Clique e assine a partir de 9,90/mês

Nokia Siemens Networks demitirá na Alemanha e Finlândia

Por Da Redação - 31 jan 2012, 13h42

Por Álvaro Campos

Frankfurt – A Nokia Siemens Networks informou hoje que cortará perto de 2,9 mil empregos na Alemanha e até 1,2 mil na Finlândia, como parte de seu plano de reestruturação anunciado em novembro do ano passado.

Na Alemanha, a maior parte dos cortes, que representam um terço da força de trabalho da companhia no país, será realizada até o fim deste ano. O número não inclui reduções de pessoal que possam resultar de potenciais vendas de ativos.

A Nokia Siemens Networks, uma joint venture entre a Nokia e a Siemens, emprega aproximadamente 9,1 mil pessoas na Alemanha e pretende reduzir o número de unidades de fabricação, suporte ao cliente e pesquisa no país para cinco, das atuais 35.

Continua após a publicidade

“A companhia planeja realinhar significativamente suas operações na Alemanha para se adaptar à sua nova estratégia de se tornar uma grande empresa de banda larga móvel e serviços”, informou a empresa por meio de um comunicado.

Na Finlândia, o plano é cortar aproximadamente 700 empregos na cidade de Espoo, 150 em Oulo e quase 350 em Tampere. Esses cortes representam 17% da força de trabalho da companhia no país, de 6,9 mil pessoas.

As negociações entre a empresa e os funcionários devem começar em 2 de fevereiro. “A Finlândia vai continuar a ser um importante centro de Pesquisa & Desenvolvimento e inovação para a Nokia Siemens Networks”, afirmou a companhia.

Em novembro, a empresa anunciou que cortaria 17 mil empregos em todo o mundo até o fim de 2013, além de reestruturar seus negócios em um esforço para alcançar uma rentabilidade sustentável e se posicionar para um futuro processo de independência. As informações são da Dow Jones.

Publicidade