Clique e assine a partir de 9,90/mês

Conheça o americano Tony Robbins, o supercoach

Tony Robbins, o mais bem-sucedido expert em aprimoramento pessoal do mundo, veio pela primeira vez ao Brasil

Por Da Redação - Atualizado em 20 ago 2018, 18h54 - Publicado em 18 ago 2018, 12h00

Celebridade mundial, bilionário e motivador de presidentes, o americano Tony Robbins, estrela do universo da autoajuda, fez sua primeira palestra no Brasil, em São Paulo, na última quinta-feira (9). Sentar nas primeiras fileiras do espetáculo entremeado de música pop e luzes piscantes custou 5500 reais — e os assentos estavam lotados.

Diante de uma plateia de 13 000 pessoas em transe, um homem de mais de 2 metros de altura, músculos de quem se exercita diariamente, movimentava-se pelo palco, falava sem parar (em inglês, com tradução simultânea em fones de ouvido) e, a certa altura, colocou estranhos para trocar confidências como se fossem amigos de infância. “Conte para a pessoa ao lado quais são os piores sentimentos que você experimenta ao longo da semana”, disse. “Depois, se abracem.”

No competitivo universo do coaching, Robbins reina soberano. Da sua lista de clientes constam os ex-presidentes Nelson Mandela, Bill Clinton e Mikhail Gorbachev, a apresentadora Oprah Winfrey, a princesa Diana — até madre Teresa de Calcutá bebeu de sua fonte motivacional. Nascido na Califórnia como Anthony J. Mahavoric (o Robbins atual vem do pai adotivo), ele acumula um patrimônio estimado em 6 bilhões de dólares. A fortuna é fruto das vendas de três best-sellers (mais de 15 milhões de exemplares), dos concorridos seminários em um hotel de Palm Beach, na Flórida, que duram de três a sete dias e prometem “despertar o poder interior” dos participantes, e de palestras esporádicas como a que o trouxe a São Paulo por 24 horas  — chegou, apresentou-se por quatro horas, dormiu e foi embora em seu jato particular.

Publicidade