Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Odebrecht lidera único consórcio que entregou proposta para metrô de SP

Grupo formado pela construtora baiana e mais três empresas é o único a se interessar pela licitação da Linha 6 - Laranja

O Consórcio Move São Paulo, formado pelas empresas Odebrecht, Queiroz Galvão, UTC Participações e pelo fundo Eco Realty, entregou nesta quinta-feira uma proposta para a licitação da linha 6 do metrô de São Paulo, a chamada Linha Laranja, que será feita no modelo de Parceria Público Privada (PPP). Segundo a Secretaria de Transportes do governo paulista, apenas um consórcio entregou proposta, que ainda era avaliada na audiência desta quinta.

Esta é a segunda tentativa do governo paulista de licitar a operação, implantação e manutenção da linha, após não ter recebido nenhuma proposta no fim de julho. A linha terá início na estação Brasilândia e terminará na estação São Joaquim, da linha azul, passando pelos bairros Liberdade, Bela Vista, Higienópolis, Perdizes, Lapa e Freguesia do Ó.

A linha 6 tem investimento estimado em cerca de 8 bilhões de reais e 34 quilômetros de extensão. A demanda estimada pelo governo paulista é de 600 mil passageiros por dia.

Leia também:

Licitações do Metro e CPTM tinham ‘esquema’ desde 1998

Cade investiga cartel na área de trens e metrôs

(com agência Reuters)