Blogs e Colunistas

29/03/2012

às 12:01

Alô, Maioria Silenciosa da USP! Hoje é o último dia! Reaja! Substitua o Século 19 pelo 21! Chegou a hora de escolher: “Universidade ou socialismo?”

Alô, Maioria Silenciosa da USP! Hoje é o último dia para votar na chapa Reação e destituir o Século 19, substituindo-o pelo 21! Essa mudança já deveria ter acontecido em 2009, mas as eleições foram fraudadas. Até esquerdistas o admitem.

Está em suas mãos escolher uma representação estudantil independente, sim, da Reitoria, mas que saiba dialogar com ela, ou uma outra, que acredita que sua tarefa é preparar a universidade para o… socialismo!!!

Chegou a hora de fazer uma opção: Universidade ou socialismo?

Vote contra a rotina de depredação das instituições, das instalações e de tudo o que lembre qualidade. Afinal, “qualidade” é um valor “reacionário” e “burguês”.

Leve, com o seu voto, a contemporaneidade à representação estudantil!

Por Reinaldo Azevedo

Deixe o seu comentário

Aprovamos comentários em que o leitor expressa suas opiniões. Comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, dados pessoais (e-mail, telefone, RG etc.) e links externos, ou que sejam ininteligíveis, serão excluídos. Erros de português não impedirão a publicação de um comentário.

» Conheça as regras para a aprovação de comentários no site de VEJA

40 Comentários

  1. Andréa F.

    -

    31/03/2012 às 2:09

    A Chapa Reação encontra-se em Rehab! Caso não os veja novamente, tenham todos um bom dia e uma boa noite!

  2. José Gomes

    -

    30/03/2012 às 0:47

    Parabéns, estudantes da POLI. Mandem os vagabundos para o lixo!

  3. Vera

    -

    29/03/2012 às 20:01

    Para que o mal prevaleça, basta que os bons nada façam. Chega desse mal esquerdista doentio em nossa sociedade. A educação é a base e precisa reagir. Reaja USP!

  4. José

    -

    29/03/2012 às 19:43

    É isso, Reinaldo, parabéns.
    Outro dia, ao ver a primeira matéria sua a respeito, fiquei me indagando – “o que o Reinaldo está fazendo, metendo a colher dele numa cumbuca dessas? E logo dentro da USP?”
    Mas você está certíssimo, precisamos parar de só criticar o que está mal e passarmos a nos engajar na luta para corrigir o que está errado.
    Se toda a desgraça do Brasil começou dentro da USP, maior antro de esquerdismo do meio universitário, precisamos ajudar a mudar, exatamente esclarecendo a juventude que ali forma sua opinião sobre a política e o mundo.
    A maioria silenciosa só é governada pela minoria barulhenta, por que falta um apoio à reação, por parte de alguém com conhecimento de causa para fazê-lo.
    Se não reconquistarmos os corações juvenís, as lideranças malignas das sombras o farão, escravizando-os a um ponto que não consigam mais ver nada, além do que lhes impõe as “palavras de ordem” da militância vermelha.
    Um bom exemplo disso, é esse novo movimento comunista que estão chamando de “Levante Popular da Juventude”, manobrada por ninguém menos que João Pedro Stédile, entre outros comunas cascudos

  5. Diego Aurélio

    -

    29/03/2012 às 18:32

    Caro Sr. Censor,

    Converse mais com seu revisor, Sr. Reinaldo: “contemporaneidade” pode parecer comum-de-dois-gêneros – mas, surpreendentemente, não o é. A palavra, enquanto do gênero feminino, deveria ter o artigo ‘a’ precedido da mesma. Combatamos, juntos, o analfabetismo.

    REINALDO AVISA

    Deixo seu comentário aqui só pra dizer isto: deixe de ser babaca!

  6. mac z

    -

    29/03/2012 às 17:26

    Fazer parte da maioria silenciosa deve ser vantajoso, senão ela não seria maioria…
    (HOMENAGEM AO MILLOR)

  7. Walfredo Ribeiro

    -

    29/03/2012 às 16:45

    Reinaldo,

    Hoje, último dia de eleição do DCE da USP, a Folha online está noticiando que PMs da USP são pagos pelo PCC e o Estão online, por sua vez, noticia uma tal investigação sobre o envolvimento do Reitor da USP com uso indevido de verba pública. Gostaria muito de saber o que você pensa a respeito dessas “coincidências”!!!

  8. João

    -

    29/03/2012 às 16:40

    Aqui no Rio, um grupo de comunistas tacou tinta vermelha no Clube Militar Comunista protestando contra ditadura é o próprio significado da palavra oxímoro

  9. Sherlock

    -

    29/03/2012 às 16:34

    Já que não podemos votar, ficamos na torcida!

  10. Nardong Zong

    -

    29/03/2012 às 16:29

    Off topic

    Peraí, mas não tem UPP? Como é que traficantes invadem a escola anunciando que destituiram o presidente?

    http://oglobo.globo.com/rio/delegada-instaura-inquerito-para-apurar-invasao-quadra-da-mangueira-4443818

  11. Ana

    -

    29/03/2012 às 16:23

    Paulo- 29/03/2012 às 14:28

    Força. Torço por vocês. Que o giro seja de 180 graus, rumo à civilização. Que a USP seja realmente uma Harvard e a Poli um MIT.

  12. ClaudioSP

    -

    29/03/2012 às 16:04

    Já fiz o registro aqui de manha da luta da ministra Maria do Rosário contra o entendimento do Judiciário, que entende que nem sempre sexo com criança é estupro. Agora quero publicar que o ministro da Justiça, Cardozo, também é contra a decisão do judiciário. Essa luta dos dois para combater a exploração sexual de menores de 14 anos é uma luta de todos, ninguém deve empunhar bandeira partidária nessa hora. Espero que os cidadãos de bem aqui, mesmo que anti-petistas, saibam separar os interesses do PT dos interesses das crianças brasileiras. Espero o apoio de todos ao ministro Cardozo e ministra Maria do Rosário nesse tópico. Não sou petista ou gosto do PT, todos que acompanham aqui sabem disso, mas o bem de nossas crianças está acima de divergências partidárias. Reinaldo, gostaria até que comentasse essa decisão do STJ e das ações dos ministros.

  13. Ex-petista

    -

    29/03/2012 às 15:41

    Reinaldo,

    petralha Rafael, às 12:30.

    Se não me engano, esse vagabundo é “redator” dum lixo publicado pelo pco.

  14. Luiz Gonzaga

    -

    29/03/2012 às 15:36

    Na Pholha de São Paulo:

    “Sua resposta foi gravada, porém só entrará no site após aprovação de nossa equipe”. Essa é a chamada “censura de tempo”, só liberam os comentários depois que a matéria não é mais lida. Vou espalhar pela internet essa censura disfarçada!

  15. Luiz Andrade

    -

    29/03/2012 às 14:54

    Reinaldo.

    Desculpe comentar fora do assunto, mas hoje, data do aniversário de Curitiba, como presente ganhamos uma temperatura que é recorde de frio para o mês de março.

    (tecla SAP) Vou pegar o meu machado e cortar uma dúzia de árvores para me aquecer com a lenha e colaborar com o aquecimento global, pois se o planeta continuar esfriando assim vamos todos congelar.

  16. Paulo

    -

    29/03/2012 às 14:28

    Reinaldo, aqui na Poli a vitória da Chapa Reação será esmagadora. Ninguém quer socialismo, mesmo porque ninguém mais sabe o que isso significa. Na verdade queremos que a USP se torne uma Harvard e a Poli se torne um MIT.

  17. Bernardo

    -

    29/03/2012 às 14:23

    Reinaldo,

    vi ontem um vídeo do PC do B sobre Luis Carlos Prestes. No vídeo há a frase “em defesa da liberdade e da democracia.”

    Neste momento lembrei do livro “Guia politicamente incorreto da história do Brasil” e fui conferir o que a história documentada tinha a dizer sobre Prestes.

    Parece que o partido está tentando reescrever a sua história. Prestes deixou de ser um aspirante a Fidel Castro para se tornar defensor da democracia.

    Não sei se aqui é o local certo para comentar isto, mas o tema socialismo na USP me pareceu relacionado.

  18. Anónimo

    -

    29/03/2012 às 14:23

    Que responsabilidade! Se os alunos optassem pelo século 19, na melhor das hipóteses, teriam de viver novamente o século 20. Eu, hein!

  19. Deixe estar

    -

    29/03/2012 às 14:15

    Eu tenho certeza que, NO VOTO, a Reação ganha. Agora, se vai levar, é outro papo. Sabemos o apego que os esquerdopatas têm ao poder e o ódio que eles têm à democracia.

  20. Renata

    -

    29/03/2012 às 14:12

    Como o Brasil precisa dessa juventude silenciosa para poder sair deste atraso!

  21. Razumikhin

    -

    29/03/2012 às 13:58

    Quando o socialismo chegar vão ver o que é liberdade…

  22. Joe Silva

    -

    29/03/2012 às 13:46

    Reinaldo veja isso: governo da China rapta mãe e mata seu recém-nascido, por ser o segundo filho. A ministra Menecucci iria gostar.

    http://www.prisonplanet.com/the-shocking-face-of-chinas-brutal-one-child-policy.html

  23. P.Fuentes

    -

    29/03/2012 às 13:41

    Reinaldo
    Votem pelo adesão incondicional ao processo civilizatório.

  24. @Medeyer

    -

    29/03/2012 às 13:35

    Boa, Rei!
    estou apoiando a campanha da chapa #REAÇÂO no twitter desde terça, mas infelizmente, não pegou… vamos esperar para q essa maioria silenciosa faça valer sua vontade nas urnas!
    Abs!

  25. Marcos F

    -

    29/03/2012 às 13:35

    REAÇÃO!
    RE-AÇÃO!
    Salvem o Brasil, salvando a USP!

  26. Fábio

    -

    29/03/2012 às 13:29

    Século 21?!
    É muita coisa Reinaldo, muita mudança.
    Afinal e os companheiros? E os petralhas? e a macoinha nossa de cada dia… o bebunzinho… viajar… Esse negócio de modernidade, qualidade total é meio estranho… o legal mesmo é protestar… o legal mesmo é a negação da negação da negação! Como diria o Chalita, num entendi mas achei o máximo!

  27. PAULO BOCCATO

    -

    29/03/2012 às 13:28

    vao sumir com urnas, duplicar cedulas, trazer erstudantes jubilidados, etc.
    coo sempre , na usp da intelectualidade falsa, a mentira vencera !
    a usp e sua ‘humanas’ sao um desperdicio de tudo…tenho nojo da usp com a humanas !deveriam , isto si, é a poli, fea , odonto e med decidindo-se pela separação desta porcaria falida e improdutiva chamada ‘humanas da usp’ .

  28. Estado de direito,jà!

    -

    29/03/2012 às 13:28

    -
    O SITE DO IG parece que quer ver o circo pegar fogo ( trata o vanuci como secretário e deixa a Maria de fora…. )…. VAI VER QUE OP VANUCI É O INCETIVADOR DESSA MOLECADA BADERNEIRA…..
    -
    Talvez a razão que os petsitas não gostam de cumprir a Constituição seja o fato de que eles se recusaram a votar e aprová-la, em 1988…
    -
    -

    “Para o secretário nacional de Direitos Humanos Paulo Vannuchi, dificilmente o STF mudará de opinião quanto à Lei da Anistia se não houver uma pressão popular. “Não tenho como antecipar a decisão do Supremo e sou dos que torcem para que a Lei da Anistia seja revista o quanto antes. Mas sempre entendi que a estratégia mais consciente é em longo e médio prazo para conseguir o que já conseguimos e termos um amplo debate na sociedade. O Supremo não vai decidir a frio”, avaliou Vannuchi.”
    -

    STF julga Anistia enquanto luta para punir crimes da ditadura avança
    Recurso da OAB, que defende que tese do Supremo não atende regras internacionais, deve voltar a ser debatido hoje
    Ricardo Galhardo, iG São Paulo | 29/03/2012 06:03
    O Supremo Tribunal Federal deve apreciar nesta quinta-feira o recurso apresentado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) questionando validade da Lei da Anistia. Será a primeira vez que o STF vai apreciar o tema depois da decisão da Corte Interamericana de Direitos Humanos que, em novembro do ano passado, condenou o Brasil por não ter punido os responsáveis pelos crimes contra os direitos humanos cometidos durante a ditadura militar (1964-1985).
    Julgamento: STF deve voltar a julgar Lei de Anistia na quinta-feira
    Ativistas e autoridades envolvidos com o assunto consideram difícil que o Supremo reconsidere a sentença de abril de 2010, na qual ratificou a validade da Lei da Anistia. Nos entanto, segundo eles, um possível revés no STF não impede a onda de iniciativas para tentar punir os responsáveis por torturas, assassinatos, sequestros e outras atrocidades cometidas durante a ditadura.
    Galeria de imagens: Lei da Anistia foi o primeiro marco legal da transição democrática no Brasil
    Enquanto o Supremo se debruça novamente sobre a Lei da Anistia, o Ministério Público Federal prepara ações criminais contra torturadores, o Congresso Nacional, assembleias legislativas e até câmaras municipais instalam comissões da verdade e jovens ativistas promovem “esculachos” na frente das casas ou locais de trabalho dos criminosos.
    Segundo o procurador da república Ivan Marx, coordenador do grupo que tenta enquadrar juridicamente o coronel da reserva Sebastião Curió, acusado de sequestrar e assassinar pelo menos cinco integrantes da guerrilha do Araguaia, a nova linha de atuação do MPF independe da Lei da Anistia.
    Queda de braço: Justiça condena Curió por porte ilegal de arma
    Em vez de questionar a lei, a ação contra Curió – que deve ser apenas a primeira de uma série em todo Brasil — usa o argumento do crime continuado já que os corpos dos guerrilheiros sequestrados nunca foram encontrados e, portanto, não há como provar que eles estão mortos. E mesmo que as mortes sejam confirmadas, os responsáveis continuam cometendo o crime de ocultação de cadáver.
    “Com uma revisão da Lei da Anistia pelo Supremo poderíamos incluir outros crimes como tortura e assassinatos. Em relação aos crimes continuados não muda nada”, disse ele.
    Segundo Ivan Marx, enquanto não houver uma revogação judicial da Lei de Anistia o Brasil continuará desrespeitando a sentença da Corte Interamericana de Direitos Humanos.
    “Não sendo aceito o recurso da OAB o Brasil segue em situação de permanente violação”, disse o procurador.
    Na sentença, a Corte da OEA determina que o Brasil crie uma comissão nacional da verdade, garanta o acesso de familiares à informação, forneça educação sobre direitos humanos aos integrantes das Forças Armadas e puna criminalmente os responsáveis.
    Planalto: Dilma mantém Comissão da Verdade na agenda

    Não sendo aceito o recurso da OAB o Brasil segue em situação de permanente violação”, diz procurador.
    A comissão da verdade foi aprovada no ano passado pelo Congresso e aguarda a nomeação dos integrantes pela presidenta Dilma Rousseff. No rastro da decisão nacional, a Assembleia Legislativa de São Paulo já instalou sua própria comissão e deve ser seguida por outros estados. Na semana que vem o presidente da comissão paulista, Adriano Diogo (PT), vai ao Espírito Santo para ajudar na criação da comissão capixaba. “A Alesp abriu as portas para iniciativas semelhantes em todo o Brasil. Soube que serão instaladas comissões no Rio Grande do Sul, Pernambuco e até em Bauru (interior de SP)”, disse ele.
    Enquanto isso, jovens ativistas de organizações como a Consulta Popular decidiram agir por conta própria denunciando torturadores nas portas de suas casas ou locais de trabalho. As manifestações chamadas “esculachos” têm como referência a ação de jovens da Argentina e Chile, onde os crimes políticos estão sendo punidos.
    Para o secretário nacional de Direitos Humanos Paulo Vannuchi, dificilmente o STF mudará de opinião quanto à Lei da Anistia se não houver uma pressão popular. “Não tenho como antecipar a decisão do Supremo e sou dos que torcem para que a Lei da Anistia seja revista o quanto antes. Mas sempre entendi que a estratégia mais consciente é em longo e médio prazo para conseguir o que já conseguimos e termos um amplo debate na sociedade. O Supremo não vai decidir a frio”, avaliou Vannuchi.

  29. lu

    -

    29/03/2012 às 13:27

    Alunos da maior e mais bem conceituada Universidade do país, façam valer seu direito e principalmente seus princípios.Votem na chapa que representa valores que dignificam, que agregam, que acrescentam, que podem mostrar o rosto, enfim, que orgulham a todo o povo brasileiro. É preciso romper com ideologias agressivas, do vale tudo, da arrogancia , da covardia, da impunidade, do medo,… é urgente REAGIR para construir um país verdadeiramente democrático, livre, onde seus filhos, um dia,vão, de voces se orgulhar. Reinaldo, li que coroneis vão substituir um professor na coordenação da segurança na USP? Gostaria muito ter mais esclarecimentos. Acho uma boa idéia!

  30. rafael

    -

    29/03/2012 às 13:20

    REINALDOXX!!!

  31. ADRIANO MAGALHÃES

    -

    29/03/2012 às 13:00

    Reféns do estado, perseguidos pelo medo.

    Artigo assombroso!

    Aquí:
    http://www.midiasemmascara.org/artigos/direito/12931-refens-do-estado-perseguidos-do-medo.html

  32. Joel Z.

    -

    29/03/2012 às 12:51

    Alô rapaziada, o socialismo só é bonito no filme REDS por obra e graça do casal (ou triângulo amoroso) central.Mesmo assim descobre-se que o socialismo ou comunismo é um regime que não funciona.

  33. Jonas

    -

    29/03/2012 às 12:49

    Excelente matéria, Reinaldo.
    Boa parte dos estudantes, principalmente os recém-chegados, não sabem o teor político e ideológico desses valentes.
    Querem se apoderar do ninho econômico e de grande pode político, SP, para então engolir os outros estados com facilidade. Típica estratégia de guerra.. mate o comandante e o restante fica mais fácil.
    Terão de se ajoelhar à descência e à maioria!

  34. Augusto

    -

    29/03/2012 às 12:46

    Discordo!
    A meu ver é UNIVERSIDADE ou BARBÁRIE (É, sra. Rosa Luxemburgo; é sr. Castoriadis, as ilusões desfizeram-se todas).
    O SOCIALISMO desfez-se quando confrontado com a realidade.

  35. M@theus

    -

    29/03/2012 às 12:41

    Boa tarde Rei.

    Sei ñ, eles vão armar alguma deles, eles ñ aceitam jogar limpo, todo socialista, comunista é assim…

  36. C.R.

    -

    29/03/2012 às 12:40

    É impressionante assistir a omissão e a inércia destes jovens!
    Tenho uma filha de 18 anos que, graças a Deus e aos pais que tem, é extremamente politizada e leva debates importantes para pautar sua aula no Mackenzie.
    O que há com os jovens de hoje? Aliás, o que há com os brasileiros em geral?
    Vamos bem, não?

  37. Democracia Vacina Anti-Petralha

    -

    29/03/2012 às 12:37

    REAÇÃO É A VITÓRIA DA MUDANÇA ,REAÇÃO TEM A MORAL DA NAÇÃO E DA USP .REAÇÃO A USP DESEJA MAIS ATENÇÃO ,REAÇÃO É UMA AÇÃO DO FIM DO ATRASO MENTAL ,REAÇÃO É A FORÇA DA UNIÃO PELO BEM DA USP , REAÇÃO ENFRENTE SEMPRE COM A RAZÃO ,REAÇÃO O BRASIL TE APOIA ,VAMOS A LUTA E VENCER O ATRASO .

  38. Garganta

    -

    29/03/2012 às 12:19

    Caso a vitória da chapa Reação se consolide, é bom lembrar que a queda do muro se deu na Letras:

    http://www.youtube.com/watch?v=p7VSkHcV4jQ

    Garganta.

  39. Estado de dfireito, JÁ!

    -

    29/03/2012 às 12:11

    -
    -
    Para os futuros “adevogados”
    -
    -
    “O ensino, como a justiça, como a administração, prospera e vive muito mais realmente da verdade e moralidade, com que se pratica, do que das grandes inovações e belas reformas que se lhe consagrem. “ Obs.: Plataforma de 1910. Rui Barbosa

    -
    “Medo, venalidade, paixão partidária, respeito pessoal, subserviência, espírito conservador, interpretação restritiva, razão de estado, interesse supremo, como quer te chames, prevaricação judiciária, não escaparás ao ferrete de Pilatos! O bom ladrão salvou-se. Mas não há salvação para o juiz covarde.” Rui Barbosa
    -
    —————
    ————————
    ———————————-
    -
    -
    Casos para a Eleonora e a Maria, além do Cardozo…. olha que essa manual foi elaborado com muita propriedade…. o pessoa que deveria, incentivar o cumprimento das leis, são os piores…. e não é de hoje… QUANTOS CASOS DE ALUNOS DE CURSOS DE DIREITO CONHECEMOS – trambiques em restaurantes, roubos em universidade com reunião anual para comemorar, etc, etc.-
    -
    O QUE SPERAR DESSA JUVENTUDE, DESSS FUTUROS ADVOGADOS, JUÍZES, DELEGADOS PROMOTORES, DESEMBARGADORES, MINISTROS??? Não adianta dizer que o tempo fará as mudanças, MAS NA PRÁTICVA VEMOS QUE NÃO… como tem gente velha fazendo besteira por onde passa….
    -
    A OAB NÃO SE MANIFSTARÁ, ao menos contra essa aberração….
    -
    “Manual de calouros dita ‘obrigação sexual’ de alunas da UFPR

    DE SÃO PAULO
    Um “manual de sobrevivência” distribuído a calouros do curso de direito da UFPR (Universidade Federal do Paraná) causou indignação de alunos. O livreto de oito páginas afirma que mulher “tem a obrigação de dar” e que não pode ser parcelado.

    A informação é da reportagem de Jean-Philip Struck publicada na edição desta quinta-feira da Folha. A reportagem completa está disponível a assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha.

    O material afirma ainda que se uma garota disser “vamos com calma”, o aluno deve dizer “não pode o devedor obrigar o credor a receber parte em uma prestação e parte em outra”, segundo um trecho do artigo 252. E conclui: “Ela vai ter que dar tudo de uma vez”.

    O livro foi produzido pelo PDU (Partido Democrático Universitário), grupo que até 2011 comandava o centro acadêmico local, e começou a ser distribuído neste mês.

    A reportagem não conseguiu localizar os diretores da faculdade para comentar o caso. Os autores do manual foram procurados, mas não responderam ontem aos recados deixados pela Folha
    -
    -
    Obs: não consegui colar o Manual…… veja na folha.

  40. neoliberal otimista

    -

    29/03/2012 às 12:06

    Reinaldo, “off topic”
    Em entrevista com áudio no ESTADÂO ON LINE, o oncologista do Sírio-Libanês, Dr. Artur Katz disse que só se poderá falar em cura total do câncer de Lula em 2017 ! São necessários 5 anos de exames e acompanhamento para se poder utilizar com segurança absoluta a palavra CURA !!!

 

Serviços

 

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados