Blogs e Colunistas

20/11/2012

às 6:31

Fala da ministra Maria do Rosário deixa a população refém da bandidagem!

Para satisfação e gáudio da estupidez politicamente correta — e criminosamente correta também —, a ministra Maria do Rosário (Direitos Humanos) decidiu pensar. E esse é sempre um momento periclitante para a experiência humana na Terra. Ela esteve ontem com o presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), para pedir mais rapidez na votação de um projeto que cria um sistema de prevenção contra a tortura nas cadeias. E mandou ver ao vento: “O que as pessoas precisam compreender cada vez mais é que, quanto pior a situação dentro dos presídios, mais violência nós teremos nas ruas. Há uma conexão”.

Qual conexão, minha senhora? Agora prove o que diz. Ela não vai conseguir, é evidente, porque está apenas dizendo uma dessas tolices pomposas, com a qual vão concordar amplos setores da imprensa, não necessariamente muito afeitos ao calor do pensamento. Afinal, sustentar que Maria do Rosário diz uma grossa bobagem pode se confundir com a defesa da tortura nas cadeias… A tolice politicamente correta tem sempre o condão de paralisar a razão.

Então vamos ver. Pra começo de conversa, os chefões que mandam no crime organizado costumam estar em cadeias de segurança máxima, bem longe das agruras enfrentadas por boa parte dos 470 mil  que há no Brasil e que, atenção!, não pertencem a facção nenhuma. Uma coisa é reconhecer a existência de PCC, Comando Vermelho, ADA etc. Outra, distinta, é imaginar que eles realmente comandam um exército de centenas de milhares de pessoas. Mas esse não é o aspecto mais deletério da fala doidivanas desta senhora.

Os presídios precisam melhorar porque há que se seguir a lei no país também para os presos. Precisam melhorar porque não se admite que o estado mantenha milhares de homens em condições abaixo de qualquer dignidade. Trata-se de uma obrigação de quem tem a correta tarefa de tirar do convívio social os que delinquem. Mas não! Os presídios NÃO PRECISAM MELHORAR porque, de outro modo, seremos todos reféns de organizações criminosas. Seremos agora chantageados por presos?

Ao dizer o que disse, Maria do Rosário retirou dos chefes do crime organizado a responsabilidade por atos que intranquilizam milhões de brasileiros e a transferiu para as costas largas da sociedade. Seríamos, então, vejam que maravilha!, os verdadeiros responsáveis por aquilo que nos ameaça.

O que me encanta, adicionalmente, na sua fala é o tom. Vamos reler: “O que as pessoas precisam compreender cada vez mais é que, quanto pior a situação dentro dos presídios, mais violência nós teremos nas ruas. Há uma conexão”. Fica parecendo, como veem, que estamos resistindo bravamente àquilo de que Maria do Rosário quer nos convencer. Dá a impressão de que está nas nossas mãos dar menos ou mais dinheiro para o sistema penitenciário. Nessa fábula, ela é a Fada Boa, aquela que pretende nos conduzir para o caminho do bem!

Mas esperem! O partido a que pertence esta senhora é governo no Brasil há looongos 10 anos! Ainda tem mais dois pela frente, com boas chances, hoje ao menos, de reeleição. ASSIM, QUEM PRECISA COMPREENDER QUE É PRECISO INVESTIR EM PRESÍDIOS É O SEU GOVERNO, É O SEU PARTIDO.

O ministro da Justiça — seu colega de legenda José Eduardo Cardozo — é o chefe do Depen (Departamento Penitenciário Nacional). O Depen responde pelas execuções penais no Brasil inteiro e tem livre acesso a qualquer presídio na hora em que bem entender. Quem “precisa compreender” a gravidade da questão é o próprio ministro — ou como se explica o corte, em 2011, de R$ 1,5 bilhão da verba da Secretaria Nacional de Segurança Pública?

Há outro ângulo a examinar na fala da ministra.Ela faz supor que o crime organizado não cessará seus ataques enquanto não melhorar a situação dos presídios, de sorte que haveria uma relação mecânica entre uma coisa e outra, e os bandidos que organizam ataques o fazem levados por uma espécie de fatalidade. Não poderiam, assim, evitar seus atos. O bandido, na formulação magistral de Maria do Rosário, seria também uma vítima. Como tal, merece reparação.

