2010, conforme o trecho que reproduzo abaixo:

Um dia, estudante em São Paulo e desempregado, passei pela entrada do Hospital das Clínicas, onde Tancredo Neves estava moribundo, e encontrei o Heraldo Pereira, então repórter da TV Manchete, que me disse que a emissora tinha vaga para repórter (àquela altura eu já tinha quatro anos de experiência em TV, o que incluía longos meses cobrindo férias na Globo de São Paulo, com muitas reportagens em jornais de rede e algumas no Jornal Nacional).

Fui contratado.

Vinte e cinco anos depois, nem a gratidão motivou Azenha a cumprir o dever ético de ouvir o outro lado antes de condenar o colega. Em seu blog, depois de apresentar como verdades as denúncias falsas dos outros blogues coligados à BESTA, Azenha escreveu o seguinte:

“Tendo em vista que Gilmar Mendes teve participação direta e decisiva na polêmica que levou ao afastamento de Paulo Lacerda da ABIN, você considera que Heraldo Pereira deveria ter revelado que é funcionário de Gilmar antes ou depois do comentário que fez a respeito de Lacerda no Jornal da Globo?”

Aí está a soma de mentiras rematadas transformada em verdade absoluta pelos inimigos da imprensa livre. O post sumiu do site de Azenha, mas ainda pode ser lido no webarchive.org. O link está aqui. As aleivosias jamais foram objeto de um desmentido. Heraldo suportou um período terrível de provações até conseguir a primeira reparação – a sentença que obrigou PHA a se retratar e a indenizá-lo. E ainda aguarda a condenação do editor do Conversa Afiada por crime de racismo, que deve acontecer antes do recesso forense.

Hoje, é Policarpo Jr. quem está no alvo das penas alugadas da BESTA. Contra ele erguem-se suspeitas infundadas construídas sobre falaciosos recortes da investigação. Até agora, no entanto, não há uma evidência sequer de que o editor de Veja tenha oferecido qualquer contrapartida a suas fontes, muito menos que tenha de alguma forma auferido qualquer  tipo de vantagem pessoal a partir das relações com o submundo da espionagem de Cachoeira.

Para quem prometia revelações bombásticas nos “200 telefonemas”, o resultado do frenético CTRL-C/CTRL-V nos inquéritos vazados é pífio. Onde estão os elementos que levam à suposição de que Veja planejava golpear o governo Lula ? Onde estão as provas de que Policarpo era parte do esquema Cachoeira, como muitas vezes a BESTA tem sugerido e afirmado em suas copiosas páginas de aleivosias ? Simplesmente não há.

Em compensação, repito, há evidências de sobra de que a Blogosfera Estatal acumula privilégios e vantagens no acesso aos cofres da União e seus prepostos. Vantagens checadas e confirmadas por fontes limpas, que não foram nem serão objeto de contestação porque simplesmente não podem ser contestadas. Ao contrário dos sofismas da BESTA, as informações sobre o comprometimento dos escribas a mando de José Dirceu são verdadeiras e cristalinas.

Ao leitor, antes de entrar em desespero com tantas versões antagônicas sobre os mesmos fatos políticos, recomendo que façam uma triagem dessas fontes de informação. Antes de elaborar juízos de valor a partir do que se escreve, é preciso saber quem escreve e com que propósitos escreve.

Só assim será possível separar o joio da imprensa de aluguel do trigo da informação genuína.

Por Reinaldo Azevedo

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

126 Comentários

  • Daniel

    -

    3/10/2012 às 5:22 pm

    Reinaldo,

    Senti falta de um post seu a respeito do fim do blog do Pannunzio, considerando que o motivo está diretamente relacionado à liberdade de imprensa (um assunto constantemente abordado por você).

  • Sergio Ronco

    -

    18/9/2012 às 5:41 pm

    O PHA, já tinha uma noção do seu caráter, pelo simples fato de ter trabalhado anos a fio na Globo, e hoje cospe no prato que comeu, difamando a emissora dos Marinhos todos os dias no seu blog.

