Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Produção industrial no Brasil sobe 1,1% em junho, diz IBGE

É o quarto mês seguido de alta, mas o valor acumulado no semestre ainda é 9,1% menor que em comparação ao mesmo período de 2015

A produção industrial brasileira registrou alta de 1,1% em junho na comparação com o mês anterior, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta terça-feira. Esta é a quarta alta seguida neste tipo de comparação, uma elevação acumulada  de 3,5% no período. No confronto com o mesmo mês do ano anterior, a produção caiu 6,0%. As expectativas de economistas eram de alta de 1,3% na variação mensal e de queda de 6,2% na base anual.

Apesar da alta, a produção industrial registra, no acumulado do ano, uma queda de 9,1% em relação ao mesmo período do ano anterior. O índice é 18,4% menor que o valor mais alto registrado, em junho de 2013.  Os analistas consultados pelo Focus esperam que a indústria feche este ano com uma retração de -5,95%.

Leia também:
Meirelles promete ‘o maior esforço possível’ para evitar imposto

Mercado reduz queda do PIB para este ano e inflação para 2017
Em relação aos segmentos analisados em junho frente a maio, a alta atingiu 18 dos 24 setores,  sendo a alta mais significativa a de veículos automotores, reboques e carrocerias (8,4%). No mês passado, a expansão dessa categoria havia sido de 5,5% em relação a abril. Outras contribuições importantes, segundo o IBGE, para o índice de junho vieram de perfumaria, sabões, produtos de limpeza e de higiene pessoal (4,7%) e metalurgia (4,7%). Todos os grandes grupos avançaram no período, sendo a maior alta a de Bens de Capital (2,1%)

(Com Reuters)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Thiago Pinheiro

    Favor rever o subtitulo. Creio que seja em comparação ao ano de 2015.

    Curtir

  2. Francisco Braga

    A INDUSTRIA BRASILEIRA NÃO SE RESUME APENAS A INDUSTRIA AUTOMOBILÍSTICA, SEI QUE SÃO DOS MAIORES ANUNCIANTES, MAS EXISTEM: A INDUSTRIA CALÇADISTA, TÊXTIL, E DE CONFECÇÕES QUE EMPREGA MUITO MAIS GENTE QUE A AUTOMOBILÍSTICA!

    Curtir

  3. não vai crescer enquanto os carros estiverem com preços exorbitantes, o povo não vai comprar, vão ficar no pátio… o brasileiro é burro mesmo

    Curtir