É claro que a condição dos presídios têm de melhorar. Mas não! Isso, por si, não contribuirá para diminuir a violência na sociedade. Até porque, minha senhora, basta cotejar o número de homicídios dos estados que menos prendem com os dos estados que mais prendem, e nós vamos constatar o óbvio: os que prendem menos têm taxas de homicídios muito maiores.

Reitero: os presídios precisam oferecer condições salubres aos presos porque esse é um dever do estado. Mas sem essa de sugerir que estamos, como sociedade, colhendo o que plantamos. Uma ova! Se o governo federal fosse mais efetivo para vigiar as fronteiras, por exemplo, entrariam no país menos drogas e armas — e isso certamente teria um efeito positivo no combate à violência.

E como Maria do Rosário é petista, não poderia faltar a tentação de jogar a responsabilidade nas costas de outros governos: “Estamos, sim, diante de uma situação de emergência. Ainda que não seja atual, que já venha se arrastando há muito tempo, não basta apenas ampliar o número de vagas.”

É o que ela tem a dizer depois de dez anos no poder!  Pois é… Vamos ver se o PT consegue mais quatro nas urnas. Ao fim de tudo, poderemos dizer com orgulho, depois dos “cinquenta anos em cinco” de Juscelino: “PT: quatro anos em dezesseis”…

Por Reinaldo Azevedo

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

Envie um comentário

O seu endereço de email não será publicado.

311 Comentários

  • Anónimo

    -

    22/11/2014 às 1:35 am

    Realmente, humanos não estão preparados para a paz.

  • Chatiada

    -

    9/4/2014 às 11:43 am

    Maria sem Rosário defensora do crime e desarticuladora famíliar

  • Desanimado

    -

    1/3/2013 às 10:29 pm

    esta ministra deve estar brincando, ja estou comessando a desconfiar porque defende tanto a criminalidade,ate ia relatar alguma coisa mas acho que não vale perder tempo. mas não decharei de ter esperança que deus abençoe esta proxima e coloque bons pensamentos nela.

  • amigo

    -

    1/3/2013 às 10:20 pm

    no brasil se fala em direitos humanos pois bem,vejamos alguns exemplos, preso gasto de 1,2 mil por mes para o governo direitos humanos proibe que os pobresinhos trabalhe para pagar o gasto,se adoecerem tem que correrem para dar assistencia medica ao mesmo, uma pessoa trabalha de sol a sol ganha 670 reais come mal sustenta familia e morre na fila de um hospitalesperando atendimento pois bem la não se ve DH,a mesma briga para cada vez mais amarrar a segurança e folgar para os criminosos , me arrependo amargamente do meu voto, hoje em dia os DH so serve para preso e corrupito, as pessoas honestas e humildes so tem direitos em viverem gradeados dentro de suas proprias casas e de ficarem calados em quanto os politicos nem um pouco preocupados mentem descarados enganado e fasendo a farra com o dinheiro dos impostos dos miseraveis assalariados, que trabalham toda semana, não so de terça a quinta os outros dias fasem uso do dinheiro publico como ja e sabido por todos

  • propriedadeimovel@hotmail.com

    -

    27/2/2013 às 9:00 pm

    Concordo totalmente com o texto acima!!! e digo mais esta senhora tem insistentemente prestado um desserviço a sociedade de forma insistente durante todos os anos em que ocupa cargos eletivos, sempre frustrando seus eleitores, mas irão me perguntar: “quem a elege?” eu respodo: todas as minorias que durante este tempão ela vem iludindo. Como? Simples. As minorias são suficientemente numerosas para eleger, porém são insuficiente para causar um dano político!!! Por isso ela está sempre com essa conversinha de “inclusão” ou de “igualdade” não que não se deva vislumbrar e pleitear estas coisas, mas não de forma mesquinha e demagoga. Perdoem-me pelo desabafo.

  • ze´mané

    -

    23/11/2012 às 11:07 am

    Essa Maria sem Rosário, Maria sem Rosário, sem comentário; quanto ao Ministro Cardoso, quando começará a trabalhar?????

  • juscelino

    -

    22/11/2012 às 5:05 pm

    COLEGA DE LEGENDA, COLEGA DE LEGENDA….AHH.. PELO AMOR DE DEUS , ISSO AÍ ESTÁ MUITO MAIS PARA OUTRA COISA…DEIXA A LEGENDA SABER DISSO…

  • Gaspa

    -

    22/11/2012 às 3:05 pm

    Mas tb não é o caso de tratar melhor quem comete crime, do que os honestos, que apesar da sua pobreza , seguem a sua vida trabalhando.

  • entregaram SP aos ratos

    -

    22/11/2012 às 3:03 pm

    Pelo visto, refém da bandidagem estamos desde 1990 com o apoio de nossa mídia vendida.

    Vejam só o post que fez Aloisio Amorim sobre o FORO DE SÃO PAULO, em videos; mais informações para quem quiser tem que buscar com Olavo de Carvalho.

    http://www.brasil-conservador.blogspot.com.br/2012/11/exclusivo-video-do-i-encontro-do-foro.html

  • Premeditando o Breque

    -

    22/11/2012 às 2:31 pm

    É uma mente confusa e um espírito perturbado. Ela deve ter sido molestada na infância.

  • Premeditando o Breque

    -

    22/11/2012 às 2:29 pm

    O difícil de ser uma sociedade tutelada é isso mesmo. Quando se metem a nos proteger de nós mesmos, somos tungados, desrespeitados e pisoteados para o nosso prórprio bem quem alguém, lá entre eles vai decidir o que é. Quando se metem a proteger os seus preferidos, pagamos do mesmo jeito e, novamente só eles ganham já que passamos a ser a parte culpada da sociedade pelo sofrimento individual de cada ladrão, viciado, traficante, exterminador doidão que esteja por aí.

  • sidney

    -

    22/11/2012 às 10:28 am

    Não tive estomago para ler esta reportagem ou comentário até o final, bem afinal se as cadeias estão lotadas, e de condições subhumanas aos presos, então pergunto, teriamos que fazer resort para os presos, enquanto a população continua refém de bandidos nas ruas e nos governos? Será até quando nossa midia irá dar razão a falas absurdas de ministros que querem o mau da população e refrescar a cabeça de assassinos, traficantes e bandidos, se tivesse justiça neste pais começaria a prender os bandidos quadrilheiros do palacio do planalto que estão e os que sairam, se fosse eu secretario de segurança do estado de são paulo colocaria todos os lideres destas facção criminosas em uma única cela e falariam, cada policial morto ou cada inocente morto nesses ataques irá morrer pelo dois desses lideres e deixaria eles sem celulares ta por que as ordens ja foram dadas, então mata uma pessoal ou policial morre dois até terminar com todos eles, depois começaria a limpeza das ruas, colocaria a ROTA com poderes para burrifar os bandidos, depois disse começar a averiguar as facções criminosas do planalto, dos governos estaduais e municipais e também no juridico para fazer uma limpa na corrupção, no ganho facil e nos quadrilheiros então assim o Brasil seria passado a limpo,pois, martar não é somente com armas mas também com disvios de dinheiros para a saude, para educação para as necessidades no povão pobre, se manda dinheiro não chega no distino limpa quem desviou, concorda que o Brasil será limpa da corja de ladrões, e garanto o molusco ia se borrar todo, pois não poderia mais falar EU NÃO SABIA, NÃO CONHEÇO NÃO SEI.

  • Zémanébrasileirodasilva

    -

    21/11/2012 às 8:50 pm

    O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso?
    Mais petralha impossível.

  • Zémanébrasileirodasilva

    -

    21/11/2012 às 8:42 pm

    Maria do Rosário rebate às críticas:
    .
    O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso?
    Que disco arranhado !!!!! hehehehehe

  • J Afonso

    -

    21/11/2012 às 8:30 pm

    Fico preocupado com o futuro para as próximas gerações, diante de tanta estupidez, de exemplos que nos causam perplexidade. Parece que os herois, já não são os mesmos de antigamente, os que prendiam os bandidos, os que abominavam a injustiça, eram os legendários de uma epoca que deixava bons exemplos.
    Por exemplo, fizeram herois aqueles exilados da ditadura, pagaram fortunas a esses que não construiram nada, sem querer com isso defender o periodo, mas se ao menos deixassem uma contribuição plausível para mudar o País, até conseguiria entender.
    O que não entendo, são aqueles verdadeiros herois que sequer recebem ao menos lembranças de um passado de glórias de contribuição à humanidade – aqueles que efetivamente lutaram por uma causa, a defesa da soberania nacional, me refiro aos ex-combatentes da FEB, que tive a honra do meu sogro ter lutado na Italia. Ninguem construiu uma cartilha para que as escolas mostrassem esses herois. Quando falo em herois, falo nos policiais que estão morrendo pela crescente força do banditismo em nosso país. Tenho esperança que a espiritualidade desses verdadeiros herois possam estabelecer um plano de correção de rumos, quem sabe os mortos reencarnem para a nossa proteção.

