Clique e assine a partir de 9,90/mês

Volkswagen no ABC tem produção parada por falta de bancos

Problema de abastecimento ocorre desde a quarta-feira da semana passada e atingiu também a unidade de Taubaté

Por Da Redação - 17 mar 2015, 10h22

A Volkswagen mantém totalmente parada a fábrica de São Bernardo do Campo (SP) por falta de bancos para a produção. O problema de abastecimento ocorre desde a quarta-feira da semana passada e atingiu também a unidade de Taubaté, que volta a operar nesta terça, segundo a empresa, porque tem algum estoque. A fabricante de bancos que suspendeu entregas é a Keiper, que estaria com dificuldades em receber matérias-primas, segundo informações do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC.

Em Taubaté, que faz os modelos up!, Voyage e Gol, a produção ficou totalmente parada na sexta e segunda. A partir desta quarta-feira, 250 trabalhadores dessa fábrica – que emprega quase 5 mil pessoas – entram em lay-off (suspensão temporária dos contratos de trabalho) por até cinco meses. No dia 30, todos os operários da produção da fábrica entrarão em férias coletivas por 20 dias. Também estão com trabalhadores em lay-off a Mercedes-Benz, General Motors e Ford.

Leia mais:

Acordo automotivo com México prevê livre comércio em 2019

Continua após a publicidade

Com automóveis e construção, vendas do varejo caem 4,9% em janeiro

Vendas – O mercado de carros novos continua sem sinais de reação e acumula no ano, até a primeira quinzena de março, queda de 19,3% nas vendas em relação a igual período de 2014. No acumulado do ano, foram vendidos até agora 537 mil veículos, ante 665,9 mil em igual intervalo do ano passado.

Levando-se em conta a média diária, as vendas neste mês caíram 27% ante igual período de um ano atrás. “O mercado automotivo mais que nunca depende da confiança dos consumidores e, em razão da instabilidade econômica e política, o que vemos é um resfriamento grande do ímpeto de compra”, afirma o sócio-diretor da consultoria GO Associados, Fábio Silveira.

Leia também:

Continua após a publicidade

Nova lei de retomada de carros pode ajudar setor

IPI de carros terá aumento em janeiro de 2015

Promoções – Com altos estoques nas fábricas e revendas, suficientes para 50 dias de vendas, quando o normal é de 25 a 30 dias, as montadoras intensificaram campanhas de varejo. A Renault iniciou na semana passada uma campanha em que sorteará dez modelos Sandero Stepway, no valor de 50 mil reais cada. A promoção termina no dia 23.

A Fiat oferece toda sua linha com prestações de 13 reais por um ano e um mês. O cliente precisa dar 60% de entrada, pagar as 13 primeiras prestações no valor reduzido e o restante em 35 parcelas iguais. A General Motors retomou campanha feita no ano passado de levar aos consumidores o mesmo desconto que oferece aos funcionários. A ação oferece, por exemplo, o sedã Cruze 1.8 automático por 69,9 mil reais, um desconto de 3,79 mil reais em relação ao preço oficial.

Continua após a publicidade

Na Volkswagen, o compacto up! Take tem desconto de 2.680 reais e é oferecido a 34.990 reais. A Ford optou por esticar as parcelas e oferece o Ka com entrada de 19.013 reais e 60 prestações de 499 reais.

(Com Estadão Conteúdo)

Publicidade