Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Sarkozy: plano adotado em Bruxelas é a ‘única via’ para resolver dívida grega

O presidente francês, Nicolas Sarkozy, afirmou nesta terça-feira que o plano de resgate da Eurozona adotado na semana passada em Bruxelas é “a única via possível para resolver o problema da dívida grega”, em referência à decisão da Grécia de submeter o plano à votação popular.

“A França insiste em recordar que o plano adotado na quinta-feira passada por unanimidade entre os 17 Estados membros da Eurozona é a única via possível para resolver o problema da dívida grega”, afirmou Sarkozy após uma reunião de urgência com o primeiro-ministro François Fillon e os principais ministros de seu gabinete.

Sarkozy disse claramente que a iniciativa anunciada pelo primeiro-ministro grego, Giorgos Papandreu, de submeter a um referendo as medidas de austeridade contidas no plano de resgate adotado na semana passada em Bruxelas “surpreendeu toda a Europa”.

“Dar a palavra ao povo é sempre legítimo, mas a solidariedade de todos os países da Eurozona só pode ser exercida se todos aceitarem realizar os esforços necessários”, disse Sarkozy após uma reunião ministerial.

“Por isso a França e a Alemanha tomaram a iniciativa de se reunirem amanhã, antes da abertura da reunião do G20, para examinar junto com o primeiro-ministro grego as condições nas quais serão cumpridos os compromissos adotados”, disse o líder francês.

Em uma conversa por telefone, o presidente francês e a chefe de governo alemão, Angela Merkel, pediram para que seja adotado “rapidamente” um “roteiro” para garantir a efetividade do plano de resgate grego e para isso anunciaram uma reunião na quarta-feira à tarde em Cannes (sul da França), com o FMI e a UE, assim como com as autoridades gregas na reunião G20.