Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Vendas no varejo brasileiro sobem 6,7% em 2011

Em dezembro, vendas do comércio varejista avançaram 0,3%

Por Da Redação 14 fev 2012, 08h09

Segundo o IBGE, o expressivo aumento nas vendas de móveis e eletrodomésticos é decorrente do crescimento do emprego e do rendimento.

As vendas no varejo brasileiro tiveram alta de 0,3% em dezembro ante novembro e registraram elevação de 6,7 % em relação a igual mês de 2010, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta terça-feira. No acumulado de 2011, as vendas também registraram alta de 6,7%, acrescentou o IBGE. O número apresenta desaceleração em relação a 2010, quando as vendas cresceram 10,9%. Já a receita nominal avançou 10,1% em dezembro, na comparação com o mesmo mês de 2010 – e 11,5% no ano. O dado de novembro ante outubro foi revisado para baixo, mostrando alta de 1,2%, ante avanço de 1,3% reportado inicialmente.

Na comparação com o mês de novembro, sete das dez atividades de varejo acumularam alta em volume de vendas, com destaque para Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (6,9%) e Móveis e eletrodomésticos (2,6%). Já na comparação anual, apenas uma atividade apresentou resultado negativo: Livros, jornais, revistas e papelaria (-2,3%).

Os maiores avanços, por ordem de importância no resultado global do índice, foram em Móveis e eletrodomésticos (15,3%); Hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (4,6%); Equipamentos e material para escritório, informática e comunicação (34,8%); Artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (7,0%); Outros artigos de uso pessoal e doméstico (3,4%); Tecidos, vestuário e calçados (0,8%) e Combustíveis e lubrificantes (0,4%).

Segundo o IBGE, o expressivo aumento nas vendas de móveis e eletrodomésticos é decorrente do crescimento do emprego e do rendimento. O Instituto também afirma que a redução nos preços dos eletrodomésticos e o aumento do crédito impactaram o aumento das vendas.

Varejo ampliado – Incluindo-se as atividades de vendas de veículos, motos, partes e peças e de material de construção, o varejo avançou 1,6% em relação a novembro, com ajuste sazonal. A atividade registrou queda de 0,7% nas vendas em comparação com dezembro de 2010 e alta de 6,1% no acumulado do ano. Quanto a material de construção, as variações foram de 5,1% sobre dezembro do ano anterior e 9,1% no acumulado dos últimos 12 meses.

(Com agência Reuters)

Continua após a publicidade

Publicidade