Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vale vende ativos em carvão na Colômbia por US$ 407 milhões

A gigante da mineração brasileira, Vale, a maior produtora mundial de ferro, anunciou nesta segunda-feira a venda por 407 milhões de dólares de suas operações em carvão térmico na Colômbia para a CPC, filial da Colombian Natural Resources.

O negócio, que deverá ser aprovado por autoridades de controle, inclui os ativos da gigante brasileira em um sistema integrado de mina, ferrovia e porto.

A Vale decidiu vender 100% de sua participação na mina de El Hatillo e o depósito de carvão de Cerro Largo, no Departamento de Cesar, norte da Colômbia, disse a empresa em um comunicado.

“A venda de operações de carvão térmico na Colômbia é parte de nossos esforços contínuos de otimização de portfólio de ativos”, afirmou.

A operação também envolve direitos portuários na costa atlântica da Colômbia e a participação de 8,43% na Ferrocariles do Norte da Colômbia, a empresa responsável por levar o carvão das minas ao porto.

A mineradora brasileira está comprometida com milionários planos para expandir a produção de ferro no norte do Brasil e por isso resolveu desinvestir em alguns projetos no exterior.

A Vale registrou lucro líquido de 6,720 bilhões de reais (US$ 3,800 bilhões) no primeiro trimestre de 2012 (-40,5%). Em 2011, a empresa registrou lucro líquido de 22,885 bilhões de dólares.