Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ouro fecha em queda com déficit comercial da China

Por Ricardo Gozzi

Nova York – Os contratos futuros de ouro fecharam em queda hoje na Comex, divisão de metais da bolsa mercantil de Nova York (Nymex), afetados por temores em relação à demanda da China, segundo maior consumidor mundial do metal precioso.

O ouro para entrega em abril caiu US$ 11,70 (0,68%) e voltou para baixo da barreira psicológica de US$ 1.700, fechando em US$ 1.699,80 por onça-troy.

A preocupação com a demanda chinesa baseia-se no resultado do saldo comercial de fevereiro. A China registrou déficit comercial de US$ 31,48 bilhões no mês passado. O número se soma a uma série de dados desalentadores sobre a economia chinesa.

“O aprofundamento do déficit comercial chinês seria negativo para os metais preciosos, em especial para o ouro”, advertiu Walter de Wet, analista do Standard Bank, em nota a clientes.

O consumo de ouro pela China aumentou 20% no ano passado, alcançando 769,8 toneladas, segundo o Conselho Mundial do Ouro. O país asiático é o segundo maior consumidor mundial do metal precioso, atrás apenas da Índia. As informações são da Dow Jones.