Clique e assine a partir de 9,90/mês

OCDE aponta sinais de desaceleração na maioria dos países

Brasil prossegue uma recuperação da atividade em relação à tendência a longo prazo, mas com uma intensidade mais frágil

Por Da Redação - 9 jul 2012, 08h42

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) afirmou nesta segunda-feira que a economia de seus países-membros deve desacelerar este ano, especialmente por conta da Itália.

Leia também:

Mercado reduz novamente previsão de alta do PIB de 2012

O relatório de índices compostos, elaborado para mostrar tendências, aponta que o ritmo de crescimento a longo prazo de França e Alemanha, assim como do conjunto da zona do euro, permanece abaixo da média dos 34 países da OCDE, e que o mesmo acontece com Grã-Bretanha e Canadá. Na Itália, o índice “mostra com mais força uma desaceleração da atividade econômica”.

Continua após a publicidade

No caso do Brasil, prossegue uma recuperação da atividade em relação à tendência a longo prazo, “mas com uma intensidade mais frágil que a detectada” no relatório anterior, segundo a OCDE. Japão, Estados Unidos e Rússia permanecem acima da média geral, “mas continuam mostrando um esgotamento da dinâmica”, explica relatório.

Já a avaliação de China e Índia “mostra forte desaceleração”, abaixo da tendência a longo prazo.

(Com agência France-Presse)

Publicidade