    O Azenha, pensei que fosse diferente, mas pelo que li…

  • Emilio

    -

    26/5/2012 às 2:08 pm

    Muito bem.

  • Gabriel Birkhann

    -

    9/5/2012 às 8:54 pm

    Emanoel Messias Maria Pinheiro é Bibliotecário,de esquerda,mas não é um petralha,abaixo link de textos dele:
    http://buracosupernegro.blogspot.com/p/coluna-outra-visao-por-emanoel-messias.html

    “A Democracia que não temos”
    “Ano-novo, vida nova…?”
    “A impunidade no trânsito brasileiro”
    “O Brasil não está preparado para a Copa”

  • Marco Aurélio Fedeli

    -

    3/5/2012 às 11:41 am

    RA: Aconteceu a mesma coisa no caso do Satiagraha. Antes dele vir a tona, teve blogueiro que escreveu post pedindo orações ao delegado e ao juiz. Falava-se do inquerito vindo desnudar o conluio da imprensa com Daniel Dantas. Quando o inquerito se tornou público a parte relativa a imprensa parecia ter sido copiada dos blogs progressistas e dava como exemplo de imprensa cavalgada, um email do PHA, inimigo declarado do DD. A coisa era tão sem nexo que o juiz recusou toda essa parte do inquérito e ficou com o que interessava que era a parte financeira do crime.

    Depois veio um livro sobre a privataria tucana, prometido nas ultimas eleições e que foi usado para fustigar a campanha da oposição e sai agora coincidentemente no ano de campanha municipal e a imprensa novamente é acusada de tudo esconder.

    Agora a operação monte carlo, que com pedaços aqui e ali, está sendo usada para atacar a imprensa mas quem se dá ao trabalho de ler todo o inquerito nada encontra do que que prega os blogs.

  • cristina dias sacramento

    -

    2/5/2012 às 9:12 pm

    Eu não entendo. Bancos publicos e estatatais podem ser anunciantes (financiadores)de imprensa que falam mal do governo e até mesmo, alguns assumem que querem derrubá-lo.Se anunciam em imprensa que fala a favor e defende o governo é pena alugada. Nenhum jornalista pago da imprensa financiada por governos e grupos financeiros são livres para escrever o que pensam. A não ser que o que escrevem é o pensamento dos patrões.

  • AlexRio

    -

    2/5/2012 às 8:32 pm

    Verdade, o Pannunzio parece ser um jornalista íntegro e que procura sempre a imparcialidade em suas atitudes e escritos, tanto que no blog dele ele também demonstra, consultando o arquivo on line da propria Veja, toda a abjeta bajulação que a revista dedicou à ditadura militar no período Medici,quando era dirigida por Mino Carta e tinha Paulo Henrique Amorim omo editor de economia do “milagre”.

    O mais engraçado na grande imprensa – inclua-se obviamente Veja – é que os “terroristas” de antes agora viraram “guerrilheiros haha

    ‘Malfeito’ de todo lado, sem partidarismo, o Pannunzio tá pulbicando. O rapaz honra a profissão. Tá legal, esse post não vai sair, mas fica a colocação.

  • Paulo Cesar

    -

    2/5/2012 às 8:25 pm

    Olha caro Rei e grande Fábio Panuzzio, se esses lacaios da mídia comprada pensam que nos enrolam estão redondamente enganados. Por que eles substimam nossa inteligência quando acham que daremos credibilidade para as mentiras deles: JEG e BESTA.

  • Junior

    -

    2/5/2012 às 7:39 pm

    Já faz tempo que o Pannunzio escreve coisas extremamente competentes!!! Assim como vc!

  • Renato Guilherme Lebrão Nunes

    -

    2/5/2012 às 7:25 pm

    Volto amanhã! A Internet esta caindo seguidamente!!Não consigo terminar o comentário! Deve ser a canalha petista que com seu veneno está infectando meu computador.