  • MRF

    -

    21/11/2012 às 6:11 pm

    Frases de efeito…só o que temos assistido dentre as atitudes dos responsáveis diretos pela segurança pública no Brasil. Cadê as ações efetivas?? Falar…falar…Estamos cansados de tantos discursos bonitos para imprensa divulgar!!

  • Clovis A Stenico

    -

    21/11/2012 às 5:52 pm

    Sera que esta ministra, por um acaso foi até a casa da família de algum soldado morto por quem ela quer dar conforto.Direitos humanos é para humanos direitos.

  • dr drauzio

    -

    21/11/2012 às 5:52 pm

    ATÉ QUANDO SEREMOS TORTURADOS POR ESTES PETRALHAS?
    É UM SOFRIMENTO LER OU ASSISTIR AOS TELEJORNAIS ESTA CAMBADA DE MALANDROS VOMITANDO “VERDADES” PARA O POVO BRASILEIRO.
    ATÉ QUANDO ???????????

  • Carlos Galvão

    -

    21/11/2012 às 5:21 pm

    Prezado Reinaldo
    Sempre que posso leio sua coluna, mas nunca comento.
    (Ironia mode on)
    Gostaria de fazer uma “defesa” da frase da ministra, submetendo-a a análise:
    “Quanto pior a condição dos presídios, mais violência nas ruas”. Será que o que a ministra quis defender uma “contrapositiva” do tipo “melhores condições implica menos violência”?
    Acho que a ministra está (igual a qualquer petista) preocupada com o Chefe na cadeia. Creio que a gloriosa conclusão desta frase seria que se todos os presídios fossem como o Fasano Hotel, Golden Tulip ou Nobile Lakeside não teríamos tanta violência quanto agora!!! Não é brilhane nossa ministra?
    Note-se que coloco “não teríamos tanta violência” em vez de “não teríamos violência” pois, sabe como é, não dá pra negar que violência está no DNA comuno-petista, que conclama os seus para surras “nas urnas e nas ruas….”, sempre precisarão de algum “direitista” pra levar bordoadas…

    Outra linha de raciocínio possível: Quanto melhor for a condição do presídio, mais os bandidos/vagabundos em geral vão querer ficar na cadeia. Menor será a violência nas ruas.

    Pergunto ao nobre colunista: “Tô certo ou tô errado?”
    (Ironia mode off)

    Sem desmerecer, o mínimo que uma Ministra de Direitos Humanos deveria fazer seria cobrar publicamente que os Direitos Humanos dos presos sejam respeitados. Só que indicando nominalmente os responsáveis, em especial nos últimos 10 (DEZ) anos: Márcio Thomaz Bastos, Tarso Genro, Luiz Paulo Teles Ferreira Barreto e José Eduardo Cardozo como Ministros da Justiça e Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Vana Roussef como Presidentes da República. Ou vão dizer que a culpa é do FHC, que ficou no governo 8 anos???

  • Antipetistaatéamorte

    -

    21/11/2012 às 4:40 pm

    Com esta cabeça…
    O que me emputece é que tudo que elles pautam vira verdade e sai todo mundo repetindo.
    Nas palavras do Ministro da Justiça, o “ministério não é casa da moeda”… por certo é a casa da m…

  • Antonio Durão

    -

    21/11/2012 às 2:56 pm

    É. Fica evidente que a BURRICE no PT é um must…

  • José Gilma

    -

    21/11/2012 às 12:22 pm

    A oposição atual é uma farsa, exemplo: João Castelo prefeito de São Luis Maranhão, disse em sua campanha pela reeleição que recebeu 650.000.00 (seiscentos e cinquenta milhões de reais), da presidente Dilma. Primeiro ele é do PSDB que se diz oposição ao PT, segundo esse dinheiro foi usado como deveria ser usado? por que as reclamçoes em S Luis MA., são grande, talvez por isso ele não conseguiu se reeleger. Quem vota na oposição quer ver o seu candidato da oposição fazendo oposição e não elogios aos seus adversários políticos. A oposição no Brasil é uma farsa para enganar gente besta.

  • Eduardo

    -

    21/11/2012 às 12:19 pm

    Pela fala da Ministra , parece que todos os presos são filiados/militantes do PT .
    Ou estou enganado ?

  • deisilucy Valentim

    -

    21/11/2012 às 12:07 pm

    há, plantamos sim. Se o governo sai do povo, nós estamos colhendo o que semeamos.Este povinho não se emenda não.

  • valeria correa

    -

    21/11/2012 às 11:23 am

    E não é isso que querem “OS DIREITOS HUMANOS”: responsabilizar a sociedade pelo mal do mundo? Onde ela vive jamais deve ter acontecido de crianças serem arrastadas presas ao cinto de um carro, por ladrões, na frente de uma mãe desesperada… nem policiais mortos deixando órfãos suas famílias… nem ladrões de colarinho branco metendo a mão nos bolsos da sociedade… enfim, ela deveria especificar melhor de qual DIREITOS HUMANOS ela está falando, os nossos ou os de bandidos, ladrões, corruptos e toda essa corja que está por aí?

  • flavio

    -

    21/11/2012 às 11:10 am

    Novamente, a incompetencia campeia no nosso ministério, todos são pessimos, todavia esse não é o problema o maior problema é o carater e a honestidade. Se tivessem sido levados ao cargo por competencia e aptidões sem duvida não precisariam fazer o que os apedeutas do pt mandam.

  • Elson

    -

    21/11/2012 às 10:50 am

    O Brasil nas mãos do PT,transforma terrorista em ativista.
    Agora…essa reinvidicação legítima,segundo a Dona Maria, de matar quase 100 Policiais é coisa da fusão PT/PCC.

  • Carlos

    -

    21/11/2012 às 10:28 am

    Professor Reinaldo,
    Esse pessoal da esquerda e do PT não tem jeito mesmo. Sempre abrindo a boca para falar asneiras.

  • André C.A.

    -

    21/11/2012 às 10:12 am

    Maria do Rosário rebate às críticas:
    .
    O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso? O que é isso? Mas o que é isso aqui? O que é isso aqui? Mas o que é isso?
    .
    (eu não resisto)

  • nelson Guge de Oliveira Lima

    -

    21/11/2012 às 10:04 am

    TANTA BOBAGEM

  • Rique

    -

    21/11/2012 às 9:32 am

    Ela, a MR, ainda não caiu na real! Será que isso ocorrerá um dia????
    Vive sonhando!!

  • Alvaro

    -

    21/11/2012 às 9:07 am

    Essa tal de Maria do Rosario é uma vergonha.Sempre escudada pelos “direitos humanos,mente provoca,é uma magrela audaciosa,que chamou estuprador, o BolsonaroEle respondeu que ela não era o tipo

  • duduzinho da neves

    -

    21/11/2012 às 8:58 am

    Prezado Tio Rei;
    É aquela velha história, há problema cria-se uma nova lei, não importa se já existe lei semelhane sobre o assunto, importar que seja patrona de uma nova lei para não ser cumprida, diariamente no Brasil edita-se uma bíblia de nova lei, graças a Deus existe muitos feriados, dessa forma não havia floresta para fazer tanto papel.
    -Prezado Tio me desculpaa franquesa mas, essa Senhora Maria do Rosária é uma usina de bobagem, ela confunde ordem com autoritarismo e desordem com liberalidade, uma confusão mental que é uma castástrofe, o Brasil merece?.

  • José

    -

    21/11/2012 às 8:57 am

    Jota Eme – 20/11/2012 às 20:18,
    Embora eu já tenha “gastado minha cota” neste tópico, me sinto na obrigação de abusar da paciência do Reinaldo.
    Não é paranóia sua, não, você está certíssimo e assino em baixo de tudo o que você afirmou.
    A conexão entre PCC, Comando Vermelho e PT é real e está no âmago do Foro de São Paulo, através das FARC.
    As FARC foram o primeiro patrocinador das organizações criminosas de esquerda, agregadas através do Foro de São Paulo. Hoje, continuam patrocinando, financeiramente, mas de forma secundária, pois como várias organizações filiadas já chegaram ao “podê” em seus países, entre elas o PT, estas estão cumprindo o acordo firmado lá na fundação do Foro, de desviar recursos de seus países, sob as mais variadas formas, para atender às necessidades dos sócios da organização mafiosa comunista, cuja finalidade é transformar a América Latina na “URSAL” (União das Repúblicas Socialistas da América Latina) aos moldes da falida URSS. O beiçola de Caracas a chama de “América Bolivariana” ou “Pátria grande”, para não chamar nossa atenção, mas se trata da “URSAL”.
    O principal papel das FARC, hoje, como já não é mais a única financiadora do “Foro”, é a integração das “forças de combate” insurrecionais , no Brasil, o MST e as organizações do crime, entre elas, o PCC e o Comando Vermelho, que têm mandado “combatentes” para treinamento na selva colombiana.
    As FARC, hoje, são a Cuba dos anos 60, na preparação de guerrilheiros comunistas, para emprego na “revolução”.
    O que está acontecendo hoje, em São Paulo e Santa Catarina, muito mais do que uma “resposta” espontânea da marginalia em represália à ação enérgica das polícias dos dois estados, é um “exercício de comando” com acionamento centralizado, dos agentes terroristas treinados para isso.
    Por que São Paulo e Santa Catarina? Por que as populações desses dois estados não entregaram as chaves de seus cofres à máfia petralha.
    E, não se iluda, o MST também faz parte disso, o acionamento chegará a seu devido tempo e as “armas” já estão separadas e a ele destinadas, foram mandadas pelo Planalto para Caracas, nos tempos de Lula Macunaíma da Silva, sob a guarda de Chávez.
    No comando de tudo isso, pode ter certeza, está a organização criminosa disfarçada de “partido de trabalhadores”, cuja camada dominante é constituída de “kamaradas” que nunca trabalharam, a exemplo de Zé Dirceu.
    Você está certíssimo em toda a sua análise e o “ministério” de Dilma é realmente um deboche à Sociedade que paga impostos, os três exemplos que você citou demonstram isso com total clareza, uma recalcada, rebelde sem causa, aliada de bandidos, nos “direitos dos manos”, uma infanticida no “ministério das feministas” e um “Ministro da injustiça” que reclama do estado dos presídios sob sua responsabilidade, sem sequer ficar vermelho.
    Isso é um teste de “amestragem” da Sociedade, para sentir até que ponto já está domada, a fim de permitir o “avanço” seguro, sem baixas do lado vermelho, do projeto da “ditadura do proletariado”, que foi evitada pelas Forças Armadas por três vezes, mas que desta vez, pela “via de Gramsci”, da dissimulação e desestruturação da Sociedade e destruição de sua Cultura, vem firme por aí.

  • Silas

    -

    21/11/2012 às 7:01 am

    Caro Rei,
    Lendo as últimas – que certamente não serão as últimas! – asneiras de Maria do Rosário, lembrei-me pequena cidade do estado do Pará, Floresta, há um bar com o nome de “…”. Parece homenagem feita à Maria do Rosário?
    Afinal esse destrambelho da “sinistra” só pode ser resultado de inúmeras e mal feitas plásticas nas quais se esticou tanto que a …

  • FabioS.

    -

    21/11/2012 às 4:43 am

    corrigenda (burro metido a besta)
    apesar de não ser direta —
    leia-se
    apesar de não implicar em casualidade

  • Oliveira Jr

    -

    21/11/2012 às 3:13 am

    O brasileiro parece que perdeu a memória. Há pouco, quando os mensaleiros foram condenados, o ParTido anunciou que faria alguma coisa. Não foi apenas retórica. Os bandidos de hoje são os filhos dos revolucionários armados de ontem, treinados nas cadeias que os mantiveram juntos por tempo suficiente para tornarem-se ativos num estalar de dedos. Há mais do que o governo paulista em jogo, há o Brasil.
    .
    O Foro de SP dá as ordens, que são cumpridas à risca. Vejam os paises que depuseram seus vigaristas pela força da lei: Honduras e Paraguai. O que ainda estão enfrentando não é pouca coisa. O Brasil está numa situação distinta: é grande demais para um golpe pesado e ainda tem algum resquício de leis que funcionam. Mas os cumpanhêros têm armas eficazes para afrontar os cidadãos: MST, PCC, ADA, CV, dentre outros, todos devidamente armados enquanto a população não pode possuir um arco e flecha decente para se defender.
    .
    Não adianta reclamar, enquanto nossa população continuar acreditando nas urnas eletrônicas, será assim para pior.

  • Raissa Pedra

    -

    21/11/2012 às 2:14 am

    Reinaldo.
    Tudo que essa Senhora precisa ouvir você o disse em termos claros e precisos.
    Esta tão perdida e obscecada pela palavra tortura, que esquece ou finge esquecer o problema crucial da falta de condições mínimas de dignidade humana oferecidas pelos presídios, tarefa essa de responsabilidade do Ministério da Justiça a quem cabe a fiscalização e administração do processo de execuções penais. Por que não cobra direto do seu companheiro José Eduardo Cardoso, ministro da Justiça o cumprimento de suas atribuições, no que prestaria um grande serviço à sociedade?
    Pelo visto a possibilidade de coroados do PT irem para a penitenciaria, poderá ajudar muitos presos e beneficiar o sistema presidiário, pela solidariedade e compaixão que esta despertando aos apenados. Melhor assim, pois alguma providência teria que ser tomada.

  • Carlos Lacerda

    -

    21/11/2012 às 2:08 am

    O PT está montando a tomada do poder total faz 8 anos. Um bom jogador de xadrez veria que o ataque já está armado.

    Criando diversas militâncias como a negra, PCC e gays. FARC também ajuda, bom né. Ganham as eleições com decreto lei e infiltram safados no STF e TCU.

    Estão pensando que passam a perna nos banqueiros judeus, fazendo o brasileiro se endividar e os deixando felizes por hora, para ganhar tempo controlar a mídia pela censura(Dirceu e Tarso) e depois chutar a bunda dos banqueiros (que tem direito a investir seu capital como quiserem) com estatizações violentas.

    É só esperar para ver,rumo ao Império Comunista do Brasil !

  • UNK

    -

    21/11/2012 às 1:07 am

    Reinaldo e amigos,

    como pode esta gentalha , burraldina, pensadores de …, ser ministra?
    bom só pode nesta republiqueta do Lullo-dilmismo-petismo!!

    é uma vergonha esta nossa república bananeira!!

  • Blog and Roll

    -

    21/11/2012 às 12:35 am

    Com todo respeito à ideologia esquerdista da Exma Secretária dos Direitos Humanos no que tange aos direitos humanos dos CRMINOSOS presos ou não, ela deveria pensar primeiro nos direitos humanos dos policiasi e dos demais trabalhadores e cidadãos HONESTOS, que pagam-lhe o salário e de todsos os seus aspones.
    .

    Dna Maria do Rosário, preste atenção no que dizia o saudoso Alborghetti: http://youtu.be/ds9pr7KIRPM e http://youtu.be/fWctjfYQcUM

  • Santana*100

    -

    21/11/2012 às 12:34 am

    Não tenho dúvida que a ministra está a serviço de governos paralelos! Ela não foi colocada lá à toa.

  • kerwsonlisi/parnamirim/rn

    -

    21/11/2012 às 12:26 am

    ESSA MARIA,COM SEU ROSÁRIO DE BESTEIRA É INSUPORTÁVEL,… SÓ MESMO NUM PT QUE TEM EM SUA GANGUE MARTA SUPLICI E TANTOS OUTROS RIDICULOS, PARA TER TAMBÉM maria do rosário.PENA QUE O BOLSONARO NÃO … QUANTO ELA AO SE METER ONDE NÃO DEVIA…O PT É UM PARTIDO DE CORRU-PT-OS GOLPISTA E USA O DECÁLOGO DE LÉNIN A RISCA PARA DETONAR O BRASIL…FORA PT…!

  • Rodolfo

    -

    21/11/2012 às 12:18 am

    Uma coisa me passou agora pela cabeça, Reinaldo: os Ministros da Justiça e dos DH não deram uma única palavra para confortar os Policiais mortos pelos bandidos!
    Só ouvimos blá-blá-blá sobre as condições dos presídios(o PT está há 10 ANOS no poder!), sobre os “coitados” dos presos e absolutamente NADA sobre os policiais e seus familiares que estão sendo covardemente assassinados pela bandidagem!
    Esses 2 Ministros PALERMAS estão preocupados em dar mais conforto para os presos, mas não estão ligando a mínima para as condições de trabalho dos policiais militares que nos protegem!
    O PORQUINHO, ao invés de vir a público e de maneira firme avisar que colocaria a PF, o Exército ou quem quer que seja atrás de quem está dando essas ordens de execução, faz dos presos os pobres coitados da situação e não transmite a menor SEGURANÇA para a população do país!
    Desculpa, mas esse cara é um BAITA de um VAGABUNDO de marca maior! Um PILANTRA MORAL!

  • Marcos F

    -

    21/11/2012 às 12:08 am

    Nossa, Rei!
    Cheguei atrasado, porque estava viajando, mas …
    a Ministra Maria do Rosário estva viajando bem mais que eu!
    O PT não sabe ganhar uma eleição, eu sei. Agora vejo que “o PT nunca soube ganhar, mesmo que fossem várias eleições”. O que fez das prisões prometidas? Uma só? Covas fez 22 em 4 anos.

  • Dane Seh

    -

    20/11/2012 às 11:49 pm

    Enquanto isso o Cachoeira esvai-se pelos ralos da justiça, e liberta-se, pra não ter que gritar aos ingênuos que não existe político diferente, existe claque domada que segue a doutrina da mesmice, como se fosse algo melhor… f.dam-se, xiitas babacas da burrice imposta, pura bosta! Vcs se merecem, medíocres herdeiros da m…

  • FabioS.

    -

    20/11/2012 às 11:44 pm

    A Ministra esta correta quando estabelece uma correlação direta entra violência nas ruas e a situação dos presídios. O erro da Ministra é concluir que a causa da violência nas ruas é a situação dos presídios quando a correlação, apesar de não ser direta, é no sentido inverso. Quer dizer, quanto maior a violência nas ruas maior à predisposição da sociedade em aceitar a barbárie de algumas carceragens. Quem nunca escutou?”Ainda bem que vai sofrer na cadeia” ou “tem mais é que sofrer mermo”.
    Como bem disse o Roberto Campos “A estatística é igual ao biquíni, o que revela é importante, mas o que oculta é essencial”. Não bastasse serem ignorados princípios básicos da ciência e da estatística como “Correlação não implica causalidade” e os fatos e números serem encarados com viés de confirmação, ainda somos obrigados a assistir todos os eventos serem reduzidos a uma única causa.
    Dito isso, vamos aos fatos. Esta semana três fatos importantes ganharam os jornais: a afirmação obvia do Ministro Luiz Fux que até os Juízes devem respeitar as Leis, os pedidos de redução de pena do Marcos Valério e Roberto Jefferson e a demissão do Diretor da Anvisa. Busque na memória e repasse todos os casos em que um Político foi obrigado a responder pelos seus atos. Qual o único fator comum? O Delator! Já foi o Pedro Collor, o Francenildo, o dono do Restaurante o Durval Barbosa e agora o Roberto Jefferson. O que teria então O ministro, o Ex-Diretor e o Ex-Deputado em comum com o problema de São Paulo? Primeiro, Brasil o ônus recai sobre aquele que toma a decisão correta e segundo se é inadmissível a forma a qual os presos são tratados o que dizer sobre como as testemunhas são tratadas. O que a Ministra e o Ministro vão fazer a respeito? Por que não rever a Lei da Delação Premiada, também conhecida como Extorsão Premiada? Por que não investir no programa de proteção as testemunhas?

  • Daniel

    -

    20/11/2012 às 11:28 pm

    Reinaldo,

    na fala da Maria também está a semente para o comportamento revolucionário deles no passado. Eles só eram violentos porque o governo militar era violento.

  • J.B.CRUZ

    -

    20/11/2012 às 11:22 pm

    Autoridades fracas dá é nisso..Trasferem responsabilidades que são suas á sociedade,obrigando-nos a fiscalizar uns aos outros, enquanto ficam de plantão em seus moderníssimos escritórios pagos com nosso dinheiro, dando-nos lição de moral que deveriam ser suas..Sacripantas,ordinários e cafagestes..Eu cidadão brasileiro não deleguei direito a vocês para serem “reis” por conta própria…Um dia a casa cai,cuidado com a voz rouca das ruas,só está faltando um líder (escasso nos dias de hoje)para dar o primeiro grito…

  • josé

    -

    20/11/2012 às 11:11 pm

    Reinaldo, acabo de descobrir que temos uma ministra que é simplesmente genial.
    ___________________________
    (…) E mandou ver ao vento: “O que as pessoas precisam compreender cada vez mais é que, quanto pior a situação dentro dos presídios, mais violência nós teremos nas ruas. Há uma conexão”. (…)
    ¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨¨

    Segundo a genial descoberta, se todos forem encarcerados em hotéis 5 estrelas, é possível que com um ano de reclusão sejam devolvidos à sociedade milhares de “mahatmas gandhis”.

    Temos ou não temos uma ministra genial?

    Não sei se esta gente é atrevida, corajosa, ou se considera que todos os não partidários sejam estúpidos.

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados