Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tem gente com o nome Hitler?

Somente no Brasil, são 188. Mas nenhum deles é descendente do Adolf original.

No Brasil, o site do IBGE que permite buscar no Censo 2010 pelos primeiros nomes das pessoas indica que há 188 pessoas chamadas Hitler. Elas vivem principalmente em Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro.

Na lista dos ditadores que se envolveram na II Guerra, o soviético Stálin (Josef) fica um pouco atrás: 110 indivíduos. O italiano Mussolini (Benito) vem com 40.

Do primeiro-ministro inglês Churchill (Winston), não aparece nada. O consolo para os que torcem pela democracia é que Roosevelt sai bonito em primeiro lugar neste ranking, com 1768 pessoas.

Os Hitler brasileiros não são familiares do Adolf original, pois esse não deixou descendentes. Hitler se matou com a mulher Eva Braum em Berlim com cianeto. Ele também deu um tiro na própria têmpora direita quando o Exército Vermelho, da União Soviética, se aproximava do seu bunker. O casal não deixou descendentes. Uma meia-irmã dele teve filhos, mas com outro sobrenome.

Veja também

Os Hitler de hoje são herdeiros de adoradores do ditador nazista. O produtor de filmes Matt Ogens, americano, chegou até a fazer um filme com os Hitlers que vivem nos Estados Unidos chamado Conheça os Hitlers (Meet the Hitlers, em inglês), lançado em 2014.

 

 

OUTRAS DÚVIDAS UNIVERSAIS

Por que os italianos gesticulam tanto?

O que os generais de Kim Jong-un anotam em seus caderninhos?

Quer ser avisado sobre os próximos posts? Siga o blog no Twitter @DudaTeixeira e no Facebook Duda Teixeira – Dúvidas Universais

 

Em 2009, um casal de Nova Jersey, nos Estados Unidos, perdeu a guarda dos filhos depois que um supermercado se recusou a decorar um bolo de aniversário com a frase: “Feliz Aniversário, Adolf Hitler”. Adolf, a sua irmã Aryan Nation (Nação Ariana) e Hons Honszlynn Hinler Campbell, que seria uma homenagem ao nazista Heinrich Himmler e nasceu depois, foram separados da própria família. Os promotores afirmaram que o motivo da decisão não foram os seus nomes, e sim a violência dentro de casa. Os pais negaram que fossem neonazistas.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. faltou relatar sobre os heróis das esquerdas: che, fidel, chavez…

    Curtir

  2. Vanessa Miranda

    Eu acho que deveriam impedir nomes “criativos” como: Kelyanny por exemplo, ou Leitte rsrs. Tem que botar um pouco de ordem, virou bagunça.

    Curtir

  3. Ariosto Miguéis

    A lei proíbe nomes que possam causar constrangimento às crianças. Mas…

    Curtir

  4. Ariosto Miguéis

    O IBGE falha. Conheço Winston, De Gaulle, Rommel, etc.

    Curtir