  • Renato Guilherme Lebrão Nunes

    -

    2/5/2012 às 7:22 pm

    Artigos corajosos e coerentes como os seus e os do Pannunzio, nos da força para lutar diáriamente contra a

  • Renato Guilherme Lebrão Nunes

    -

    2/5/2012 às 7:20 pm

    Artigos corajosos e coerentes como os seus e os do Pannunzio nos dão força para lutar diàriament

  • Marcos

    -

    2/5/2012 às 7:18 pm

    O maior problema é diferenciar quem está servindo a qual interesse… não tem ninguém santo nesta história… BESTA, PIG… infelizmente reputação esconde também interesses… no fim das contas é cada um defendendo o seu lado da história e nós no papel de leitores, espectadores tentando construir uma opinião a partir de tudo que é publicado. Porém o mais importante na minha opinião é que os diferentes lados continuem tendo espaço para coexistir e publicar os seus fatos… é claro que cado um movido por um interesse diferente.

  • marcos

    -

    2/5/2012 às 5:36 pm

    Na Boa

    Será que estes blogs não estão sendo muito valorizados? Para mim, a gente deve usar as nossas conversas diárias com os amigos do trabalho, na fila da padaria, do ônibus, pra mostrar quem são os canalhas que tomaram conta do Brasil

    Estes imbecis, pagos com a nossa grana, são os ilustres “…quem?”.

  • Marcelo

    -

    2/5/2012 às 5:10 pm

    Excelente o texto do Fábio. Espero que a mídia ética vença esta batalha. O PHA é um coitado mesmo, na verdade rico coitado (com o nosso dindin!)

  • Angelo

    -

    2/5/2012 às 4:51 pm

    Senhores,estes fatos estão acontecendo desde 2003dc,quando
    deram inicio ao desmonte das divergências,especialmente a
    imprensa não cooptada,imprensa limpa de caráter e seus
    jornalistas sérios,que procuram fazer um Brasil decente,
    mostrando a todos a podridão politica que toma conta deste
    País,que precisa ser passado a limpo custe o que custar.

  • Zirongo

    -

    2/5/2012 às 3:24 pm

    Ecologicamente falando, os JEGs são seres vivos perfeitamente adaptados ao habitat da BESTA, onde vivem em perfeita simbiose com organismos estatais e paraestatais, principalmente, que lhes fornecem abundantes nutrientes financeiros, seu alimento preferido, em troca de certos tipos de proteção e outros benefícios. Mas, para a sociedade humana em geral, são altamente nocivos, parasitas e disseminadores de patologias como desinformação e calúnia, ou seja, mentiras.
    Para combater essa praga, recomenda-se exposição a muita luz, não qualquer uma, mas à luz de toda verdade possível. Principalmente se pudermos atingir toda a cadeia simbiótica e cortar o fluxo de nutrientes. Ideal se pelo menos alguns dos JEGs e seus simbiontes puderem ser postos em confinamento.

  • Sergio

    -

    2/5/2012 às 3:19 pm

    Fantástico esse cara. Você devia colocar um limk dele na sua página.

  • augusto

    -

    2/5/2012 às 1:48 pm

    Pois bem, lendo isso devemos redobrar nossa atenção aos BESTAS combatendo todas as informações criadas para dar base à orquestração de dominação liderada pelo Lulalau e pelo farsante José Dirceu. VAMOS À LUTA. Vamos criar a antítese da MAV Petista.

  • Mário Sérgio

    -

    2/5/2012 às 1:46 pm

    Mula, Jegue, Jumento, Besta… todos formam uma só família.

  • ze mane

    -

    2/5/2012 às 1:40 pm

    A respota para essa gentalha está no fato de ser a revista VEJA estar entre as 5 de maior credibilidade , não no Brasil das BESTAS, mas no MUNDO !

  • Netto

    -

    2/5/2012 às 1:34 pm

    A pergunta é: como combater a BESTA, se ela é alimentada por milhões de pessoas que só conhecem um lado do seu verdugo?
    Hoje vi na TV um ex-mendigo falando de sua luta até chegar a presidir uma pequena organização de reciclagem de lixo. Ele disse que para conseguir sobreviver, começou falando de sua triste vida…na sequência, começou a ampliar, a enfeitar a cantilena para conseguir dinheiro de porta em porta e terminou mentindo tanto, que perdeu a noção – não sabia mais o que era verdade ou mentira. Aí, me lembrei do lulalábia que está agindo assim (mentindo para 200 milhões de brasileiros)) para continuar ganhando o voto dos trouxas brasileiros. Até quando? Só Deus sabe.

  • Frei Galvão

    -

    2/5/2012 às 12:47 pm

    A pergunta quer não quer calar: O Amorim entrega?

  • aiQ

    -

    2/5/2012 às 12:32 pm

    um show.
    em cada detalhe, e no todo.

  • roni

    -

    2/5/2012 às 12:21 pm

    Que tal seria a criação de uma CPI da “BESTA” Blogosfera Estatal ! Será que não há gravações a respeito ? Quem sabe o Cachoeira ou a PF tenha.

  • Teresa

    -

    2/5/2012 às 12:12 pm

    Adorei a BESTA- a sigla. Muito apocaliptico.

  • luis

    -

    2/5/2012 às 11:58 am

    A coisa é muito pior do que parece! Uma orquestração incrível de gente que só quer dinheiro e poder. O Brasil, os cidadãos…que se danem! O Brasil não é um país de instituições tão fortes assim e querem destruir o que conquistamos a duras penas.

  • MINEIRIN INVOCADIN

    -

    2/5/2012 às 11:53 am

    Reinaldo,esse sujeitinho,o “azia”,deve ter inspirado o filme “Inimigo íntimo”,protagonizado pelo Brad Pit,ou talvez seja uma recorrência de Brutus! As varejeiras coprófagas e granófagas,que se venderam e se vendem por qualquer “30 moedas”,configurando uma “prostituição travestida de jornalismo”,engorda a conta bancária simultaneamente ao empobrecimento moral,ético e,sobretudo, profissional!Obrigações elementares,como a de COTEJAMENTO DE FONTES, são banidas do jornalismo bandido,das messalinas da mídia! Vou no popular:vagabundos!!!

  • Barbosa

    -

    2/5/2012 às 11:41 am

    BRAVOOO!!! JORNALISTA GENUINO esse PANNUNZIO.
    Caro Reinaldo, ainda existem jornalistas sérios como vc.

    Como leitor, “Bestas e Jegs” não me influenciam, pois trato esses virus com “ReiAzv ou FaPanz”, uma ou mais vezes ao dia.

  • Eduardo

    -

    2/5/2012 às 10:56 am

    Enquanto os defensores da liberdade e da imprensa independente formam um grupo, os JEGS ou BESTA (gostei mais deste último!), formam um bando.

  • Antonio

    -

    2/5/2012 às 10:50 am

    Muito apropriado “BESTA” quando refere-se a PHA.

  • Alcides valença

    -

    2/5/2012 às 10:44 am

    Este é o pior dos mundos , quando formadores de opinião se vendem por minguados trinta dinheiro como judas . Os jornalistas do bem tem que continuar sua luta contra estes infames , estamos ai para apoia los

  • Democracia Vacina Anti-Petralha

    -

    2/5/2012 às 10:44 am

    PARABENS FABIO PANNUNZIO ,UM JORNALISTA COM TALENTO ESTÁ A COMEÇAR PELO SEU CARÁTER E QUEM TEM ,SABE COMO CONDUZIR UMA MATÉRIA INVESTIGATIVA E QUEM ACEITA SE VENDER COM INFELIZMENTE TEMOS MUITOS BRASIL AFORA E SABEM O QUANTO É PREJUDICIAL AO BRASIL POR ESSE COMPORTAMENTO DE UM CANALHA ,VIGARISTA E TUDO MAIS , QUEM NOS DÁ ORGULHO E LUTA POR UM BRASIL DECENTE ,COM CERTEZA ESTAREMOS AO LADO COM TODO APOIO E INCENTIVO PARA UE CONSIGA APRESENTAR MAIS VIGARISTAS NA REPUBLICA QUE ESTÃO DESTRUINDO O NOSSO BRASIL E PRINCIPALMENTE O POVO MAIS HUMILDE QUE NÃO TEM A QUEM RECORRER ,PORQUE NÃO OFERECEM UMA EDUCAÇÃO DE PRIMEIRA ,A UNICA FORMA DE MUDARMOS E NÃO MAIS ACEITARMOS GOVERNANTES OPORTUNISTAS E POPULISTAS QUE DESEJAM APENAS O PODER E NADA MAIS SOBRE SEUS DEVERES E INVENTAM UM NOVO BRASIL ,MAS UM NOVO BRASIL DA INDECÊNCIA ,DA VIGARICE, DA BANDIDAGEM PÚBLICA ,DA MAIOR ARRECADAÇÃO DE RECURSOS PÚBLICOS MAS PARA O PRÓPRIO BOLSO E COM JORNALISTAS QUE TAMBÉM LUTAM PARA DESMASCARAR OS VERDADEIROS DESTRUIDORES DE BRASIL E COM ISSO AJUDAR A MUDAR TUDO ISSO QUE ASSISTIMOS EM GRANDE ESCALA DESDE O PRIMEIRO MANDATO DO APEDEUTA O CRIADOR DE CIZANIA E ESQUEMAS DE CONTRIBUIÇÃO AOS SÓCIOS ,AMIGOS E SEUS PRÓPRIOS PARTIDÁRIOS DA REDE PETRALHA ,POR ISSO CONTINUE A SUA LUTA EM DEFESA DE NOSSA DEMOCRACIA QUE AGRADECEMOS PELA SUA CORAGEM EM PRIMEIRO LUGAR PORQUE AQUI OS BONS SOFREM SUCESSIVAS TENTATIVAS DE GOLPES E AMEAÇAS E POR ISSO MUITOS SE RECOLHEM ,MAS COM PESSOAS DE CARÁTER AS NOSSAS EXPECTATIVAS AUMENTAM CADA DIA MAIS EM SE LIVRAR DESSA REDE DE PARASITAS QUE TRANSFORMARAM O BRASIL EM UM ESGOTO A CÉU ABERTO E MUITO FÉTIDO ,NÃO ACHO QUE A CORRUPÇÃO COMEÇOU COM O APEDEUTA ,MAS ELE PROVA A CADA DIA SER O MAIOR LÍDER EM SAFADEZA E ESQUEMAS DE CORRUPÇÃO JAMAIS VISTO NADA IGUAL , O APEDEUTA É MESTRE NA FALTA TOTAL DE CARÁTER , O BRASIL PRECISA ACORDAR RÁPIDO ,O BRASIL DEIXA CLARO QUE O GOVERNO DO APEDEUTA E SUA TERCEIRIZADA ODEIAM INVESTIR NA EDUCAÇÃO ,PORQUE ELES SERIAM TOTALMENTE ERRADICADOS DE QUALQUER TIPO DE PODER E ISSO FICA CLARO DO PORQUE A EDUCAÇÃO CARANGUEJO CRESCEU NOS ULTIMOS 10 ANOS ,FAÇAM AS CONTAS E VEJA OS NÚMEROS NO IBGE A RELAÇÃO DE TANTOS ESTRANGEIROS QUE ESTAMOS ABSORVENDO EM NOSSAS EMPRESAS ,POR FALTA DE PROFISSIONAIS QUALIFICADOS NO BRASIL E COMO ISSO NÃO PODEMOS CRESCER MAIS DO QUE 3% AO ANO PARA NÃO OCORRER APAGÕES E SEM INFRAESTRUTURA O PAÍS NÃO SAI DO LUGAR E OBRIGA A IMPORTAR A TUDO E A TODOS E POR ISSO NÃO ADIANTA BLOQUEAR AS IMPORTAÇÕES ,PORQUE NESSE MOMENTO PRECISAMOS DA MAIORIA DELAS , O BRASIL PRECISA DE VERGONHA NA CARA E EXPULSAR QUALQUER GOVERNANTE QUE QUEIRA SER POPULISTA E OPORTUNISTA DE CARTERINHA ,O BRASIL PRECISA DE HOMENS COM A DEVIDA CORAGEM DE MUDAR RADICALMENTE OS RUMOS DE NOSSO BRASIL PENSANDO NO FUTURO A PASSOS BEM ELABORADOS E NÃO COM AS SUCESSIVAS CAMPANHAS PUBLICITÁRIAS DE UM BRASIL DE MENTIRINHA ,BRASIL SÉRIO É O BRASIL QUE ERRADICA QUEM PREJUDICA O BRASIL COM O PETISMO INSANO QUE COMPRA AS PESSOAS PARA TER PODER.

  • Fernandez

    -

    2/5/2012 às 10:36 am

    Olha o que disse Tarso Genro, tentando desqualificar a jornalista Rosane de Oliveira que o chamou de incoerente:
    “- Este tipo de colunismo ainda não se esgotou, mas tende a esgotar-se por falta de credibilidade. –”.
    -Vai sonhando, Tarso.
    -Quem está perdendo a credibilidade são estes seus mercenários da Internet.

  • Sandro Coelho

    -

    2/5/2012 às 10:28 am

    Se cuidem petralhas!!!!!!!! Estamos reagindo ao facismo!!!!!

  • Alcides

    -

    2/5/2012 às 9:16 am

    Essa turma da BESTA devota um amor bandido ao PT, por dinheiro ou por convicção política socialista.

  • Alcides

    -

    2/5/2012 às 9:14 am

    Essa turma da BESTA

  • Aldo Matias Pereira

    -

    2/5/2012 às 8:40 am

    Reinaldo,
    Fábio Pannunzio continua firme. Ainda bem! No entanto, a partir da ordem de lulla para que a Veja seja “destruída”, acho aconselhável que todos vocês se preparem. Já, já irão plantar alguma gravação forjada nos porões da cut ou de algum sindicato aparelhado para tal e vazarão para a “imprensa” as “artimanhas” montadas pela Veja e seus editores para “desmoralizar” (como se isso fosse possível, né?) o pt e os petistas. As vestais todas estão à espera dos amaurys da vida para comemorar a derrocada da revista e seus jornalistas porque as “verdades” que elas propagam são, de fato, “insofismáveis”, até que alguém se esqueça de cumprir o “script” cãobinado.

  • Renata

    -

    2/5/2012 às 8:14 am

    As empresas estatais já admitiram que patrocinam a Besta, agora resta saber quais empresas receberam esse dinheiro. Uma delas, eu sei, é Ong Barão de Itarare http://www.baraodeitarare.org.br/tag/midia que recebeu, no ano passado, 50 mil do governo do DF e 20 mil da fundação banco do Brasil para realizar o 2 encontro nacional de blogueiros progressistas. Agora eu pergunto: quais empresas receberam o patrocínio da WEBFOR e quem está por trás delas? O dinheiro é público mas o banco do nordeste, cef e outras tantas estatais não divulgaram isso em nenhum D.O ou site. Para quem vai este dinheiro?

  • celia pereira

    -

    2/5/2012 às 7:57 am

    Pois é, o Tudo Beeeeeeiiiinnnnn???? está chafurdando na lama junto com seus pares, na lama proliferam bactérias e vermes, bactérias e vermes causam estragos, mas em algum momento são combatidas por homens decentes, competentes e que dedicam suas vidas em benefício da população

  • higino

    -

    2/5/2012 às 7:52 am

    Toda essa sujeira que assola o Brasil como nuncanahistoriadestepaís tem um nome pt, lulllla e lullllo-petismo, que arrebanhou os piores bandidos em todos os setores para transformar a nação num covil de assaltantes, celerados e marginais e elevar o Brasil `a marca de um dos paises mais corruptos do mundo> Esta é outra das heranças malditas do hediondo lulllalau.

  • Jean

    -

    2/5/2012 às 7:39 am

    Muito bom texto. O blog do Pannuzio já está nos meus favoritos.

  • Marcus Meyer

    -

    2/5/2012 às 7:12 am

    O texto é ótimo! Pena que a grande maioria da população que se comporta como gado não irá ler estas verdades!

  • Marcos F

    -

    2/5/2012 às 6:41 am

    O Pannunzio é um jornalista simples, sério e trabalhador. É o modo que pessoas de bem encontram para construir uma carreira.
    Os JEGs, a BEsta … não há o conceito de carreira. É só o “hoje com o dinheiro desviado”. Sim, não basta ser dinheiro de um partido ou do Governo, tem que ser desviado; enfim, tem que ter sacanagem no pedaço.
    O Pannunzio, o Policarpo, Lauro, Augusto, Rei e muitos outros, às vezes endeusados ou execrados, são profissionais que trabalham como tal, e vivem da carreira – e não do roubo, da notícia mentirosa …
    Pannunzio … somos nós.

  • Solo

    -

    2/5/2012 às 6:36 am

    Muito obrigado Reinaldo. Muito obrigado Pannunzio

  • emeesse

    -

    2/5/2012 às 5:52 am

    Caro Reinaldo,
    por que estamos passando por essa situação calamitosa?
    Nós sabemos que o Mundo está debaixo do controle de Deus e nada acontece sem que Ele ordene; então por que essa corja tem tanta facilidade de agir?
    Por que Deus coloca os petistas mandando no Brasil?
    Os petistas cercados de idiotas de todos os tipos.
    Estamos cercados pelo fogo.
    Mas esse fogo que queima, ele também purifica.
    Separa as impurezas, separa o precioso do vil.
    Consolidamos nossa posição na integridade e na decência, na virtude, na honestidade, na fé e na esperança em Deus que irá julga-los.
    O caminho para o Reino é por uma porta estreita e a estrada cheia de cruzes e aflições.
    Glorificamos a Deus quando suportamos essa gente com paciência.
    Gememos de indignação, mas não somos resmungadores.
    Não sei porque Deus está fazendo isso com a sociedade brasileira, mas um dia saberemos.
    Louvado seja o Senhor.

  • LIMA

    -

    2/5/2012 às 5:46 am

    REINALDO.
    AS BESTAS ESTÃO SOLTAS E PRECISAM SER ELIMINADAS DO REGIME DEMOCRATICO. PARA TANTO CONTAMOS COM SUAS OPINIÕES E MANIFESTAÇÕES POIS PRECISAMOS NOS INFORMAR E ORIENTAR. OBRIGADO PELO TRABALHO E AJUDA!

  • cuidado com a patrulha

    -

    2/5/2012 às 5:15 am

    Fui no blog do Pannunzio:
    Ele deixa os petralhas “agumentarem” demais!
    Eles que vão “argumentar” no JEG ou na BESTA!!

  • cuidado com a patrulha

    -

    2/5/2012 às 4:52 am

    CESAR – 23:01
    Petralha

  • @Sommers@

    -

    2/5/2012 às 3:58 am

    é preciso combater essas besteiras que os petralhas estão espalhando na rede.Boa Noite Tio Rei.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados