Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Wall Street fecham sem direção à espera de desfecho de reunião europeia

Wall Street encerrou a terça-feira sem direção, com o mercado à espera do desfecho da reunião dos ministros das finanças europeus em Bruxelas, iniciada hoje e com término marcado para amanhã. Segundo cifras definitivas, o Dow Jones subiu 0,28%, fechando aos 11.555,63 pontos, e o Nasdaq recuou 0,47%, aos 2.515,51 pontos.

“O mercado não foi capaz de ter um dia extraordinário após a forte alta de ontem”, disse Mace Blicksilver, da Marblehead Asset Management. “Também a reunião europeia não trouxe nenhuma notícia que guiasse os índices”, completou.

Um sinal ruim para a economia americana veio do mundo corporativo. A companhia aérea American Airlines e sua casa matriz, o holding AMR, anunciaram nesta terça-feira ter recorrido à lei de concordata, mas disseram que manterão suas operações normalmente, graças a uma disponibilidade de caixa de 4,1 bilhões em dinheiro.

Em um comunicado, a companhia aérea – cujo presidente executivo renunciante, Gerard Arpey, será substituído por Thomas Horton – explicou que a reorganização que será realizada, no âmbito do capítulo 11 da lei de falências americana, permitirá a redução de maneira duradoura seus custos operacionais, principalmente na questão salarial.

No mercado obrigatório, o rendimento dos bônus do Tesouro com vencimento a 10 anos subiu a 1,996%, contra 1,958% na segunda-feira. Já os títulos com vencimento para 30 anos fecharam a 2,956%, contra 2,951% na véspera.